Últimas

Segunda-Feira, 14 de Janeiro de 2008, 09h:45 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

Artigo

Em artigo, jornalista "detona" postura de Rabello

  O polêmico jornalista Antônio de Souza compra mais uma "briga". Em artigo, ele "detona" o apresentador de TV e pré-candidato a prefeito de Cuiabá, deputado Walter Rabello (PP). Lembra do episódio em que Rabello, sem checar a veracidade da informação que acabara de receber, anunciou na TV que um dos filhos do secretário de Justiça e Segurança Pública, Carlos Brito, havia sido assassinato. Era uma informação equivocada e que acabou ganhando muita repercussão - leia mais aqui e aqui.

   "As atitudes do dublê de deputado e apresentador Walter Rabello (PP), em seu programa diário na TV Cidade Verde (SBT), numa ânsia sensacionalista, são de uma inconseqüência assustadora", escreve Antonio de Souza.

    O artigo intitulado "Uma ameaça na TV" está postado logo acima, na seção Artigos. Vale conferir.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • marcelli | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    É ficar na tv todos os dias fazendo politica é facil quero ver se tirar o digníssimo dep. cantor, apres,radialista e DEMAGOGO do ar e ele faz alguma coisa de bom p/ CUIABA

    CUIABA VAMOS ACORDAR... chega de corruptos cuidando da nossa cidade ...

    PARABENS Antonio de Souza .. continue assim...

  • Leocadio Melo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha, essa liberdade que os apresentadores têm de falarem o que quiserem e da forma que quiserem transcede todo o o princípio de liberdade.

    A liberdade de expressão que tanto prezam os jornalistas, e com razão, tem que estar atrelada diretamente a responsabilidade de expressão. Não é o que vem acontecendo.

    A população, enganada pelos arrotos de apresentadores medíocres, de formação moral duvidosa; idolatra tais figuras, que nada mais fazem do que falar, falar e falar, denegrindo as pessoas e invertendo fatos.

    Me lembro de um caso em que o apresentador João Gomes, de Rondonópolis, batia a marreta na mesa condenando, ao vivo, os maridos que batiam nas mulheres.

    Ele mesmo foi denunciado, com BO e tudo, por ter batido na sua mulher, pancadaria aliás, que já vinha de há muito tempo.

    O pior, no caso do Rabelo, é que ele é, declaradamente, candidato a prefeito, e a legislação não prevê nada em casos como o dele.

    Que Deus livre Cuiabá de um prefeito como Rabello. Que tenham como exemplo Roberto França, que de tão bom prefeito, sequer se elegeu deputado estadual.Hoje vive de ocupar vagas.

  • LAERTE SANTANA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo em gênero, número e grau respeitante ao posicionamento desse jornalista sério e comprometido com a ética e a verdade.

    Há tempos já venho falando em meu círculo de influência, que o Deputado Walter Rabello é um clone piorado do ex-deputado Lino Rossi - que se diz evangélico.

    Mas, não podemos nos esquecer de uma máxima sábia: cada povo tem o governo que merece.E esse cidadão está justamente focando e focado na miséria alheia para se tornar notável.

    Resta-me solidarizar-me com o nobre jornalista subscritor da matéria publicada em data de 14.01.08, satisfeito em saber que muitas pessoas estão de olho vivo nesse espertalhão que se elegeu deputado estadual.

    LAERTE SANTANA, advogado.

  • ALBUCASSIS RAMIRES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUE A CORAJOSA ATITUDE DO JORNALISTA ANTONIO DE SOUZA SIRVA A CLASSE POLITICA , QUE É A MAIS CORPORATIVISTA,QUE ACOLHE E AGASALHA EM SEU MEIO O QUE EXISTE DE PIOR.

    ESSE WALTER RABELO É UM FACTOIDE,INVENTADO PELA PROPRIA IMPRENSA,QUE PRECISA SER DESMASCARADO JUNTO AO POVÃO POR ELE ENGANADO,POIS NÃO PODEMOS TER UM DEPUTADO E CANDIDATO A PREFEITO DA NOSSA CAPITAL,UM ILETRADO ENGANADOR,QUE INCLUSIVE JÁ FOI DENUNCIADO POR ESPANCAR A EX-ESPOSA.

    BRAVO ANTONIO DE SOUZA,RECEBA A MINHA TOTAL E IRRESTRITA SOLIDADRIEDADE , NESSA SUA CRUZADA DE DESMISTIFICAR ESSES "IDOLOS" DE PÉS DE BARRO,QUE NÃO RESISTEM A MENOR INVESTIGAÇÃO.

    PARABENS !!! VAMOS ACABAR COM O CORPORATIVISMO,MAU JORNALISTA,POLITICOS , MEDICOS , ADVOGADOS ,ETC,DEVEM SER DENUNCIADOS E LEVADOS AOS TRIBUNAIS.

  • PierPaolo Fanfanni | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Li o excelente artigo do jornalista. Mas não podemos parar por aí não. Precisamos exigir uma postura séria por parte do Ministério Público Eleitoral de nosso Estado. Não é só o Rabelo que tem que ser punido não. Não podemos esquecer que estamos cheios dos Rabelo, Sérgio Ricardo, Maksuês, Roberto França, e muitos outros arremedos de jornalistas popularescos. Que enganam a boa-fé do povo cuiabano e do nosso Estado. É vergonhoso o que assistimos todos os dias em nossas teves.

  • José Vicente | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SE SOLTAR UMA BOMBA NAS EMISSORAS DE TV VAI VOAR CORRUPTOS PRA LA DO PEDRA 90.

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Corroboro amplamente com o jornalista Antonio de Souza. Não podemos, em nenhuma hipótese alicerçar as aleivosias e falta de comprometimento público e pessoal do Deputado, apresentador, cantor e sei mais lá o que Walter Rabello, um demagogo de primeira grandeza e que não reúne condições de ser o comandante de nossa Capital. Essa notícia por ele fabricada, a respeito da "morte" do filho do Secretário Brito, além de inominável, constrangedora, expõe a irresponsabilidade jornalística daquele que, dentre tantas atividades mal desempenhadas, se diz jornalista.

  • Claudia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Venho aqui parabenizar esse nobre jornalisa por expor a dverdade sobre esse DUBLÊ DE JORNALISTA IRRESPONSÁVEL, enganador da população mais humilde desta cidade.
    Será humilhante termos esse ser NOJENTE e INEXPRESSIVO como prefeito de nossa capital.

  • jorge roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como dizia meu velho pai.
    CADA POVO TEM O POLITICO QUE MERECE.
    VIVA O BRASIL.
    SERÁ QUE NUNCA VAI SURGIR UMA PESTE QUE SÓ CONTAMINAM OS POLITICOS. E SEM CURA.

  • ANA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    JORMALISMO É ASSIM, TEM QUE TER FUNDAMENTOS E ARGUMENTOS.
    O NOBRE JORNALISTA EXPOS A MATERIA COM PROFUNDO CONHECIMENTO DE CAUSA, CERTO QUE TENS BUSCADO A VERDADE DOS FATOS.

    OU ALGUEM NÃO CONCORDA?

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...