Últimas

Terça-Feira, 11 de Setembro de 2007, 09h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

SENADO

É absurdo revelar voto, diz Jonas sobre Renan

Senadores mato-grossenses Serys, Jonas e Jaime: mistério sobre Renan

     "Meu voto é secreto. Acho um absurdo revelar antes". Foi o que disse nesta terça ao RDNews o senador Jonas Pinheiro (DEM), ao ser perguntado, às vesperas da votação que irá decidir o futuro político do presidente do senado Renan Calheiros (PMDB-AL), como será a forma que vai votar no processo, se a favor ou contra a cassação. Segundo um dos três senadores mato-grossenses, a bancada dos Democratas irá se reunir ainda nesta terça (11) para tomar algumas decisões, inclusive sobre o caso Renan. Mas, os líderes da bancada já disseram que defendem a cassação. Já quanto a seu voto, ele não revela nem mesmo se já tomou alguma decisão.

      Outro democrata que também faz mistério quanto ao voto é o ex-prefeito de Várzea Grande e ex-governador Jaime Campos. Ele tem sido ser partidário e, a exemplo de Jonas, esquiva-se em antecipar o voto. A pestista Serys Marly já deixou claro que não declara seu  voto. Usa o mesmo argumento de Jonas Pinheiro, ou seja, de que a votação é secreta.

     A votação está marcada para esta quarta, às 11h, em sessão fechada. Se Renan for absolvido, enfrentará ainda outros dois processos que estão em tramitação por quebra de decoro parlamentar. O Psol já protocolou mais uma representação contra o senador alagoano. O Conselho de Ética aprovou na semana passada, por 11 a 4, em votação aberta, o pedido de cassação. Renan é acusado de ter despesas pessoais pagas por um lobista da empreiteira Mendes Júnior. (Simone Alves - RDNews)

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O voto é secreto para os senadores e senadoras com rabo preso com Renam. Agora vamos ver quem é quem, estamos de OLHO.

  • Amauri Santos Pinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É uma vergonha os senadores não declararem o voto. Isso mostra, é óbvio, que serão a favor do trambiqueiro Renan Calheiros - resta saber o que ganharão em troca. Tal posição já era de se esperar de Jaime e Jonas, mas da petista Serys, a que se dizia defensora do povo, que se indignava com a podridão´política, já é demais. Que vergonha, dona Serys.

    Amauri Santos Pinho - economista

  • Valdir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nós, pobres eleitores somos obrigados a votar para escolher esses senhores, que se intitulam autoridades públicas.

    Já que podem escolher a forma de votar, porque não facultar o voto pelo povo. Estamos cansados de praticar democracia de faz-de-conta. Elegemos esses senhores, deputados federais e senadores, para ficarem trocando favores, farpas, brincando com o dinheiro público.

    O povo quer todos os corruptos fora do Congresso Nacional. Porém, o corporativismo torna esse desejo quase impossível. Qual o meio que dispomos? O voto !?! Sinceramente, precisamos de algo mais!

    Os poderes deveriam ser independentes entre si, porém na prática não é isso que vemos. O quarto poder (R$ R$ R$) compra a honra, a dignidade de todos esses políticos.

    Se o povo realmente mandasse, hoje teríamos Sr. Renan na cadeia, e aqueles que querem votar secretamente deveriam ter um processo de investigação em andamento, pois certamente tem medo de estar no lugar do Sr. Renan.

    Foi se o tempo que tínhamos orgulho no Congresso Brasileiro. Hoje não passa de uma casa de corruptos.

  • Felipe Rossato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esses são os "representantes" do povo mato-grossense no Senado. O Sr. Jaime Campos, ao negar a dizer seu voto, desrespeita seu eleitor e, mais que isso, demonstra que não está nem um pouco preocupado com as vozes daqueles que o elegeram. Quem se recusa a dizer o voto revela postura que sugere a absolvição do individuo que preside o Congresso, enxovalhando o Senado Brasileiro, só que tem constrangimento de revelá-lo em público. Sejam verdadeiros, senhores senadores. Pq a verdade incomoda tanto para negar a dizê-la? Lamentável.

  • Jamil | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que inveja de Mato Grosso do Sul que possui Senadores como Delcídio Amaral e Marisa Serrano....

  • Marcio da Cunha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sabe lá Deus, o que esses moleques tem mais pra esconder que o povo não sabem.
    Tem mêdo do que ?
    Se não sabem bater o penalti, deixa o lugar pra outro.

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Depois os representantes de MT reclamam que tem pouca representativdade na camara ou no senado é por essas e outras que eu não confio nos politicos de MT são uns pelegos.

  • Antonio Cavalcante Filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não sei porque eles consideram um absurdo revelar os seus votos. Se o voto tem que ser secreto porque em época de eleição eles visitam as nossas casas pedindo os nossos votos? Se o voto é secreto, então eles não deveriam montar exércitos de cabos eleitorais mercenários para comprar os votos dos eleitores alienados.

    Não vejo nem um mau em declarar o meu voto. Tanto é verdade que desde já declaro: na próxima eleição votarei nulo, já que nulo, são todos eles.

