Últimas

Quarta-Feira, 11 de Abril de 2007, 07h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

SANEAMENTO

Direção da Sanecap admite recuo da concessão

   Acuado pela pressão popular que rejeita o projeto de concessão dos serviços de água e esgoto, o presidente da Companhia de Saneamento de Cuiabá (Sanecap), José Antônio Rosa, disse que somente o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal pode viabilizar o setor. A prefeitura, sob Wilson Santos, apresentou à Caixa Econômica Federal quatro projetos em busca de financiamento. Pleiteia R$ 240 milhões. Um deles garantiria a canalização do esgotamento sanitário nas bacias 1, 2 e 3 da região central, outra viabilizaria duas estações de tratamento, e os outros dois buscam construção de reservatórios e adutoras. Dentro dessa expectativa, José Rosa projeta ampliar a área de cobertura da rede de esgoto de 28% para 60% e levar água tratada "firme" e 24 horas na rede junto a 98% das residências da Capital.

    O presidente enfatiza que há duas alternativas: promover a concessão, em que a iniciativa privada passaria a cuidar do saneamento da Capital, ou a obtenção dos recursos da União para fazer investimentos e atender a demanda. Ele aponta outros caminhos, como empréstimo de R$ 35 milhões junto ao BNDES e uma parceria com o governo de Minas, mas não tão vantajosos do ponto de vista da viabilidade do setor como os recursos do PAC ou o processo de concessão.

    José Rosa prevê até 20 de maio para tomar uma posição oficial sobre o futuro da Sanecap. Na próxima semana, recebe o relatório final da Fundação Getúlio Vargas sobre o processo de concessão.

   Nos bastidores, o prefeito Santos pediu pressa para resolver o impasse. Está preocupado com o desgaste político que o projeto de concessão está causando e teme que o assunto possa atrapalhar sua campanha à reeleição.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...