Últimas

Quinta-Feira, 24 de Janeiro de 2008, 19h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

Dos 36 que mais desmatam, 19 são do Estado

    O governo federal divulgou nesta quinta uma lista que apresenta nomes de 36 municípios campeões do desmatamento de floresta Amazônica. Os dados surpreendem principalmente o governo Blairo Maggi, pois a lista contém 19 municípios de Mato Grosso, o que representa 50% do total. O primeiro colocado também é do Estado: Marcelândia. Ainda na região, Querência, Nova Ubiratã, Juara, São Félix do Araguaia, Peixoto de Azevedo e Nova Bandeirantes estão entre os 10 maiores registros de desmatamento.

    Todas a propriedades rurais destes municípios serão recadastradas pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e aquelas onde for constatada derrubada ilegal serão embargadas. Isto significa que não poderão vender produtos ou receber financiamentos. Quem comprar produtos dessas fazendas também poderá responder criminalmente.

     A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, já avisou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai reunir os prefeitos desses municípios e os governadores dos Estados envolvidos para que juntos busquem alternativas para conter o avanço da irregularidade. As primeiras ações para tirar os municípios da "lista dos devastadores" foram apresentadas na reunião emergencial convocada pelo presidente Lula nesta quinta. Alternativas Mato Grosso possui. O problema é pô-las em prática. (Simone Alves com Agência Brasil)

(Atualização às 14h35) - Confira o ranking dos municípios que mais desmatam no país.  

1 - Marcelândia (MT)
2 - São Félix do Xingu (PA)
3 - Querência (MT)
4 - Nova Ubiratã (MT)
5 - Porto Velho (RO)
6 - Pimenta Bueno (RO)
7 - Juara (MT)
8 - São Félix do Araguaia (MT)
9 - Peixoto de Azevedo (MT)
10 - Nova Bandeirantes (MT)
11 - Santana do Araguaia (PA)
12 - Ulianópolis (PA)
13 - Lábrea (AM)
14 - Altamira (PA)
15 - Cumaru do Norte (PA)
16 - Brasnorte (MT)
17 - Gaúcha do Norte (MT)
18 - Paranaíta (MT)
19 - Novo Progresso (PA)
20 - Vila Rica (MT)
21 - Nova Maringá (MT)
22 - Porto dos Gaúchos (MT)
23 - Alta Floresta (MT)
24 - Confresa (MT)
25 - Nova Mamoré (RO)
26 - Juína (MT)
27 - Cotriguaçu (MT)
28 - Dom Eliseu (PA)
29 - Colniza (MT)
30 - Santa Maria das Barreiras (PA)
31 - Aripuanã (MT)
32 - Machadinho D Oeste (RO)
33 - Paragominas (PA)
34 - Novo Repartimento (PA)
35 - Rondon do Pará (PA)
36 - Brasil Novo (PA)

Postar um novo comentário

Comentários (20)

  • sebastiao pereira cajango | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro amigo as informações são veridicas sobre desmatamentos, pode se observar que todos os municípios constantes na lista suja do arco do desmatamento, são todos da região Norte, com influência na economia local, extração de madeira, projetos agropecuários. Vou mais longe o proprio governo está envolvido nisso, no norte de Mato Grosso, os municpios citados tem grande quantidade de projetos de Assentamentos, confia por exemplo Colniza e Cotriguaçu. Outro fator importante que força o desmatamento nestas é a expansão da fronteira agrícola em direção a região Norte, que se inicia na década de 80, Rondõnia por exemplo é um caso típico, foram criados inumeros minicipios a custa da agricultura trdicional e do desmatamento.

  • ana maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa noticia caiu como uma , reveladora e desmitificadora das mentiras contadas por todos do governo deste estado , onde o proprio GOVERNO foi até BALI defender pra ingles ( indiano) ver....
    O que se sabe que estas terras devastadas ficam em terras
    de sua propriedade ....ou de seus amigos todos dono de plantação de SOJA e REBANHO BOVINO... e isso só nestes 5meses ;;; qdo toda fala era o contrario , aja ouvido , coraçao, paciencia e equilibrio mental para entender esses
    desvaastadores da amazonia... E BEM MT....

