Últimas

Quarta-Feira, 03 de Junho de 2009, 13h:35 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

CÂMARA DE CUIABÁ

Delegacia fecha cerco contra o ex-presidente Lutero

 Depoimentos de empresários que prestaram serviços à Câmara em 2007 e 2008 junto à Delegacia Fazendária podem complicar ainda mais a situação do ex-presidente Lutero Ponce (PMDB), acusado de causar um rombo de R$ 3 milhões ao Legislativo cuiabano somente no exercício do ano passado. Após a pré-análise de documentos contidos em 60 caixas referentes a todos os procedimentos licitatórios e empenhos feitos na gestão Lutero, os delegados começaram a ouvir nesta quarta (3) alguns prestadores de serviços da época. A expectativa é de que a coleta de depoimentos se estenda até sexta (5), quando será feito um relatório parcial sobre as investigações policiais.

   Somente com os primeiros depoimentos, a Delegacia Fazendária já detectou que há mesmo indícios de corrupção. As empresas prestadoras de serviços apresentam espécie de conexão entre as  gestões Chica Nunes e Lutero, já que algumas empresas que aparecem nos inquéritos movidos contra a ex-gestora também prestaram serviços à Câmara no período em que Lutero foi presidente. Denúncias revelam que existem no rol de "prestadoras de serviços" cinco empresas fantasmas, segundo aponta relatório de uma auditoria feita sob encomenda do presidente da Mesa Diretora, vereador Deucimar Silva (PP).

   Os delegados estão fazendo uma verdadeira força-tarefa para concluir as investigações. Em princípio, o prazo para a finalização do inquérito é de 30 dias, com a prerrogativa de, se necessário, estendê-lo por igual período.

   Caso Lutero

   Após apresentação de relatório que apontou irregularidades em licitações, uso indevido de verba indenizatória, prestação de serviços por empresas de “fachada” e má gestão do dinheiro público, foram protocolados na Câmara cinco pedidos de afastamento imediato e criação de uma Comissão Processante contra Lutero. Por 8 a 7, os vereadores cuiabanos livraram Lutero do procedimento investigatório interno. Inconformada com o resultado, a Ong Moral iniciou um movimento “Acorda Cuiabá” e já apresentou 20 novos pedidos em desfavor do peemedebista. O setor jurídico da Câmara estuda se ações podem ser levadas a plenário, uma vez que o assunto já foi decidido pela Casa e não há um fato novo. (Sandra Costa e Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    éééé tem gente que vai rodar! hehehehhe

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VAI DAR EM NADA

  • Prof.Shimizu | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse tal de Lutero é bom aluno mesmo! Deve ter aprendido com a professora, quando era vice dela.

  • magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse moço trabalha bem, vamos arrumar ele para cuidar das obras do PAC, ele sabe comprar coisas....heheheheheheh.....espertinho ele né....é não pagou a promessa....hóóóóóó bichinho ruim de paga.

  • Janaína Meira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É Lutero e caterva, seus dias estão contados...
    Quem viver verá!!

  • Fernando Pocao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não vai dar em nada isso, sera que pelo menos a metade da população lembra quais foram os vereadores que votaram contra a cassação dele

  • Aroldo Tocantins | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já esta na hora de desmascar esse vereador corrupto, cadeia nele.

  • Silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parece até piada essa robalheira toda, pior que está perdendo a graça. Esse pessoal tem que ficar bem longe do dinheiro da Copa 2014, já pensou o estrago que são capazes de fazer?
    Eu teria vergonha até de conhecer um sujeito desse, imagina votar nele!

  • GONÇALINA BEIRA RIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Professora Jô | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu lembro muito bem dos vereadores que votaram a favor de Lutero. Isso vai acabar em pizza. Os vereadores deveriam fiscalizar os serviços publicos, mas pelo que se ve eles não conseguem legislar nem a própria casa de leis. Que horror precisamos votar em homens de verdade.

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

Dobradinha no Podemos pela reeleição

claudinei 400 curtinha   Eleito deputado na onda Bolsonaro, o delegado de Polícia Claudinei de Souza Lopes (foto) resolveu deixar o PSL e vai se abrigar no Podemos. Sonha com a reeleição. Sua estratégia é trabalhar o que se chama de dobradinha eleitoral com o deputado federal José Medeiros, especialmente em...

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.