Últimas

Terça-Feira, 06 de Novembro de 2007, 22h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

EXPLICAÇÕES

Dirigente do Sindsep nega fraude e acusa Galvão

Carlos Alberto, preside o Sindsep-MT   O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Federais de Mato Grosso (Sindsep-MT), Carlos Alberto de Almeida, nega as acusações envolvendo seu nome em esquema de fraudes e desvio de dinheiro por meio de suprimento de fundo, enquanto era chefe de administração da Fundação Nacional de Saúde. Ele disse ainda que essas informações partiram do ex-presidente do Sindsep, Washington Galvão que, segundo Carlos, "ainda tem interesse em ocupar o cargo".

 

     Carlos Alberto explica que a auditoria realizada na Funasa exigiu a prestação de contas do suprimento de fundos especial com a nota fiscal e ainda as requisições com a indicação dos veículos que utilizaram o combustível. Conta que apresentou somente a nota fiscal. De acordo com o sindicalista, a verificação desses documentos de forma minuciosa é de competência do chefe da contabilidade e não sua. "São milhões que passam pelas nossas mãos. Eu não teria condições de analisar documento por documento", afirma.

 

     Carlos repassou o montante de R$ 8 mil à servidora Neuza Ferreira Dourado, atendente de enfermagem da Funasa, para despesas consideradas emergenciais, bem como a aquisição de combustível. "Não existe nenhuma irregularidade nisso", argumenta. A comissão de processo administrativo disciplinar ainda está ouvindo depoimentos dos acusados.

 

     Acusação


     O presidente conta que Galvão responde a dois processos judiciais por falsificar assinatura da chefe do setor de pagamentos da Funasa, Clenira Tavares de Lima. "Ele (Galvão) fez empréstimos consignados na Caixa Econômica Federal, já que não podia haver liberação pois era contratado pelo Sindisep". Carlos Alberto conta que após indícios, a Funasa abriu uma sindicância e um processo administrativo contra o ex-presidente Galvão. "O processo chegou até a Polícia Federal, que já ouviu várias testemunhas que comprovaram a fraude", completou. (Pollyana Araújo) 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Marcos Almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mas o Carlos Alberto de Almeida foi o presidente da assossiação da SUCAM e sumiu o patrimônio da entidade. Pede pra ele dar entrevista sobre isso também.seria uma boa oportunidade para esclarecer suas administrações "obscuras"

  • triram | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    marcos almeida, foi ótima sua indagação e vou pedir ao HONESTO PRESIDENTE esclareça sobre o processo que tramitou em Nobres sobre a dispensa de licitação para sua contratação. E ainda mais porque a oficial Maria borges Almeida, sua tia, diga de passagem nunca conseguiu localiza-lo para intimação.
    aguardo o pronunciamento.

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.