Últimas

Terça-Feira, 25 de Novembro de 2008, 14h:21 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

LEGISLATIVO

Deputados expulsam Parede do comando militar

   O polêmico tenente-coronel PM, Jorge Antonio Parede, acabou destituído do comando militar do setor de segurança da Assembléia Legislativa. Ao todo, ele comandava nada menos que 27 militares destacados para a segurança externa do prédio, além de exercer influência sobre outros 48 seguranças civis que atuam de terno e gravata internamente.

   Parede foi "tirado" do posto por unamidade dos deputados, que se reuniram para expôr descontentamento com a postura tida como truculenta do militar. Ele acabou se indispondo com várias pessoas, entre elas seguranças, servidores e, de quebra, ainda comprou briga com alguns parlamentares.

   Desde esta segunda (24) o tenente-coronel está fora da Assembléia. O esquema de segurança é comandado agora pelo major do Corpo de Bombeiros, Paulo Volkme. Pelo visto, Parede não deixou saudades no prédio do Legislativo mato-grossense. Tido como linha-dura, ele barrava populares que, sem identificação, tentavam furar o bloqueio da recepção na ironicamente chamada "Casa do Povo". Bastava surgir ameaça de protesto na Assembléia para Parede entrar em ação e fechar as portas do prédio. Agora, as portas se fecharam para ele.

(16h40) - Presidente da AL confirma saída de Parede

   O presidente da Assembléia Legislativa, deputado Sérgio Ricardo, emitiu nota confirmando a substituição do tenente-coronel PM, Jorge Antonio Parede, mas nega que tenha havido conflitos. Segundo Sérgio, a substituição ocorreu devido a um processo normal de adequações. O presidente faz questão ainda de destacar que os serviços prestados por Parede foram de grande relevância para o Legislativo. 

   Eis a íntegra da nota emitida por Sérgio Ricardo  

   "Caro jornalista Romilson Dourado,
   Informo que a substituição do Ten. Cel. Jorge Antônio Paredes do comando militar do setor de segurança da Assembléia Legislativa foi um processo normal de adequação das atividades da Casa. Esclareço também que Jorge Antônio Paredes prestou relevantes serviços à instituição, tratando com zelo, competência e presteza suas atribuições no período que comandou a segurança da Assembléia. Não procede, portanto, a informação de que a substituição ocorrera por “briga” ou qualquer problema de relacionamento na instituição."
   Atenciosamente,
   Sérgio Ricardo
  Presidente da Assembléia Legislativa de MT

Postar um novo comentário

Comentários (49)

  • Sergio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    Não acredito que está conceituada casa de leis possa admitir tanta falta de sensibilidade e falta de educação dos seguranças, principalmente do segurança Geraldo pensa que servidores são ladrão ou coisa parecida.

    Os Seguranças precisam passar por curso de capacitação. os servidores são tratados mal imagina o povo.

    São Seguranças indicados por fulano ou sicrano sem um minimo se quer de instruções.

  • edilsom freita | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a assembleia nao prescisa de tanto militares assim e um batalhao ai pra q isso, bota esses cara pra rua manda esses pm la pro pascual ramos ou aqui pro cristo rei aqui sim prescisa de pm, qto a ese paredao ele e mal educado acha que porque e coronel esta acima de tudo,ele quis peita logo quem,vai pra rua parede corre atras de bandido.

  • Funcionário da AL | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cel. Paredes, parabéns pelo excelente trabalho realizado na casa do povo. Tenho certeza de que voce saiu de cabeça erguida e com a sensação de dever cumprido. Parabéns aos demais militares que prestam serviço na casa. Pois, se formos contar com a segurança dos seguranças da casa estamos ferrados, pois, são poucos que trabalham. A maioria so sabe fazer dívidas e depois ficam mendigando ajuda pelos corredores em vez de trabalharem e atender o cidadão com presteza. Só a Mesa Diretora que não exerga isso.

  • Walcimara Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que noticia MARAVILHOSA! Até que enfim a casinha do TENENTE CORONEL PAREDES começou a cair... Esse homem,responde a tantos processos internos que até ele mesmo perdeu a conta... E os processos movidos por cidadãos de bem que o mesmo abusou literalmente do poder? inumeros... todos ele perde, é claro, mas, de forma misteriosa continua mandando, continua tendo poder. Escandalo vai, escandalo vem e eo cara tá por aí... espero que o Militar honrado que é o Campos Filho pare de encobrir esse senhor que nao merece a farda que usa.

  • maria isabel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quanta coisa que temos que ler Os Seguranças que trabalham intrnamente na Assembléia, tem curso de capacitação sim reconhecido e recomendado pela polícia quem conseguiu esse curso não foi ten coronel PAREDES, quem coordenava a segurança era o Major. E o paredes ~trabalhava com a segurança e não com os funcionários como foi citado que ele colocou fantasma pra trabalhar. O fato é que ele é sem noção e o mínimo q poderia ter feito era buscar mais qualificação pra os servidores.
    obs Treinamento é pra animais
    reciclagem é pra objtos a serem reutilizados ou seja lixo
    pra seres humanos é capacitação

  • macelo casa arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabens cel Paredes pelos bons serviços prestados, arora o novo comandante que de continuidade ao seu trabalho, agora chega de mamata para esses seguranças, tens uns que trabalham uma vez por semana e ve sr major volkman se da condições de trabalho a esses valorosos policiais que ficam nesse sol o dia todo sem uma guarita decente, vcs so querem cobrar mais não dão condições de trabalho.

  • Ademar Adams | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Uns atacam e outros defendem esse coronel. Quem está com razão?
    O que sei é que ele cumprindo ordens de Riva, mandou prender o Gilmar Bruneto, sem mandado e sem nenhum motivo sério.
    Apenas porque Riva não queria que certas verdades fossem divulgadas pelos movimentos sociais.
    Na Policia Militar corre uma sindicância contra ele por esse motivo. Quem quiser saber, é só pedir informações ao Comando.

  • Benedito Nunes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com Sérgio esse segurança tal de Geraldo se acha o dono da segurança da assembléia. Mas reciclar como um ignorante? Falta é curso de capacitação para esse cidadão. isso se ele sabe o que é.... kkkkkkkkkkkk

  • Janio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSE GERALDO PASSOU EM CONCURSO??? CREIO QUE NÃO POIS MAL SABE ESCREVER!!!

  • E. C | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já não era sem tempo que esse senhor foi tirado do comando da segurança da AL, pois o referido não passa de uma pessoa arrogante que se acha acima do bem e do mal, eu mesmo fui vitima da sua falta de etica e humildade, sem contar que ele mama nas tetas da policia militar sem nunca ter prestado qualquer serviço relevantes a sociedade matogrossensse. a não ser a mania de perseguição a oficiais e praças da PM. pra saber se isso que digo é ou nao verdade basta fazer uma pesquisa entre os policiais da PM.

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...