Últimas

Domingo, 24 de Maio de 2009, 10h:26 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

RUMO A 2010

Éder tenta agradar grupos, mira governo, mas vai à AL

  O secretário de Fazenda do Estado, executivo Éder de Moraes, estuda filiação partidária e deve concorrer às eleições de 2010. Apesar de alimentar expectativa de liderar chapa majoritária, para governador ou senador, no fundo, ele vai encarar disputa proporcional. Éder já obteve respaldo do governador Blairo Maggi para concorrer a uma vaga de deputado estadual. A estratégia é tê-lo na Assembleia como espécie de porta-voz da atual gestão, num período em que Maggi já estará mais no comando do Estado.

   Mesmo que seu foco seja candidatura de estadual, o secretário de Fazenda, para valorizar o "passe", prefere anunciar que sua intenção é disputar o Palácio Paiaguás. Ele recebeu convite de várias legendas, como PSB, PSC e PR e PP. A tendência é que opte pelo PSC, que será presidido no Estado pelo secretário de Projetos Estratégicos, ex-prefeito José Aparecido, o Cidinho, que comandou a Associação Mato-Grossense dos Municípios por dois mandatos. Ex-gerente de banco, Éder começou no governo Maggi, em 2003, como presidente da MT Fomento. Depois chegou à Sefaz. É hoje um dos principais braços do governo e é quem cuida do caixa da máquina estadual. Por causa disso, passou a ser cortejado, principalmente por políticos.

    Em entrevista no domingo (17) ao Ponto de Vista, da TV Rondon (Rede TV!), Éder disse que sua eventual candidatura depende de alguns fatores, entre eles da aglutinação de líderes políticos. "Uma andorinha sozinha não faz verão. Se eu encontrar resistência exacerbada ou vir a desagregar, aí estou fora do processo. Não tenho a necessidade de ir para um enfrentamento dessa natureza, que só vai desprender energia em foco errado", comentou Eder acerca da sucessão do governador Maggi.

   Ele sai em defesa da pré-candidatura do vice-governador Silval Barbosa (PMDB), mas, ao mesmo tempo, tenta agradar outros caciques políticos, como o senador Jayme Campos (DEM), o prefeito cuiabano Wilson Santos (PSDB) e até o juiz federal Julier Sebastião da Silva. São nomes cogitados para encarar a corrida sucessória ao Paiaguás. "Eu não tenho receio de nenhum cacique porque me dou bem com todos eles. Sou uma pessoa que tenho trânsito livre e boa convivência com todos. Me considero neste contexto dos grandes líderes do Estado como uma das peças que chega para poder somar e aglutinar", declara.

   Com vistas a fortalecer o seu nome, o secretário ainda lembra que foi convidado para integrar o PP, PSB, PSC e o PR. Mas, usando a política da boa vizinhança, prefere, neste momento não se filiar a nenhuma legenda partidária. “Vou analisar com carinho e presteza todas as  propostas”. (Sandra Costa)

-------------------------------------------------------------------------------------------
Clique no play e veja declarações de Eder sobre sua eventual candidatura

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Jerry Santana Barreto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Taí, um ótimo nome, Mato Grosso precisa mudar seu quadro de Deputados.

    Parabens Eder.

  • empresario revoltado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • paulo cezar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Uma das melhores coisas que esse Éder vai fazer é se candidatar.pelos menos ele vai sair da sefaz.Ninguém aguenta mais ele com tanta arrogância,desmando e outras coisas mais.Veja a situação dos postos fiscais,um completo abandono.Os coitados dos motoristas chegam à ficar nos postos fiscais dias, sem nenhuma estrutura minima possível para um ser humano.postos sendo maquiado para dizer que está sendo reformado,se dúvida,visite o flávio gomes e veja o valor da obra e oque está sendo feito.Arrochando cada vez mais os mini- emprésarios e as catégorias mais baixas.Quem trabalha nos postos fiscais ganha uma miséria de $35 de diária que mau dar para comer.Pedimos urgentemente a volta do sr Valdir Teis,(Bons tempos)esse sim. Merece ser candidato e, com certeza ganha.

  • dito cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    maior desmando que essa noticia foi o cumulo do nepotismo : a indicação do campos neto à vaga do TC....ninguém aguenta mais !!!!!!!!!!!!! é pura imoralidade !!!!

