Últimas

Domingo, 25 de Outubro de 2009, 09h:51 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

ACORIZAL

Em comitiva, Brito atropela cachorro antes de capotar

   Um cachorro na pista teria provocado o acidente a aproximadamente 2 km de Acorizal na última sexta (23) com o deputado Antônio Brito (PMDB). Ele tentava desesperadamente acompanhar a comitiva do governador Blairo Maggi (PR) na inauguração da MT-170, que liga Campo Novo do Parecis a Juína, quando atropelou o animal, perdeu a direção do veículo e capotou. Membros da comitiva transportaram Brito e a esposa até o Hospital Santa Rosa, em Cuiabá. Ele foi submetido a exames de raio-x e tomografias. Foram constatadas apenas escoriações. Já a esposa de Brito sofreu fraturas no ombro, mas já está em casa.

   O peemedebista dirigia um dos Corollas oferecidos pela Assembleia Legislativa aos parlamentares. O veículo permanece no posto da Polícia Rodoviária Federal, na região. A seguradora contratada pela AL já esteve no local e constatou perda total. Agora, o deputado deve "ganhar" um carro novo.

   Este não é o primeiro caso de acidentes com carros oficiais da Assembleia desde 2007, quando os 24 automóveis Clio Sedan, até então disponibilizados aos parlamentares foram leiloados e substituídos por modelos de luxo da Toyota. A substituição da frota, que custou R$ 1,4 milhão aos cofres públicos, foi concluída em novembro de 2007. Os carros "velhos" ficaram no pátio da AL durante 6 meses, até serem leiloados.

   Outro que bateu o carro oficial foi o deputado Wagner Ramos (PR), durante um passeio na região da praia Nortefly, em Nortelândia, em julho deste ano. Ele bateu em um poste. O republicano arcou com as despesas do acidente. Na Assembléia, cada deputado tem direito ao veículo para ajudá-lo no trabalho legislativo. É comum o carro oficial ficar no final de semana com assessor, que acaba por utilizá-lo em passeios e para se deslocar até a festas. É a farra com dinheiro público. (Flávia Borges)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • José Carlos de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Viu deputado o que dar em querer puxa saco do governo.

  • johão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse CAITITU, deveria andar a pé.
    Foi mesmo que dizer: O cavalo não é meu, mas a espora é minha.
    Deveria ter uma lei para este caititu pagar o carro.

  • Severiano Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nobre deputado, você viu como DEUS castiga??? O sr sabia que a ganância é um pecado???? Da próxima vez deixa de ser tão ganancioso.

    Prá finalizar: quem só tem FIAT UNO sabe dirigir COROLLA????

    Quem nunca provou mel, quando come se lambuza!!!

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esses deputados deve é andar de Uno mesmo,
    garanto que ele não colocaria se tivesse um co-
    rolla, para fazer essa viagem. O povão anda é
    de onibus mesmo, e olha lá. Eles não são melho-
    res que nós....

  • Sociedade Protetora dos Animais | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lamentamos o incidente acima descrito, no entanto é mistér solicitar informações mais detalhadas sobre o referido acidente,a saber:
    O cão atropelado passa bem? Foram providenciados o raio X e tomografia computadorizada do pobre animal e transitava despreocupadamente pelo local? A família do cãozinho, foi notificada? O deputado em questão, vai se comprometer a ajudar financeiramente a família do canino? A fisioteratia já está garantida ao acidentado?
    Se mais para o momento, aguardamos retôrno por sete site,obrigado

    S. Paulo 25/10/2009

    José Carlos Schinaglia - Presidente da SPA/SP

  • Denise | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O que significa exatamente a expressão ele tentava desesperadamente acompanhar a comitiva do governador? Excesso de velocidade? A reportagem poderia esclarecer melhor a expressão...

  • Mila | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Enquanto nós os palhaços pagamos pelos excessos dos maiorais q além de receber altíssimos salários e ainda ajuda de custo ( vejam só vcs): vale isso, vale aquilo... Carros caros, gasolina, caviar e lagostas. O restante da população não tem ajuda nem com vale transporte. É o fim mesmo. Ele vai receber outro carro?? Ele devia era pagar pelo q ele detonou! Fala sério.

MPE vê prefeita de Torixoréu inelegível

ines 400 curtinha torixoreu   Para o Ministério Público Eleitoral, a prefeita de Torixoréu, Inês Mesquita Moraes Coelho (foto), que se lançou à reeleição pelo DEM, está inelegível. Numa ação de impugnação de registro de candidatura, o promotor...

Candidato amarga derrota na Justiça

adilson gon�alves 400 curtinha   O candidato a prefeito de Barra do Garças, delegado Adilson Gonçalves (foto), tentou, sem êxito na Justiça, censurar o Rdnews na publicação de matérias sobre o pleito eleitoral no município. Numa ação impetrada junto à...

Com certidão pra disputar 1ª suplência

dito lucas 400 curtinha   Filiado ao Podemos, Dito Lucas (foto), que entrou de última hora como primeiro-suplente da chapa ao Senado encabeçada por José Medeiros, assegura que vai apresentar novamente sua certidão junto à Justiça Eleitoral, de modo a provar que sua candidatura é legítima....

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...