Últimas

Quinta-Feira, 04 de Outubro de 2007, 15h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

LEGISLATIVO

Deputados afirmam não temer votação do STF

Sérgio e Rabello estão entre os oito deputados que podem perder o mandato    Os deputados estaduais, Walter Rabello (PP) e Sérgio Ricardo (PR), que estão na lista dos parlamentares infiéis, garantiram que estão seguros em relação ao julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF). Os ministros estão definindo o futuro dos legisladores que mudaram de partido logo após vencerem as eleições. No troca-troca, Rabello deixou o PMDB para ingressar no PP. Já Sérgio Ricardo saiu do PPS e filiou-se ao PR a convite do governador Blairo Maggi (PR).

     "Não tenho medo de perder o mandato, mesmo porque não tem como transformar o que é inconstitucional em constitucional", argumentou Rabello. Já o presidente da Assembléia Legislativa, assegura que a Constituição deve ser respeitada como lei maior. "Acredito que não vou perder meu mandato", avaliou Sérgio.

     Julgamento

     Foi reaberto no STF, há instantes, o julgamento dos mandados de segurança  que tratam da fidelidade partidária. Os ministros estão avaliando os mandados impetrados pelo PPS, PSDB e DEM. As legendas pedem que o STF determine ao presidente da Câmara dos Deputados que revejam os mandatos dos que trocaram de partido e emposse os suplentes.

     Se o STF julgar favorável, 1.291 vereadores mato-grossenses, oito deputados estaduais e o deputado federal Homero Pereira podem perder os cargos.

    Clique aqui e assista o julgamento ao vivo.

(Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Gilmar Maldonado Roman | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O STF validou a Resolução do TSE que diminuiu as vagas de vereadores em todo Brasil, porém não imputou nenuma regra para diminuição do repasse financeiros às câmaras. Ora, se a medida foi com a finalidade de diminuir os gastos publicos, como justificar esta decisão? Da mesma forma cassar os migrantes para outros partidos não vai resolver nada.

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...