  • ALBUCASSIS RAMIRES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E DAI GOVENADOR BLAIRO,

    O QUE RESTA AO SECRETARIO DO MEIO AMBIENTE PARA DESMORALIZAR MAIS O SEU GOVERNO NA AREA AMBIENTAL.

    SE VOSSA EXCELENCIA FOR NOVAMENTE BRINDADO COM A MOTO SERRA DE OURO,AGRADEÇA AO SEU SECRETARIO EAOS SEUS PADRINHOS RIVA E BOSAIPO.

    O QUE TODA A SOCIEDADE MATOGROSSENSE ESPERAVA , É QUE VOSSA EXCELNCIA DEMITISSE IMEDIATAMENTE ESSE INCOMPETENTE SECRETARIO QUE COLOCA MATO GROSSO NO TOPO DA LISTA DOS DEVASTADORES DO MEIO AMBIENTE.

    ESTAMOS ESPERANDO ! REAJA GOVERNADOR !!!

  • laercio feitosa de albuquerque | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Meu caro Albucassis, está pedindo para o governador reagir? demitir daldegan? ledo engano meu caro, pois é o daldegan que faz de conta que está tudo bem, que faz propaganda enganosa para algumas ongs internacionais de que mato grosso é um "exemplo" em gestão ambiental, e é incrivel, muita gente da imprensa acredita nesta história, pois estou cansado de ver jornalistas e imprensa noticiar só coisas maquiadas sobre meio ambiente deste Estado como se fossem verdadeiras, para iludir o povo. Está aí agora estes indices que não dá para maquiar, e a ministra já disse que não vão pagar para ver a reação do governo federal, então vamos ver o que acontece, afinal, este site por várias vezes já noticiou diversos escândalos que estão acontecendo na sema, e não é apenas o setor florestal não, é questão administrativa, nepotismo, sobrinho de conselheiro de tribunal de contas como diretor do fundo de meio ambiente, é secretário adjunto andando em carro importado alugado e não têm carro para técnicos viajarem, é chefe de gabinete sem sequer ter frequentado universidade, é perseguição, armações, favorecimentos para aprovação de certos projetos em detrimentos da maioria que fica estocada nas prateleiras, enfim, só irregularidades e isso reflete no resultado da cpi da sema que concluiu por falta de gestão na sema e denunciou a incompetencia dos seus gestores, e então, porquÊ o governador não faz nada? CO-NI-VEN-CI-A. Outro detalhe Albucassis, não é só bosaipo e riva que têm força no órgão, veja o caso do dilceu dal bosco. o seu assessor junior não saia do gabinete do secretário no 2º semestre de 2007, ia até almoçar junto com o secretário e até despachava na própria sala dele, e coincidentemente foi o período que mais desmatou no Estado, conforme estes indices do inpe. aí têm, pena que o ministério público do Estado parece que não está agindo na sema.

  • Prof. Mauro Cesar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Com o desmonte anunciado da FEMA, essa noticia de campeão de desmatamento, desflorestamento, devastação do cerrado, torna-se a cada vexatória para Mato Grosso. Com toda tecnologia hj montada na SEMA, será que ela é tão incompetente assim para coibir esses abusos? ou há alguma coisa estranha acontecendo? Até delegacia foi instalada, o xerife promotor Marcos Machado não deu conta do recado? com a palavra o Governador Blairo Maggi, pretenso candidato a Senador por MT, será que tem explicação essa situação?

  • dirceu carlos rosental | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Albucassis não é só riva e bosaipo que mandam na sema, mas também o dilceu dal bosco. Todos sabem que o seu assessor junior não sai da sema, e ás vezes "despacha" os processos do interesse do seu deputado no próprio gabinete do secretário.

  • Eduardo De Lamonica Freire | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Enquanto o poder econômico comandar o processo eleitoral estaremos diante deste caos.O pior é que os eleitos,compradores de votos,na maioria das vezes,se consideram acima do bem e do mal.Acabam dominando o estado "na palma da mão".Não me surpreende que o governador-empresário-sojicultor não tenha Política Pública para defender o Meio Ambiente.Interessa aos instintos predadores do seu grupo que o Meio Ambiente bem monitorado diminua a ansiedade do lucro,pelo lucro? Para esse pessoal só o dinheiro interessa.Para manter e ampliar o poder. Solução? Uma delas: financiamento público das campanhas, dentro de uma ampla Reforma Política.Vai acontecer? Não se depender só dos endinheirados.

