Últimas

Quinta-Feira, 08 de Março de 2007, 23h:29 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Denunciada, Lueci preside Comissão de Ética

    A Mesa Diretora escolheu a vereadora por Cuiabá, Lueci Ramos (PFL), denunciada pelo Ministério Público por atos de improbidade administrativa, como presidente da Comissão de Ética e Decoro Parlamentar. As demais comissões também tiveram presidentes e membros definidos nesta quinta (8).

   Lueci foi denunciada em dezembro do ano passado pelos promotores de Justiça, Célio Fúrio e Ana Cristina Bardusco, junto com outras duas pessoas (Rosineide da Silva e Israel Velasco). O MPE pede ressarcimento por prejuízos causados ao erário. Segundo os promotores, as investigações evidenciaram que Lueci fez esquema com Israel Velasco, presidente da Associação Mato-grossense de Doadores Voluntários de Sangue, para angariar votos. Assim, a entidade passou a ser utilizava para fins ilícitos, por intermédio de nomeação em cargo comissionado da  Câmara Municipal de Cuiabá. 
      Quando foi candidata em 96, Lueci buscou apoio político de Israel e, como não podia remunerá-lo pelos serviços prestados, ajustou com ele que, caso fosse eleita, colocaria uma funcionária de seu gabinete à disposição da associação.

     Assim que Lueci foi eleita, Israel a procurou e indicou Rosineide, que já trabalhava na associação, para que passasse a figurar no quadro de funcionários do gabinete da vereadora. Desta forma, Rosineide foi contratada pela Câmara por R$ 3.150,00. Se tornou fantasma, pois não comparecia para trabalhar. Lueci admite ter feito a contratação, mas nega prática de qualquer ato ilegal.

     Comissões

     Além de Lueci Ramos, na Comissão de Ética, o presidente do legislativo cuiabano Lutero Ponce (sem partido) anunciou os vereadores que conduzirão as outras comissões. Levi e Freitas (PMDB) preside a de Transporte, Urbanismo e Meio Ambiente. Permínio Pinto (PSDB) ficou com a Comissão de Defesa do Consumidor, enquanto Éden Capistrano (PSB) conduzirá os trabalhos da Comissão de Recursos Hídricos.

     O oposionista Lúdio Cabral (PT) ficou responsável pela Comissão de Educação, Cultura e Saúde. Mário Lúcio conduzirá a Comissão de Direitos Humanos. Eronides da Luz, o Nona (PSDB), conduz a Constituição e Justiça. O ex-líder do prefeito Wilson Santos na Câmara, Ivan Evangelista (PPS), preside a Comissão de Economia e Finanças.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto). Ele, por sua vez, e para não...

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...