Últimas

Domingo, 18 de Fevereiro de 2007, 00h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EDUCAÇÃO

Deputado quer Bolsa Universitária para carentes

    Galindo defen  de que Estado pague 1/3 das despesas em instituições privadas     

    Com jeito tímido e acanhado, ele pouco subirá à tribuna para discursar. Mas, em silêncio, deve se destacar em termo de projetos de qualidade. Com menos de 15 dias de mandato, o empresário Chico Galindo (PTB), irmão de Altamiro, dono do Grupo Unic, já apresentou uma proposta que vai gerar muito discussão nos Poderes Legislativo e Executivo e junto à sociedade. Propôs que o Estado implante o programa Bolsa Universitária para custear ao menos um terço as despesas de estudantes carentes junto às instituições privadas.

    O projeto de Galindo foi apresentado em parceria com os colegas José Riva (PP) e João Malheiros (PPS). O parlamentar petebista defende que o governo estadual inclua no orçamento as despesas com o programa. Pela proposta, enquanto o Estado bancaria um terço, as universidades, com oferta de vagas excedentes, custeariam o restante (dois terços). Pelos cálculos de Galindo, cada universitário geraria um custo anual de R$ 5 mil. "Se o governo destinar R$ 4 milhões teria condições de contemplar mil alunos. Esse projeto vem de encontro aos anseios de vários jovens que desejam aprimorar, se qualificar, crescer, progredir na vida pessoal e contribuir para com a coletividade através do seu trabalho", destaca. Lembra que em Goiás, o governo implantou esse projeto e mantém 10 mil universitários.

    Antes de apresentar o projeto em plenário, Chico Galindo buscou apoio dos secretários Luiz Pagot (Educação), Chico Daltro (Ciência e Tecnologia) e Flávia Nogueira (Apoio a Políticas Educacioais). O deputado explica que as universidades públicas de MT (UFMT e Unemat) só atendem a 10% da demanda. A cada ano, cerca de 50 mil concluem o ensino médio e estão pronto para cursar o terceiro grau. Em que pese o Estado já manter a Unemat e o governo federal a UFMT e o programa Pró-Uni, que contemplou 1,2 mil universitários do Estado em 2006, Chico Galindo entende que não é suficiente.

   Pelo projeto, que agora será analisado pela Comissão de Educação da Assembléia Legislativa, o estudante a ser beneficiado pelo programa educacional Bolsa Universitária prestará serviços ao governo, seja no pré-vestibular comunitário ou qualquer programa ou projeto cadastrado nos órgãos governamentais.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

SD também deseja Taques ao Senado

pedro taques 400 curtinha   Empolgado com resultado de uma pesquisa interna, na qual estaria bem pontuado, aparecendo entre os preferidos ao Senado, mesmo após deixar o cargo de governador bastante desgastado, Pedro Taques (foto) passou a flertar não só com o Cidadania, conduzido no Estado pelo seu ex-secretário Marco...

Presidente do TJ-MT assume Codepre

carlos alberto tj 400 curtinha   O presidente do TJ-MT Carlos Alberto (foto) foi eleito presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais de Justiça (Codepre) do país. O cargo alça o membro de MT à liderança de discussões nacionais importantes. Dentre as atribuições do colégio...

Brecha pra futuro cassado ir à Justiça

kero kero curtinha 400   Wilson Kero-Kero (foto), ex-SD (socialista) que foi para ex-PSL (direita), anunciou ida para Podemos, mas permanecerá no partido direitista, é o relator do processo de cassação do colega Abílio Júnior, na CCJ da Câmara de Cuiabá. Na Comissão de Ética o...

Filho de Taborelli assume vaga em VG

Willy taborelli _ curtinha400   O pai coronel Taborelli está fora de combate, mas o filho Willy (PSC), suplente de vereador, vai assumir cadeira na Câmara de VG a partir de 2 de março. Vai atuar na vaga do correligionário Miguel Baracat, que se licencia para fazer tratamento de saúde. O filho do polêmico...

Sem acordo para ter apoio de Selma

otaviano pivetta 400 curtinha   O empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, pré-candidato ao Senado, disse que, de fato, recebeu convite para se filiar ao Podemos, inclusive do deputado Medeiros, um de seus prováveis adversários nas urnas de abril, mas que segue firme no PDT. Destaca ser um admirador do senador...

Na expectativa para disputar Senado

nelson barbudo 400 curtinha   Se o TRE flexibilizar a data de filiação para quem quer concorrer ao Senado, na eleição suplementar de abril, a inflação de candidatos tende a ser ainda maior. Entrariam no páreo, além dos 10 que já se dizem pré-candidatos, o ex-governador Pedro...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.