  • Fabricio Rebeschini | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    será que não é precipitado de sua parte falar que alta floresta é o campeão de desmatamento sendo que não foi apresentado nenhum dado sobre isso?? o que eu posso constatar é que a lista saiu em ordem alfabética e como alta floresta começa com "a" lógicamente está em primeiro lugar na lista...

  • vander barbieri da silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    "Ambientalistas já vinham alertando para o aumento do desmatamento", afirma o correspondente do jornal britânico The Guardian Tom Phillips, que sobrevoou o norte do Mato Grosso e o sul do Pará com um grupo de ativistas do Greenpeace em setembro passado.

    "Nas duas regiões os sinais de aumento do desmatamento foram fáceis de identificar. No Mato Grosso, havia vastas áreas de terra mexida, abrindo o caminho para plantações de soja. A paisagem estava coberta de árvores caídas, queimadas como palitos de fósforo. No Pará uma teia de estradas de terra ilegais era visível, passando por áreas relativamente intactas da floresta em direção às áreas abertas recentemente".

    Vejam os senhores que lamentavelmente mato grosso está páginas dos jornais do mundo inteiro como um Estado sem lei, SEM RESPONSABILIDADE AMBIENTAL. Culpa de quem? sem dúvidas daqueles que usam o Poder para esconder crime ambiental de suas empresas e nomear incompetentes para o cargo de secretário de estado do meio ambiente. Diante de tantas denuncias e dados cientificos cabe agora a justiça agir, digo, a justiça federal, imune a influência dos que se acham "os donos de mato grosso".

  • MARCIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estado campeão de desmatamento onde o Governador é o maior produtor de soja? Se o Secretáro de meio ambiente não for cego, surdo e mudo, tá f...

Froner segue com o vice de Gilberto

osmar froner 400   Osmar Froner de Mello (foto), escalado de última hora para a disputa em Chapada dos Guimarães, manteve de vice o mesmo que estava na chapa de Gilberto Mello (PL), o vereador Carlos Eduardo, que era conhecido como Carlinhos do PT e agora é do PDT. Froner e Carlinhos não têm afinidades...

Ministro Tarcísio rasga elogios a Fávaro

tarcisio 400 curtinha   O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas (foto), em vídeo de congratulações, só faltou pedir voto para Carlos Fávaro, senador interino que busca à reeleição e que completou 51 anos nesta segunda. Disse que Fávaro, com quem possui bom...

Vinicius e demagogia sobre salário

vinicius nazario 400 curtinha   Em Alta Floresta, o delegado de polícia Vinicius de Assis Nazario (foto), candidato a prefeito pelo Podemos, tem se apresentado como "o novo", prega honestidade, transparência e renovação, mas, em algumas pautas, nada diferente dos demais políticos. Uma de suas propostas, mais de...

2 candidaturas vetadas em Torixoréu

ines coelho 400 curtinha torixoreu   Em Torixoréu, de três candidaturas a prefeito, a Justiça Eleitoral já barrou duas, em decisão de primeira instância. O juiz da 9ª Zona Eleitoral de Barra do Garças, Douglas Romão, indeferiu o pedido de registro da candidatura do ex-prefeito e ex-deputado...

Apoio sem influência de Luciano Hang

otaviano pivetta 400 curtinha   O empresário e vice-governador Otaviano Pivetta (foto), do PDT, contesta a informação de que teria sido convencido por Luciano Hang, dono da Havan, e pelos primos Maggi a apoiar para o Senado a coronel Rúbia Fernanda. Pivetta diz que quem o conhece sabe que nunca foi garantista na...

Sem o agro e apoiado pela Fetagri

carlos favaro 400 curtinha   Na corrida pela cadeira no Senado, na suplementar de 15 de novembro, alguns concorrentes têm rotulado o senador Carlos Fávaro (foto) como candidato dos grandes produtores. Mas as entidades que compõem o Fórum Agro MT estão todas com Nilson Leitão, à exceção...