Últimas

Sexta-Feira, 25 de Maio de 2007, 12h:22 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

De olho no PMDB, Santos "cola" em Aécio e Maggi

Governador Blairo Maggi e o prefeito Wilson Santos se reaproximam rumo ao pleito de 2008"Governador   O prefeito cuiabano Wilson Santos resolveu "colar" no governador de Minas, Aécio Neves, pré-candidato a presidência da República em 2010. Pretende seguir os passos partidários do mineiro. Tudo indica que ambos devem deixar o PSDB e migrar para o PMDB, de olho em projetos futuros.

   Por aqui, Santos tentará se desvincular do presidente regional do PSDB, ex-senador Antero de Barros. A estratégia é se reaproximar do governador Blairo Maggi (PR), de quem espera apoio a sua reeleição nas urnas de 2008. Um dos interlocutores é Luiz Antônio Pagot, ex-secretário de Maggi e futuro diretor-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit).

    Semana passada, Santos veio de Brasília para Cuiabá de carona no avião do governador. Ambos conversaram longamente. Maggi disse, numa referência ao prefeito tucano: "Se você tiver juízo, terá o meu apoio". Nos bastidores, o governador considera mais fácil subir no palanque de Santos se este migrar para um outro partido. Mas, publicamente, Blairo Maggi apresenta outro discurso. Enfatiza que o PR tem a pré-candidatura do deputado Sérgio Ricardo já colocada. Sobre a possibilidade do seu partido apoiar Santos, o governador disse que, "em política não pode se descartado".

    No PMDB

    Wilson Santos abriu diálogo com o PMDB, no qual já militou por vários anos. Tem ligação estreita com o deputado federal Carlos Bezerra, que comanda a legenda há uma década. O maior obstáculo é o apresentador de TV e deputado Walter Rabello, que não admite desistir da disputa ao Palácio Alencastro. Rabello já avisou: se Santos for para o PMDB, ele vai procurar viabilizar sua candidatura por outra agremiação, entre elas o PP do deputado José Riva.

     A  16 meses das eleições municipais, há uma "inflação" de prefeitáveis. O PT sonha com a candidatura de Carlos Abicalil. A senadora Serys Marly também não descarta a disputa, assim como Verinha Araújo. O DEM menciona o nome do ex-prefeito Anildo Lima Barros. O PSB tenta empurrar à disputa o deputado federal Valtenir Pereira. O PSDB aposta que Santos continuará na legenda para tentar a reeleição. O PMDB vê chance de vitória com Rabello e, o PR, por enquanto, cogita o nome de Sérgio Ricardo.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • camila araujo de almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vocês que tão lendo esta reportagem ,com certeza acha a releição de wilsom santos estupidez pois se depender das pessoas que andam de onibus em cuiaba,pode esquecer sua atuação na politica wilson santos...Nós cuiabanos não aguentamos mais o super faturamento da tarifa municipal isto é um roubo portanto não quero ser roubada outra vez....fora wilson.2,05 é roubo vc ta do lado dos empresarios e o povo que te elegeu não te quer mais...1,85 +2,05+WILSON SANTOS= EXCLUÇÃO SOCIAL......EXIGIMOS REDUÇÃO..

  • Cristiano Marques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na eleição passada Blairo apoiou sérgio ricardo no primeiro turno e ficou ate roco de pedir voto para alexandre cesar no segundo turno, na eleição presidencial apoio lula e todos perderam aqui no estado. Esse apoio é a poita que falta para derrotar esse prefeito que governa pelos interesses dos empresario de onibus.

  • José Antônio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O que esperar desta nossa política, principalmente a Matogrossense. Acordos firmandos durante a noite, e na manhã seguinte, não cumpridos. E não são poucos.
    O Sr. Prefeito, poderia também pedir apoio ao Governador Maggi, para ajudá-lo a pagar dívidas com fornecedores, seria um Excelente discurso para sua campanha, a adimplência com o setor privado.

Ação de promotor e volta de restrições

Adalberto Ferreira   O promotor de Justiça Adalberto Ferreira garante que prefeito de Juscimeira Moisés dos Santos não havia editado nenhum decreto endurecendo as regras de restrições à pandemia do coronavírus antes do MPE propor ação na Justiça. Ao falar sobre nota publicada...

Oséas agora está nas mãos de Abílio

oseas machado 400 curtinha   Oséas Machado (foto) conseguiu derrubar Abílio Júnior, a quem denunciou por quebra de decoro parlamentar, e assumiu a cadeira deste na Câmara da Capital. Agora, o cassado se articula para dar o troco. O problema é que ambos estão no PSC. Oséas quer buscar a...

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

PL quer suspender dívidas das cidades

max russi curtinha 400   Ex-prefeito de Jaciara, o deputado Max Russi (PSB) apresentou projeto que visa suspender os pagamentos das dívidas dos municípios com o Estado, durante o período de calamidade pública que foi decretado pelo governo por causa da pandemia do coronavírus. Max ressalta que MT não deve...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.