Últimas

Quinta-Feira, 05 de Julho de 2007, 15h:43 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Discurso do senador Jaime em homenagem a Dante

    Senhor presidente, senhoras e senhores senadores;

    "Cada passo que damos em direção ao futuro, deixamos cravado no caminho o peso de nossas convicções e a força de nosso destino. Quem anda com destemor marca sua jornada com o rastro da coerência e da coragem. Quem segue sua linha com bravura e dignidade, demarca não apenas sua trajetória, como também aponta o horizonte das novas gerações.
      A data de amanhã guarda dois significados importantes para Mato Grosso: o primeiro, de tristeza, porque há exatamente um ano falecia o ex-governador Dante Martins de Oliveira; e o segundo, de respeito ao valor de um homem que empenhou sua juventude e seu vigor à causa democrática brasileira.
      Dante não foi o herói, simplesmente o símbolo de um capítulo remoto da História contemporânea do país; Dante foi mais, foi o trabalhador, o artífice das diretas, herdeiro das virtudes de sua gente; paciente como o pescador, tenaz como o lavrador e detalhista como o artesão.
     Falo de Dante de Oliveira com invulgar isenção, porque se o amor a Mato Grosso sempre nos uniu, a militância partidária impôs muros intransponíveis à nossa convivência política. Fomos adversários, sim. Militamos em campos opostos e muitas vezes de forma dura. Mas, diante de seu monumental esforço cívico pela redemocratização, devo reconhecer seu papel histórico e a inspiração patriótica que emana de seu nome.
     Enquanto mantiverem-se vivos seus ideais, Dante continuará presente entre nós. Não apenas como memória pálida nas paredes do tempo, mas pela força de seus exemplos. Principalmente, pela confiança que sempre demonstrou no Brasil. Pela paixão que devotou à nossa gente.
    Senador Arthur Virgílio, leal amigo do ex-ministro e ex-governador Dante de Oliveira;
    As curvas do destino escrevem as linhas de nossa vida de forma misteriosa, mas coerente. Eu e Dante fomos contemporâneos, mas nossas trajetórias se desenvolveram de forma paralela. Na política também estivemos em rotas paralelas, ambos defendendo os interesses do povo de Mato Grosso. Dante trafegou pela esquerda, militando no MR 8, no MDB, no PMDB, no PDT e, depois, no PSDB. Eu estive na Arena, depois no PDS e, finalmente, no PFL, hoje Democratas. Fui governador de Mato Grosso e Dante me sucedeu.
Somos filhos dos mesmos ventos e redemoinhos que esculpiram um país de contradições e mazelas. Emergimos da ditadura militar e restauramos a democracia no país. Neste momento, Dante foi um vanguardista; sua coragem e ousadia o divisou da maioria dos políticos de sua geração. Dante acreditou num sonho e fez dele as asas de seu próprio ideal. Por isso, Mato Grosso e o Brasil reverenciam-no como o ‘Homem das Diretas Já’; um sopro de esperança e alegria que iluminou caminhos no crepúsculo da ditadura militar.
   Por isso, sua morte prematura chocou Mato Grosso e o Brasil. Dante deixou a vida como um baluarte da democracia. Seu desaparecimento não encobre suas falhas e equívocos, mas reveste sua obra com o manto da História, para qual os erros são apenas uma etapa da evolução.
    Senhor presidente, senhoras e senhores senadores;
Presto aqui, portanto, minhas homenagens a um brasileiro que usou sua vida em favor de seu país. Um mato-grossense que orgulhou sua gente. E, sobretudo, um político que soube fazer de seus ideais o caminho para o bem comum.
Era o que tinha para o momento."

Muito obrigado!
Senador Jaime Campos

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...

Nivelando para cima o debate em VG

emanuelzinho 400   Em discurso na Câmara Federal, Emanuelzinho (foto), 3º colocado a prefeito de Várzea Grande, disse ter ajudado a nivelar, por cima, o debate eleitoral, com grandeza e altivez e se mostra entusiasmado. Destaca que "política se faz com seriedade, transparência e com o coração sintonizado...