  • Adriano Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Uma pena. Era meu candidato ao Governo.
    Arrojado, destemido e visionário. O perfil ideal pra liderar nosso estado.
    Mas o importante é dar o primeiro passo.
    Votarei em você Éder, quer seja pra Governador ou pra Deputado.

  • joao vieira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    cuidado com o andor, se trincar vai tudo pro brejo, já vi este filme no passado, o senhor so esta com esta bola por estar num cargo de relevancia, saindo dai o senhor não e nada. o vejo como uma pessoa que esta pisando em muita gente, o tempo diria e quero estar aqui para ver o que digo.

  • Murilo Mendonça | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse é o autêntico representante do secretariado de Blairo Maggi. Só age se alguém comandar, pressionar, orientar, direcionar.
    Nem sabe o que quer. Certamente, está esperando que o governador determine a ele a que cargo deve se candidatar.

  • ROBSON ANTUNES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este Eder é um mero cobrador de impostos, não tem expressão ou serviço prestado. Tem poder de barganha, pois está na SEFAZ, mas e daí...A sefaz é um órgão arrecadador...Que ele fez pelo social, NADA !!! Mato Grosso tem dessas, mas o povo tá com os oios arregalados, pra oportunistas de toda sorte...Vai lá pro PSC, se coloiar com o Cidinho, que é outro pau mandado do BRAIRO!!!!!!!!

  • CAMPOS NETO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    COMO GESTOR PÚBLICO, EDER VEM SE REVELANDO COMO UMA GRATA SATISFAÇÃO. FOI ASSIM NA MT FOMENTO E ESTÁ SENDO ASSIM NA SEFAZ. NÃO TENHO DÚVIDAS DE QUE EDER, COM SEU PROFISSIONALISMO E DEDICAÇÃO EXTREMA, SERÁ UM BOM POLÍTICO EM QUAISQUER ESFERAS QUE PLEITEAR. PONTO PARA MATO GROSSO, QUE SÓ TEM A GANHAR COM ESSA NOVA LIDERANÇA POLÍTICA.

    CAMPOS NETO, DEPUTADO ESTADUAL

  • MARIA DE FÁTIMA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Com Covid-19 e frequentando a AL

paulo araujo 400   O deputado Paulo Araújo (foto), do PP, está com reinfecção pelo Covid-19 e, mesmo assim, continua frequentando o prédio da Assembleia normalmente, como se não tivesse contaminado. Na primeira vez que foi infectado pelo vírus, também fez igual. Colegas parlamentares e...

2 abstenções e briga pela 4ª Secretaria

silvio favero 400   Dois deputados se abstiveram na eleição da Mesa Diretora da Assembleia desta terça cujo votação foi secreta. Nos bastidores, os comentários são de que as abstenções foram de Sílvio Fávero (foto), que se lançou à disputa e, sequer, teve...

Petista, incoerência e voto contrário

ludio cabral 400   O petista Lúdio Cabral (foto), daqueles parlamentares do morde e assopra, na tentativa de marcar posição, expõe cada vez mais suas incoerências em votação na Assembleia. Na sessão que antecedeu a eleição para a nova Mesa Diretora, provocada pela decisão...

Projeto sobre VI na Saúde está na AL

gilberto figueiredo 400 curtinha   Já está na Assembleia, para votação dos deputados, o projeto do governo que garante retomada do pagamento da verba indenizatória aos profissionais da Saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19 nas unidades hospitalares, ambulatoriais e...

2 desembargadores vão para TRE-MT

carlos alberto tj 400 curtinha   O Pleno do Tribunal de Justiça define, na quinta (25), em votação secreta e por videoconferência, dois desembargadores que comporão os quadros de comando do TRE-MT pelos próximos dois anos. O ex-presidente do TJ, Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), é um dos inscritos...

Primeira-dama pede retorno de auxílio

marcia_pinheiro_curtinha400 Primeira-dama de Cuiabá Márcia Pinheiro (foto), em visita à sede do Rdnews e entrevista ao Rdtv, pede que a bancada federal de MT se mobilize e vote favorável ao retorno do pagamento do auxílio emergencial às famílias em situação de vulnerabilidade. Márcia...