Últimas

Quarta-Feira, 07 de Outubro de 2009, 08h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

RUMO A 2010

DEM sugere Goellner e Zé Domingos para vice de Santos

 Fernando Ordakowski
Clique na imagem para ampliação
O deputado José Domingos e o senador Gilberto Goellner são preferidos para composição com tucanato

   Mesmo com a cautela de só definir o nome para vice de sua chapa a partir das composições majoritárias dos adversários, o prefeito cuiabano Wilson Santos (PSDB) é simpático e favorável à ideia de contar com o senador Gilberto Goellner (DEM) como vice na corrida ao Palácio Paiaguás. Ele admite, nas articulações internas, que Goellner possui pouca inserção política na Baixada Cuiabana e em outras regiões, como no Nortão e Araguaia, mas é uma das figuras que representam o agronegócio, segmento que o tucanato pretende atrair e, ao mesmo tempo, contrapor à chamada turma da botina, que deve apoiar o pré-candidato do PMDB, o hoje vice-governador Silval Barbosa.

   Goellner é produtor rural e mora em Rondonópolis, cidade-pólo do Sul do Estado. Virou senador no lugar de Jonas Pinheiro, que faleceu em fevereiro do ano passado. Integra a bancada ruralista. Motivado pela conjuntura nacional, a composição PSDB-DEM deve se repetir em Mato Grosso, com os ex-adversários políticos Santos e o senador Jayme Campos no mesmo palanque. Há entendimento entre ambos de que o nome que melhor pontuar nas pesquisas de intenção de voto vir a ser o candidato do bloco oposicionista. Hoje, o preferido seria Santos. A estratégia agora é apagar as rixas políticas do passado para não trazer desgaste à aliança.

    Nessa composição, o DEM indicaria o candidato a vice-governador. Chegou-se a fomentar o nome de Lucimar Campos, esposa do próprio Jayme. A opção não avançou. Acontece que Lucimar é de Várzea Grande, região da chamada Baixada Cuiabana, a mesma de Santos. Tucanos e democratas apresentaram, então, outros dois nomes alternativos e que estão sob análise. Um seria Goellner, cujo mandato no Congresso Nacional termina no próximo ano. O outro trata-se do ex-prefeito de Sorriso por três mandatos e hoje deputado estadual José Domingos, tido como figura capaz de agregar bom eleitoral, principalmente no Médio-Norte e Nortão, regiões onde o governista Silval apresenta melhor desempenho nas pesquisas.

    Geralmente o candidato a vice dos principais nomes que entram na briga à cadeira de governador  vem de região diferente da do cabeça-de-chapa. Blairo Maggi (PR), por exemplo, tem como vice Silval, ex-prefeito de Matupá e uma das lideranças do Nortão. No primeiro mandato, o governador apresentou como companheira de chapa Iraci França, que é de Cuiabá. Dante de Oliveira (já falecido) chegou ao Palácio Paiaguás primeiro com Márcio Lacerda, da Grande Cáceres (Oeste) como vice e, no segundo mandato, com Rogério Salles, de Rondonópolis (Sul).

    Agora, enquanto Wilson Santos mira para o Nortão, com Zé Domingos, e também para o Sul, com Goellner, seu provável adversário Silval Barbosa está de olho na Baixada Cuiabana. Ele sonha em ter como companheiro de chapa um nome que venha a contrapor a base eleitoral do prefeito. Em princípio, o peemedebista acreditava que esse nome seria do empresário Mauro Mendes, presidente da Fiemt e candidato derrotado no segundo turno à Prefeitura de Cuiabá em 2008. O problema e que Mendes trocou o PR pelo PSB, se distanciou da turma da botina e do governo Maggi para tentar um projeto alternativo à sucessão estadual.

Postar um novo comentário

Comentários (25)

  • Eleitora | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    FRAQUINHOS, FRAQUINHOS!!!

    O GOELNER NÃO SE ELEGE NEM A VEREADOR EM RONDONÓPOLIS!!!

    ESSE ZÉ, LÁ EM SORRISO O POVO NÃO QUER!!!

    É O DESESPERO MEU POVO!!!

  • cicero almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho sinceramente que o vice do silval nesta altura do campeonato deveria ser Rodrigo FIgueiredo, que dispensa apresentação, pense nisso Barbosa

  • geraldo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    sai fora esse galinho não ganha nada....vote , da liçença.

  • Josemar Aurélio-reporter por 1 dia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vocês estão todos enganados: Se o Jaime não sair candidato a Governador, e o DEM indicar o Vice para compor com o PSDB, um nome forte deve ser anotado em suas carteirinha: ROLLAND TRENTINE, ATUAL PREFEITO DE ALTO GARÇAS, este é o CARA. É muito querido e leal a familia Campos,ao finado Jonas, ao DEM, e tem $$$$ para ajudar a eleição.É do agro-negocio e da região sul do estado, com transito em todo estado. Anotem este nome: Rolland Trentine, é nota 10 para Vice Governador de MT em 2010.

  • anamariasousamelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    tucano está instinto sáo aves velhas sem vida ah ah ah....

  • Lúcio Arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    GILBERTO GOLNNER COMO VICE???
    WILSON VAI CHUPA UMA MANGA BEM DOCÊ!!!.
    ESSE NÃO TEM VOTO!.

  • junior barreto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    eu estarei com wilsom com qual vice ele escolher. sai fora magico desgastado

  • ANA SERAFIM | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vou torcer pra essa chapa dar certo. Vaõ tomar uma surra só. Wilson x Golner. vai no 1º Turno. Há! ha! ha!

  • eliete ramos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    wilsom vai ganhar as eleiçoes para o governo, e vai fazer um bom governo em todas as regioes e principalmente na capital e varzea grande ...onde o blaulio abandonou e nos perseguiu com obrinhas de pintura de predios .

  • antonio de arruda cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    nao vejo a hora de cheger as eleições para o governo para eu poder depositar o meu voto que sao pessoas que eu acredito.

    Serra, Pra Presidente!
    Wilson, Pra Governador!
    Pedro Taques e Antero, pra Senador!
    Rogerio Salles, Pra Deputado Federal
    Ze domingos, Pra estadual!

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.