Últimas

Quinta-Feira, 18 de Dezembro de 2008, 12h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

SOLENIDADE

Em ato de diplomação, Santos se compara a JK

  Em discurso nesta quarta à noite na cerimônia de diplomação, no Centro de Eventos do Pantanal, o prefeito cuiabano Wilson Santos se incorporou no papel de "apóstolo", pregou a valorização da água, fez agradecimentos, alertou, mandou recado, e até se comparou ao ex-presidente da República Juscelino Kubitschek, ao lembrar que sabe perdoar para conseguir governar. "Quem não está aberto para o diálogo está fadado ao fracasso. Não é à-toa que JK, 40 anos depois, é lembrado como um dos maiores presidentes".


Em solenidade nesta 4ª à noite, Wilson Santos exibe diploma para o 2º mandato, ao lado da esposa Adriana Bussiki
Foto: Patrícia Sanches

  O tucano adiantou, ao final, que não possui candidato à presidência da Câmara Municipal. Mencionou o nome de quatro (Lueci Ramos, Deucimar Silva, Edivá Alves e Clovito) e disse que, assim que for definido o nome do futuro dirigente da Mesa Diretora, vai convocar o Legislativo para, de comum acordo, reduzir o duodécimo para sobrar mais recursos para investimentos em obras.

   O repasse mensal gira em torno de R$ 1,6 milhão para uma Câmara que tem 19 vereadores e, por força de uma PEC aprovada pelo Senado nesta quinta, Cuiabá ampliará para 25 o número de cadeiras de parlamentar. Santos foi aplaudido quando propôs redução do duodécimo, enquanto a vereadora Lueci Ramos (PSDB), a mais cotada para assumir o comando da Câmara, demonstrou não ter aprovado a idéia. "Vamos sentar para construir uma equação e reverter parte do duodécimo em obras".

   Santos disse que vai respeitar qualquer decisão da Câmara quanto à definição da presidência da Mesa. "O duodécimo está em dia e vamos manter a independência dos Poderes. Eu não tenho candidato e não voto em ninguém", comentou o prefeito diplomado. Segundo informações, o tucano já teria recuado das articulações nos bastidores em defesa do nome de Edivá Alves (PSDB), que enfrenta resistência da maioria dos parlamentares. Depois da interferência do conselheiro do TCE, Humberto Bosaipo, padrinho político de Lueci e que será o relator de suas contas do exercício de 2009, o prefeito já estaria de acordo à idéia de ter a tucana como presidente do Legislativo.

   Além de Lueci e Edivá, brigam pela sucessão da Mesa os vereadores Clóvis Hugueney, o Clovito (PTB) e Deucimar Silva (PP). A eleição será em 1º de janeiro, logo após a solenidade de posse. Há expectativa, porém, da inclusão dos outros 6 novos parlamentares, por força da chamada FAP dos Vereadores, o que pode provocar reviravolta também na eleição da Mesa.

   Professor de História, o prefeito Wilson Santos lembrou que o Legislativo cuiabano, com 281 anos, é mais antigo do que a Assembléia Legislativa, a Câmara dos Deputados e o Senado. Segundo ele, os eleitos e/ou reeleitos "representam cada segmento da sociedade". Disse que dos sete diplomas recebidos para ocupar cargos eletivos, o mais importante foi o de vereador, em 1988.

   Disse que Executivo e Legislativo precisam estar afinados para enfrentar obstáculos, como a crise econômica internacional, que, na sua avaliação, vai impactar nas receitas de Cuiabá, obrigando-o a "apertar o cinto". Entre as propostas, o prefeito diplomado citou o novo código de postura da cidade, a proposta de retirar ambulantes da área central, conclusão de avenidas, como Barão de Melgaço e Beira-Rio e a  reforma do Hospital e Pronto-Socorro Municipal.

  Santos fez agradecimentos e ao fazer referência a si próprio provocou risos na platéia: "obrigado Cuiabá por dar mais um mandato para esse pau rodado, filho de baiano com cearense, por isso que nasceu esse caboclo aprumado".

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Noé Waterboath | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estive na posse do prefeito reeleito W.Santos, e confesso que não entendi aquele documento que ele leu sobre a água.
    Já é conhecido o libelo sobre a falta dágua que corre na Internet há mais de ano.
    Me pareceu uma crítica velada à depredação ambiental,mas a pergunta que ficou fluindo nas cabeças pensantes da platéia, foi a falta de água potável na maioria das torneiras de Cuiabá.
    Um pouco antes ,a juíza Cleuci, falou sobre direitos sociais (entre elas a água encanada)mas o prefeito empossado falou de muitas metas a serem atingidas, passando inclusive a enumerá-las.
    Infelismente, em nenhum momento mencionou o drama da falta dágua na capital, nem da ETA Tijucal...
    Em resumo: abriu bonito e continua fechando feio contra o contribuínte.

  • Augusto Mario Garcia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Wilson tá mais pra Rolando Lero do que pra JK! Coitado, Juscelino deve ter tomado m susto no túmulo.

  • José Eduardo Pessoa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Coitado!!! Comparar com Juscelino? Caboclo aprumado?Vai pentear macaco WS. Vc quiz dizer PITTA né Wilsom?

Prefeitos revoltados com Neurilan

neurilan fraga 400 curtinha   Vários prefeitos, especialmente os recém-eleitos, se mostram revoltados com novas manobras promovidas no estatuto da AMM pelo seu "eterno" presidente Neurilan Fraga, que tenta, de todas as formas, se auto-beneficiar na eleição que deveria ocorrer em janeiro, mas que foi antecipada para o...

Candidato a reitor e 2 apoios fortes

dimorvan rui 400   O candidato de oposição a reitor do IFMT, Deiver Teixeira, recebeu dois apoios importantes. As manifestações de adesão à candidatura vieram dos professores Ruy Oliveira e Dimorvan Brescancim. Ruy foi candidato a reitor nos últimos dois pleitos e é um pesquisador...

Abílio e Medeiros rejeitam Fernanda

coronel fernanda 400 curtinha   Abílio Júnior e o deputado José Medeiros, presidente do Pode-MT e que foi derrotado para senador, querem distância da coronel Rubia Fernanda (foto) da campanha neste segundo turno em Cuiabá. Nos bastidores, comentam que não precisam da militar filiada ao Patriota e que ficou...

Com maioria na Câmara de Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   A prefeita eleita de Cáceres Eliene Liberato (foto), que conquistou 15.881 votos (38,16% dos válidos), terá apoio da maioria dos 15 vereadores. Destes, oito garantiram cadeira pela coligação da própria Eliene, o que representa 53%. As duas maiores bancadas são do PSB de...

Gamba quer Tuti presidindo a Câmara

tuti 400 alta floresta curtinha   O prefeito eleito de Alta Floresta, Chico Gamba (PSDB), tem se articulado para eleger presidente da Câmara o vereador reeleito do seu partido, Oslen Dias dos Santos, o Tuti (foto), que obteve a segunda maior votação, com 814 votos. Na tentativa de convencer os novos integrantes da próxima...

Várzea Grande paga a folha já na 6ª

lucimar campos 400   A prefeita várzea-grandense Lucimar Campos, prestes a concluir o segundo mandato, anunciou que na sexta, a três dias de fechar o mês, conclui o pagamento da folha de novembro. E, nesta quarta (25), já libera a diferença da correção do piso federal para os professores. No total...