  • Antonio Cavalcante Filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não sei porque eles consideram um absurdo revelar os seus votos. Se o voto tem que ser secreto porque em época de eleição eles visitam as nossas casas pedindo os nossos votos? Se o voto é secreto, então eles não deveriam montar exércitos de cabos eleitorais mercenários para comprar os votos dos eleitores alienados.

    Não vejo nem um mau em declarar o meu voto. Tanto é verdade que desde já declaro: na próxima eleição votarei nulo, já que nulo, são todos eles.

  • Abinelio ferreira gusmão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tô vendo tudo, tô vendo tudo
    Mas, bico calado, faz de conta que sou mudo

    Um país que crianças elimina
    Que não ouve o clamor dos esquecidos
    Onde nunca os humildes são ouvidos
    E uma elite sem deus é quem domina
    Que permite um estupro em cada esquina
    E a certeza da dúvida infeliz
    Onde quem tem razão baixa a cerviz
    E massacram - se o negro e a mulher
    Pode ser o país de quem quiser
    Mas não é, com certeza, o meu país

    Um país onde as leis são descartáveis
    Por ausência de códigos corretos
    Com quarenta milhões de analfabetos
    E maior multidão de miseráveis
    Um país onde os homens confiáveis
    Não têm voz, não têm vez, nem diretriz
    Mas corruptos têm voz e vez e bis
    E o respaldo de estímulo incomum
    Pode ser o país de qualquer um
    Mas não é com certeza o meu país

    Um país que perdeu a identidade
    Sepultou o idioma português
    Aprendeu a falar pornofonês
    Aderindo à global vulgaridade
    Um país que não tem capacidade
    De saber o que pensa e o que diz
    Que não pode esconder a cicatriz
    De um povo de bem que vive mal
    Pode ser o país do carnaval
    Mas não é com certeza o meu país

    Um país que seus índios discrimina
    E as ciências e as artes não respeita
    Um país que ainda morre de maleita
    Por atraso geral da medicina
    Um país onde escola não ensina
    E hospital não dispõe de raio - x
    Onde a gente dos morros é feliz
    Se tem água de chuva e luz do sol
    Pode ser o país do futebol
    Mas não é com certeza o meu país

    Tô vendo tudo, tô vendo tudo
    Mas, bico calado, faz de conta que sou mudo

    Um país que é doente e não se cura
    Quer ficar sempre no terceiro mundo
    Que do poço fatal chegou ao fundo
    Sem saber emergir da noite escura
    Um país que engoliu a compostura
    Atendendo a políticos sutis
    Que dividem o brasil em mil brasis
    Pra melhor assaltar de ponta a ponta
    Pode ser o país do faz-de-conta
    Mas não é com certeza o meu país

    Tô vendo tudo, tô vendo tudo
    Mas, bico calado, faz de conta que sou mudo

Nomes do DEM para vereador de VG

pablo 400 curtinha   O DEM do casal Jayme-Lucimar, senador e prefeita, respectivamente, é dono da maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com sete dos 21 vereadores. Destes, cinco já estão trabalhando projeto de reeleição, sendo eles Gisa Barros, que era do PSB; Valdemir Bernadino, o Nana; Pedro...

Flerte com candidato de outro partido

selma arruda 400 curtinha   Apesar de estar filiada ao Podemos, a ex-senadora Selma Arruda, que teve o mandato cassado por crimes eleitorais e deixou a cadeira neste ano, continua flertando com o pedetista, empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, que não demonstra mais tanto ânimo para continuar com o projeto de disputa...

Joelson e as traições política e familiar

joelson 400   Dos 23 vereadores pela Capital que vão à reeleição, o que mais deve enfrentar dificuldades para obter êxito nas urnas é o sargento Joelson (foto), que aproveitou a janela de março e trocou o PSC pelo Solidariedade. Primeiro, por causa da atuação pífia. Trata-se de um...

Calistro, dúvida à reeleição e Sumaia

sumaia leite 400 curtinha   Jânio Calistro, reeleito para o 2º mandato de vereador em 2016 e como o mais votado em Várzea Grande, com 3.658 votos pelo PSD, se mudou para o DEM dos Campos, mas ainda avalia se vai encarar o teste das urnas deste ano. Ele se mostra um tanto baqueado, após ficar preso por três meses. E...

Grupos convergem para Emanuelzinho

emanuelzinho 400   O jovem deputado federal Emanuelzinho (foto) está cada vez mais empolgado com a possibilidade de disputar a Prefeitura de Várzea Grande. Até se mudou da Capital para a cidade vizinha, onde montou apartamento no Edifício Maktub. Uma das revelações políticas do PTB, Emanuelzinho tem...

Câmara de ROO e pasta de Controle

orestes miraglia 400 curtinha   A Câmara de Rondonópolis deu de ombros para uma decisão do Tribunal de Justiça e, em primeira votação, aprovou mensagem do prefeito Zé do Pátio, criando a secretaria de Transparência Pública e Controle Interno (SETRACI) em...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.