Últimas

Quarta-Feira, 06 de Fevereiro de 2008, 15h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

LEGISLATIVO

Edivá protesta contra Lutero e cobra retorno já

   O vereador por Cuiabá Edivá Alves (PSDB) protesta contra a atitude do presidente da Câmara, Lutero Ponce (PP), por não promulgar o projeto de lei que diminui o recesso parlamentar de 90 para 55 dias - leia mais aqui. Num manifesto, ele está convocando os demais colegas vereadores para comparecer normalmente à sessão plenária desta quinta (7), às 9h. "Temos que protestar. Vamos achar uma punição para ele (Lutero). Devemos estar lá exigindo que seja cumprida uma decisão plenária".

   A mensagem foi votada e aprovada pela maioria dos vereadores antes do recesso de final de ano. Faltou, porém, a publicação na Gazeta Municipal. Edivá reclama que o presidente da Casa está fugindo da intimação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e, com isso, vem prejudicando os trabalhos do Legislativo - saiba mais aqui.

    "Agora ele (Lutero) não quer aparecer e está usando uma instituição que não é dele. Isso é deprimente para uma pessoa (Lutero) na condição de dirigente público", critica. Com a postergação do início do recesso, Lutero, numa jogada estratégica, considera que prorroga a sua intimação por mais algum tempo, apesar do TRE já tê-la feito por meio de publicação em jornais e no Diário Eletrônico do próprio órgão.

   Edivá enfatiza que a decisão de reduzir o período de recesso foi uma exigência da sociedade. "Quando quisemos dar um retorno aos reclames da população vem o presidente e coloca a instituição abaixo dos seus interesses particulares", avalia. Lembra que esse projeto gerou até briga na Câmara. "Todos queriam ser o pai da criança", ironiza. Por isso, observa que será fácil conseguir o apoio de todos os parlamentares.

   Acuado

   Edivá Alves conta que, em busca de apoio, já conversou com os colegas Domingos Sávio (PMDB), Luiz Marinho (DEM), Ivan Evangelista (PPS), Dilemário Alencar (PTB), Marcus Fabrício (PP) e Permínio Pinto (PSDB). "Não podemos aceitar que isso fique desse jeito". Edivá disse que ainda não manteve nenhuma conversa com Lutero sobre o assunto. Afirma que Lutero, em férias no Rio, "está foragido".

    "Quero ouvir ele (Lutero) diante dos demais vereadores", completa. Antes de Edivá, os vereadores Sávio e Permínio também já tinham manifestado repúdio à não-vigência de um recesso parlamentar menor. As críticas nesse sentido devem ganhar novos aliados, afinal, trata-se de um ano eleitoral em que todos tentam tirar proveito da situação. (Pollyana Araújo)

(Às 16h53) - Meu terno já está pronto, diz Dilemário

   "Meu terno já está pronto para participar da sessão de amanhã (quinta)", enfatiza o vereador Dilemário Alencar (PTB). O parlamentar diz que apóia totalmente a iniciativa do vereador Edivá em exigir que Lutero promulge já o projeto em lei sobre a redução do recesso parlamentar. Segundo Dilemário, o presidente da Câmara está tendo uma atitude irresponsável. "Mais uma vez sua atitude joga a sociedade contra a Câmara". O petebista defende que o recesso de final de ano seja de apenas 30 dias. "É o mais justo, já que seria igual às férias de qualquer trabalhador", enfatiza.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Cláudio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É EDIVÁ, VOCÊ VOTA NO CARA PARA PRESIDENTE DA CÂMARA E DEPOIS VÊM COM ESSE DISCURSO ENGANA TROUXA.
    TÁ BOM, SOMOS TODOS OTÁRIOS.

  • ALFREDO DA MATTA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ORA, OS VEREADORES NÃO TIVERAM A CORAGEM DE VOTAR O PROJETO DE LEI DO VEREADOR DEUCIMAR QUE LIMITAVA O PERIODO DE 30 (TRINTA) DIAS NO PERIODO ANUAL, VEJAMOS O PREFEITO TEM APENAS E SOMENTE 30 (TRINTA) DIAS DE FÉRIAS ANUAL. PERGUNTA. PORQUER OS NOBRES VEREADORES TEM O DIREITO REDUZIDO DE 90 DIAS PARA 55 DIAS DE FÉRIAS, NÃO É MUITO AINDA SENHORES VEREADORES?
    TODOS ESTES VEREADORES CHORÕES TRABALHARAM EM CONJUNTO COM LUTERO PARA O PROJETO DO VEREADOR DEUCIMAR NÃO IR EM VOTAÇÃO. ESTES VEREADORES NÃO TEM MORAL PARA FALAR DE RECESSO.

  • Antonio Cavalcante Filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Puxa vida, quanta sacanagem. E o pior é que ainda tem idiotas que acreditam nesses mentirosos. Esta Câmara é mesmo uma vergonha. E não é de hoje. Há muito tempo que esses maus políticos enganam, corrompem e humilham a população. .

    È por tudo isso que Cuiabá não sai desse atoleiro moral. O povo trabalha duro e ganha uma miséria, enquanto os parasitas ganham salários absurdos... E tem puxa-saco que diz que os vereadores fazem muito.

    Fala sério!! Esses politiqueiros são todos iguais.. Só querem ganhar dinheiro fácil e meterem as mãos no patrimônio publico.

    Desse jeito como que esse país vai mudar?

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.