Últimas

Sexta-Feira, 25 de Maio de 2007, 12h:22 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

De olho no PMDB, Santos "cola" em Aécio e Maggi

Governador Blairo Maggi e o prefeito Wilson Santos se reaproximam rumo ao pleito de 2008"Governador   O prefeito cuiabano Wilson Santos resolveu "colar" no governador de Minas, Aécio Neves, pré-candidato a presidência da República em 2010. Pretende seguir os passos partidários do mineiro. Tudo indica que ambos devem deixar o PSDB e migrar para o PMDB, de olho em projetos futuros.

   Por aqui, Santos tentará se desvincular do presidente regional do PSDB, ex-senador Antero de Barros. A estratégia é se reaproximar do governador Blairo Maggi (PR), de quem espera apoio a sua reeleição nas urnas de 2008. Um dos interlocutores é Luiz Antônio Pagot, ex-secretário de Maggi e futuro diretor-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit).

    Semana passada, Santos veio de Brasília para Cuiabá de carona no avião do governador. Ambos conversaram longamente. Maggi disse, numa referência ao prefeito tucano: "Se você tiver juízo, terá o meu apoio". Nos bastidores, o governador considera mais fácil subir no palanque de Santos se este migrar para um outro partido. Mas, publicamente, Blairo Maggi apresenta outro discurso. Enfatiza que o PR tem a pré-candidatura do deputado Sérgio Ricardo já colocada. Sobre a possibilidade do seu partido apoiar Santos, o governador disse que, "em política não pode se descartado".

    No PMDB

    Wilson Santos abriu diálogo com o PMDB, no qual já militou por vários anos. Tem ligação estreita com o deputado federal Carlos Bezerra, que comanda a legenda há uma década. O maior obstáculo é o apresentador de TV e deputado Walter Rabello, que não admite desistir da disputa ao Palácio Alencastro. Rabello já avisou: se Santos for para o PMDB, ele vai procurar viabilizar sua candidatura por outra agremiação, entre elas o PP do deputado José Riva.

     A  16 meses das eleições municipais, há uma "inflação" de prefeitáveis. O PT sonha com a candidatura de Carlos Abicalil. A senadora Serys Marly também não descarta a disputa, assim como Verinha Araújo. O DEM menciona o nome do ex-prefeito Anildo Lima Barros. O PSB tenta empurrar à disputa o deputado federal Valtenir Pereira. O PSDB aposta que Santos continuará na legenda para tentar a reeleição. O PMDB vê chance de vitória com Rabello e, o PR, por enquanto, cogita o nome de Sérgio Ricardo.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • camila araujo de almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vocês que tão lendo esta reportagem ,com certeza acha a releição de wilsom santos estupidez pois se depender das pessoas que andam de onibus em cuiaba,pode esquecer sua atuação na politica wilson santos...Nós cuiabanos não aguentamos mais o super faturamento da tarifa municipal isto é um roubo portanto não quero ser roubada outra vez....fora wilson.2,05 é roubo vc ta do lado dos empresarios e o povo que te elegeu não te quer mais...1,85 +2,05+WILSON SANTOS= EXCLUÇÃO SOCIAL......EXIGIMOS REDUÇÃO..

  • Cristiano Marques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na eleição passada Blairo apoiou sérgio ricardo no primeiro turno e ficou ate roco de pedir voto para alexandre cesar no segundo turno, na eleição presidencial apoio lula e todos perderam aqui no estado. Esse apoio é a poita que falta para derrotar esse prefeito que governa pelos interesses dos empresario de onibus.

  • José Antônio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O que esperar desta nossa política, principalmente a Matogrossense. Acordos firmandos durante a noite, e na manhã seguinte, não cumpridos. E não são poucos.
    O Sr. Prefeito, poderia também pedir apoio ao Governador Maggi, para ajudá-lo a pagar dívidas com fornecedores, seria um Excelente discurso para sua campanha, a adimplência com o setor privado.

PGR monitora delação de ex-deputado

jose riva 400 curtinha   Membros do alto escalão da Procuradoria-Geral da República, que rejeitou a proposta de delação de José Riva (foto) na esfera federal por causa de omissão de crimes, estão monitorando os bastidores do acordo de colaboração, agora entre o Ministério...

Fritado no PDT e buscando o Aliança

antonio galvan 400 curtinha   Fritado no PDT, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), pretende agora procurar espaço em um partido considerado de direita. E está se movimentando para assumir em MT o comando do Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado pelo presidente Bolsonaro. O sojicultor se mostra,...

Lúdio e incógnita sobre quem apoiar

ludio cabral 400 curtinha   Em 2010, com PT rachado, o hoje deputado estadual Lúdio Cabral (foto) não apoiou Carlos Abicalil, do seu partido, para o Senado. Preferiu virar cabo eleitoral de Pedro Taques, que se elegeu. Agora, para este pleito suplementar ao Senado marcado para 26 de abril, para preencher a vacância devido...

Cotado à cadeira de desembargador

francisco faiad 400 curtinha   É forte o movimento nos bastidores entre os juristas, dentro e fora da OAB/MT, pela indicação do nome de Francisco Faiad (foto) pela classe Quinto Constitucional à cadeira de desembargador. Bem articulado e com bom conceito no meio jurídico, Faiad foi presidente da OAB/MT por dois...

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.