Últimas

Quinta-Feira, 19 de Novembro de 2009, 13h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

SINOP

Diretor da Embrapa e Juarez lançam centro de pesquisa

 
Maquete do primeiro Centro de Pesquisa da Embrapa de Mato Grosso em área próxima ao aeroporto

   Com previsão de investimentos de R$ 50 milhões nos próximos três anos, o diretor-presidente da Embrapa, Pedro Antonio Arraes Pereira, e o prefeito de Sinop, Juarez Costa (PMDB), lançam nesta quinta (19) a pedra fundamental do primeiro Centro de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) do Estado. O evento está marcado para as 15h, na rodovia MT-222, km 8, próximo ao aeroporto de Sinop, com a presença do governador Blairo Maggi (PR), do vice Silval Barbosa (PMDB) e do deputado estadual Dilceu Dal Bosco (DEM), entre outras lideranças.

   Juarez comemora a escolha da cidade para a implantação do campo experimental, que vai ocupar uma área de 612 hectares doada pela prefeitura. “Queremos fomentar a agricultura familiar. Com o trabalho de pesquisas será possível investir em novas culturas, reduzir custos e melhorar a qualidade dos produtos dentro de um modelo de sustentabilidade”, avalia o peemedebista. Segundo ele, 101 técnicos vão trabalhar na unidade, dos quais 32 são pesquisadores. Apenas para a construção do prédio, a Embrapa vai investir cerca de R$ 15 milhões. A obra deve ser concluída até dezembro de 2010.

   Além da sede, mais três campos experimentais serão instalados nas regiões Sul, Oeste e Leste do Estado.  Segundo o chefe geral da Embrapa em Mato Grosso, o centro de Sinop será referência na implantação de novas tecnologias e pesquisas nas áreas de grãos (soja, milho, arroz, feijão, sorgo), fibras (algodão), pecuária (bovinocultura de corte e de leite, suinocultura, piscicultura, avicultura de corte e ovos), espécies arbóreas (fruticultura e florestas plantadas) e mandioca. As pesquisas de certas linhas, como piscicultura, avicultura e suinocultura, serão feitas de forma descentralizada em municípios como Sorriso, Nova Mutum e Lucas do Rio Verde.

   A sede administrativa do Centro de Pesquisa de Sinop terá 8 mil m² de construção, incluindo laboratórios, auditório, biblioteca, garagens, oficinas e estrutura de suporte para preparação de experimentos. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Júlio campos neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quero parabenizar a cidade de sinop e sua população por mais está vitória. Mato-grosso a muitos anos já deveria ter um dentro de desenvolvimento do embrapa trabalhando em pró dos nossos agricultores. Tenho a absoluta certeza que este centro ajudará sinop e Mato-grosso a continuarem a ser referencia mundial da agricultura moderna. Sou a favor da agricultura familiar mas sou muito mais a favor da agricultura moderna, sustentável e de escala.

  • ZÉ DO PONTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Heider | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns Sinop! Nos orgulhamos desta cidade.

  • Marcos Assunção | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A disposicao das bandeiras etá errada.. existe uma ordem de antiguidade de acordo com o Ente da Federação e o numero de bandeiras ser ímpar ou par.. bom dia..

  • SEVERINO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PORQUE O GOVERNO NÃO FEZ ESTE CENTRO DA EMBRAPA EM UM MUNICÍPIO POBRE?

    AS CIDADES POBRES PRECISAM DE GRANDES INVESTIMENTOS PARA TEREM CHANCE DE PROGRESSO!!

  • thomas cunha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quero parebenizar o pessoal de sinop,pela sede da EMBRAPA.Que bom mesmo desejo sucesso.
    Diferente da Empaer-mt,que o nosso Governante esta acabando com ela,Investimento do Governo da Estado e quase Zero. Pesquisadores a nivel de Doutorado-mestrado e tecnicos capacitados deixado de lado mas e bom quem sabe a Empaer pega um insentivo.Amém

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...