Últimas

Quarta-Feira, 01 de Agosto de 2007, 08h:54 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

Artigo

Eficiência...

     A cidade de Cuiabá está abarrotada de outdoors incitando a população a denunciar o setor bancário, caso a permanência nas filas seja superior a 20 minutos. Muito interessante a iniciativa do autor da campanha. Trata-se de um direito e temos que exercê-lo, mesmo que atualmente o sistema de caixas eletrônicos permitirem que possamos resolver nossas pendengas bancárias de forma rápida e automática.
     Da mesma forma devemos protestar pelas filas nos pontos de ônibus, um serviço público da mais alta importância. E o famigerado SUS, especialmente quando estamos em busca de uns exames considerados como de alta complexidade, que demora uns... sessenta dias ou mais para obtermos a autorização. Cadê o outdoor? Ou será que um exame de alta complexidade é menos importante que a dita fila do banco? Certamente que não! Porém, podemos assegurar que a fila do banco é menos angustiante que a fila para conseguirmos o tal exame.
     Que multemos então os responsáveis pelas filas dos SUS, quem são os responsáveis por tamanha selvageria? De quanto é a multa? Ou será que a eficiência só deve ser medida para os setores privados? Que diferença é esta? E você deve perguntar, é justo? Afinal os recursos chamados públicos nada mais são que o nosso próprio dinheiro que permitimos que alguns iluminados administrem!
     Não poderemos deixar de multar também os dirigentes da Previdência Social, a começar pelo seu ministro. A sensação que temos é que o tempo parou para o INSS. Quem já teve o dissabor de precisar dos serviços do INSS sabe bem o que eu estou falando. É uma montanha de processos sem fim! Também não poderia ser diferente, já que para o presidente da República o déficit da Previdência deve ser visto como investimento.
     Por outro lado tente obter um documento chamado "Georreferenciamento" no Incra! Este documento é necessário para se apresentar em repartições públicas como Sema, etc. Sabe o que você precisa fazer para consegui-lo? Obter uma liminar na Justiça! Isto mesmo, primeiro você contrata um advogado, que monta um processo e ajuíza uma ação junto ao Poder Judiciário, obtém uma liminar de um juiz, então você se dirige ao Incra, que está sempre invadido ou em greve e então você espera alguns meses porque a fila é grande e somente assim, você consegue o Georreferenciamento de sua propriedade! Inacreditável! Vamos multar o Incra!
     Tente também um financiamento cujas linhas de créditos sejam de origem pública. A primeira lição que você aprende é que os chamados "técnicos" comemoram quando identificam algum erro, mesmo que seja apenas uma vírgula colocada no lugar indevido. Depois de um bom tempo você recebe uma notícia do indeferimento. Corrija a vírgula e reenvie o projeto e com muita sorte seis meses após você poderá estar indo ao Cartório que é uma concessão pública, pagar uma nota preta para registrar uma cédula de crédito.
     Isto não é nada, avalie se juntarmos nossas demandas junto às prefeituras municipais e as repartições públicas estaduais, compreenderemos, então, qual é o verdadeiro sentido da palavra "burocracia". Esta palavra é responsável pelas perdas de uma fortuna incalculável, apenas somando o tempo que milhares de brasileiros perdem em filas por este Brasil afora. Por tudo isto, sugiro que o responsável pela campanha, contribua em seu município para o controle das filas em todas as demais instituições públicas. Caso contrário o povo entenderá que tudo isto não passa apenas de mais uma campanha de promoção pessoal.

Amado de Oliveira Filho é economista em Cuiabá e escreve às quartas-feiras em A Gazeta (amadoofilho@ig.com.br)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Candidato a reitor e 2 apoios fortes

dimorvan rui 400   O candidato de oposição a reitor do IFMT, Deiver Teixeira, recebeu dois apoios importantes. As manifestações de adesão à candidatura vieram dos professores Ruy Oliveira e Dimorvan Brescancim. Ruy foi candidato a reitor nos últimos dois pleitos e é um pesquisador...

Abílio e Medeiros rejeitam Fernanda

coronel fernanda 400 curtinha   Abílio Júnior e o deputado José Medeiros, presidente do Pode-MT e que foi derrotado para senador, querem distância da coronel Rubia Fernanda (foto) da campanha neste segundo turno em Cuiabá. Nos bastidores, comentam que não precisam da militar filiada ao Patriota e que ficou...

Com maioria na Câmara de Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   A prefeita eleita de Cáceres Eliene Liberato (foto), que conquistou 15.881 votos (38,16% dos válidos), terá apoio da maioria dos 15 vereadores. Destes, oito garantiram cadeira pela coligação da própria Eliene, o que representa 53%. As duas maiores bancadas são do PSB de...

Gamba quer Tuti presidindo a Câmara

tuti 400 alta floresta curtinha   O prefeito eleito de Alta Floresta, Chico Gamba (PSDB), tem se articulado para eleger presidente da Câmara o vereador reeleito do seu partido, Oslen Dias dos Santos, o Tuti (foto), que obteve a segunda maior votação, com 814 votos. Na tentativa de convencer os novos integrantes da próxima...

Várzea Grande paga a folha já na 6ª

lucimar campos 400   A prefeita várzea-grandense Lucimar Campos, prestes a concluir o segundo mandato, anunciou que na sexta, a três dias de fechar o mês, conclui o pagamento da folha de novembro. E, nesta quarta (25), já libera a diferença da correção do piso federal para os professores. No total...

Críticas à busca do poder pelo poder

marcia pinheiro 400   Em um ato realizado na praça Alencastro, nesta segunda à noite, a primeira-dama de Cuiabá Marcia Pinheiro disparou críticas aos adversários do prefeito Emanuel, que busca a reeleição. Segundo ela, as alianças formadas por Abílio neste segundo turno são...

MAIS LIDAS