Últimas

Sexta-Feira, 07 de Setembro de 2007, 11h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

ARTICULAÇÃO

Deputados se juntam a Maggi e "fritam" Serys

   Na tentativa de reconquistar o comando regional do PT, a tendência Unidade na Luta (ex-Campo Majoritário), capitaneada pelo deputado federal Carlos Abicalil e pelos estaduais Alexandre Cesar e Ságuas Moraes, começa a fritar a senadora Serys Marly, atual dirigente da legenda petista em Mato Grosso. Em almoço esta semana no Palácio Paiaguás, os três disseram ao governador Blairo Maggi (PR) que vão ter candidato para ganhar a presidência estadual. Seria uma forma de manter e consolidar a aliança do PT com Maggi.

    Até o ano passado, o PT era oposição ao atual governo estadual. Enfrentou Maggi nas urnas em duas eleições, em 2002, com o próprio Alexandre, que agora virou até vice-líder do governo na Assembléia e, no ano passado, com Serys.

    Após consultar Maggi, o trio deixou o encontro já com o nome de Abicalil definido como candidato à presidência estadual. A eleição acontece no final deste ano. O grupo que ganhar passa a ter sob seu domínio um grande trunfo, pois deterá autonomia para conduzir as políticas de alianças e influenciará diretamente na escolha dos candidatos a prefeito, a vice a vereador, já que o mandato se estenderá para além de outubro do próximo ano.

    Ao saber que Ságuas, secretário estadual de Educação, Abicalil e Alexandre estão disposto a jogar pesado para reconquistar a hegemonia dentro do PT, outras correntes passaram a incentivar a senadora Serys no sentido desta concorrer à reeleição. Argumentam que o PT não pode ficar sob controle do governador. O deputado estadual Ademir Brunetto também resolveu entrar na disputa.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Paulo Elias Dantas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nunca vi tanta briga em partido politico,quanto no PT de Mato Groso.É dificil de acraditar que toda essa briga é pelo poder,não do partido,mas sim de cargos no Governo Maggi,que tanto eles criticaram.Na tentativa de sobrvivencia eles fazem tudo, até brigam entres eles.É uma vergonha.

  • Mara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que vergonha!!!! Esse povo do PT não quer perder a mamata, cansados de andar de chinelos, aderiram totalmente o glamour. Perderam a tão falada ética, que tanto gritaram por todos os cantos, perderam a moralidade, descência, etc.

  • leonardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso é uma total vergonha.
    Mostra cada vez mais que o dinheiro, poder é que manda mesmo.
    O PT não é mais oposição, o mostra cada vez mais que, quem é oposição, quer posição política confortável.
    Cada a oposição do PT em brigar pelos direitos da sociedade????
    Esse PT é uma vergonha Nacional e Estadual.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A VERGONHA DO PAÍS:

    Hoje nada mais do que acontecer com o PT e os seus integrantes será novidade.
    O PT chegou ao poder atrávés de negociatas e conchavos,provou do doce e gostou e agora estão vendendo a alma não sair do poder.
    Infelizmente o PT traiu o povo, traiu quem acreditou que realmente aquilo que pregaram durante uma vida fosse realmente o objetivo de assumir o poder.
    Mas infelismente o poder para o PT serviu apenas para ..............(essa parte todo mundo conhece).

    DIZEM QUE QUEM NUNCA COMEU MELADO QUANDO COME SE LAMBUZA.

  • ELY | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SABE EU GOSTARIA MUITO DE NÃO ACREDITAR QUE O DEP. SAGUAS NÃO ESTIVESSE NESSA BRIGA NÃO ERA ISSO QUE EU ESPERAVA DELE GRATA SUA ELEITORA ELY

Adin contra nomeação em Cáceres

angelo audicom 400 curtinha   Presidida por Ângelo Silva de Oliveira (foto), a Audicom-MT, entidade que congrega auditores e controladores internos dos municípios do Estado, ingressou com Adin no Tribunal de Justiça, pleiteando liminar para, assim como ocorreu em Rondonópolis, também derrubar uma lei em vigor...

Viúva de Adriano disputa em Cáceres

anelise silva 400 curtinha   Anelise Silva (foto), viúva do ex-reitor da Unemat e ex-deputado Adriano Silva, lançou pré-candidatura à prefeita de Cáceres pelo DEM do governador Mauro. Ela enfatiza que sofre a dor da perda e que decidiu entrar no páreo para dar continuidade ao projeto de Adriano de...

Vereador tenta barra compra de cestas

diego guimaraes 400 curtinha   O vereador pela Capital, Diego Guimarães (foto), denunciou junto à Ouvidoria do TCE o que definiu como irregular a aquisição, com dispensa de licitação, de cinco mil cestas básicas de alimentos pela secretaria municipal de Assistência Social e Desenvolvimento...

Apresentador de TV luta contra Covid

alexandre mota 400 curtinha   Alexandre Mota (foto), apresentador desde abril do programa de variedades Balanço Geral, da TV Vila Real de Cuiabá (Record), está internado na UTI do hospital São Mateus. É mais uma vítima diagnosticada com Covid-19. O seu quadro clínico se agravou. O pulmão...

Campanha une as primeiras-damas

virginia mendes 400 curtinha   As primeiras-damas Virginia Mendes (foto) e Michelle Bolsonaro, de MT e do país, respectivamente, têm mantido um relacionamento bem estreito no desenvolvimento de projetos e ações sociais. No final de abril, Michelle postou um elogio e divulgou, na sua conta do Instagram, a campanha de...

Se EP recuar, PV lança Stopa a prefeito

justino malheiros 400 curtinha   O ex-presidente da Câmara de Cuiabá e membro do diretório municipal do PV, vereador Justino Malheiros (foto), disse nesta segunda que o partido estará com o prefeito Emanuel Pinheiro até o último momento, apostando no projeto de reeleição do emedebista. Mas,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.