Últimas

Domingo, 08 de Junho de 2008, 07h:30 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

JUDICIÁRIO

Em Cuiabá, mais 2 vereadores vão ser cassados


Parecer do MPE pede cassação de Lutero Ponce e de Eden Capistrano e a absolvição do suplente Dilemário Alencar

  Dos 478 processos por infidelidade partidária protocolados no TRE, 61 foram julgados e 110 extintos, restando até agora 309, dentre eles os que devem resultar na perda dos mandatos dos vereadores cuiabanos Lutero Ponce (PMDB), presidente da Câmara, d Éden Capistrano (PSDB), além do suplente Dilemário Alencar (PTB). O TRE já cassou 35 parlamentares, sendo 34 vereadores e o deputado Walter Rabello, que conseguiu uma liminar junto ao TSE para se manter no cargo até a publicação do acórdão que acontece nesta segunda (9).

  Lutero Ponce foi eleito pelo PP com 3.520 votos, mas em setembro de 2007 migrou para o PMDB. Pela regra pró-fidelidade a data permitida para troca de partido era até 27 de março. O TRE não te maliviado os infiéis. Até agora somente 21 foram absolvidos, entre eles os vereadores por Cuiabá, Chico 2000 (PR) e Helny de Paula (PR), que está licenciado para ocupar o cargo de presidente da MTGás. Ambos trocaram o PPS pelo PR, mas antes de março do ano passado. Já Deucimar Silva, que saiu do DEM e foi para o PP, acabou cassado. A suplente Márcia Campos (DEM) já ocupa sua cadeira desde esta sexta (6).

  O parecer do Ministério Público é pela cassação de Lutero e de Capistrano. No caso do peemedebista, curiosamente a vaga ficaria com o quinto suplente Ali Veggi (PP), porque foi o único da fila que não trocou de sigla. Aliás, foi o próprio Veggi quem pediu no TRE a perda do mandato de Lutero.

   Éden Capistrano (PSDB) também está na berlinda. Ele se desfiliou do PSB em 02 de outubro de 2007 e está no PSDB. Ex-secretário de Meio Ambiente da Capital, ele acabou entrando na lista dos infiéis. Caso Capistrano seja cassado, como deseja o MPE, a cadeira ficaria com Dilemário, desde que este seja absolvido, conforme propõe a Procuradoria Regional Eleitoral, já que o suplente deixou o partido de origem (PSB) antes da entrada em vigor da regra do TSE. (Alline Marques)

Parlamentares que perderam mandato por infidelidade

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Dilemario quer voltar pra que ? Não fez nada na oportunidade que teve quando assumiu ... um zero a esquerda !!! Tô fora ...

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TINHA QUE CASSAR TODOS.

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Segundo comentários de bastidores,,o vereador Lutero foi para o lado do partido do Governador na tentativa ou promessa de que este,com sua influÊncia,conseguiria mantê-lo no cargo.Será?

  • Cida galvão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu Cida quero esperar sentada, ´duvido que esses dois serão cassados. Esse Lutero já fechou acordo com a turma da botina p. não ser cassado nós pobres mortais sabemos como funciona esse TRE, só p. a ralé cabe o rigor da lei, aos demais as benécias da lei.É uma vergonha se esses dois não forem cassados, e os mesmos estão esperando entrar o período eleitoral, pois segdo a imprensa qdo começar ñão serão mais apreciados os pedidos de cassação dos infiéis. É ver p. crer.

  • Marcio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mas a vaga não é do partido??? Então, em caso de cassação do mandato do Eden, o Dilermário não poderia assumir, pois o mesmo está no PTB.

    ABRA O OLHO PSB!!!

  • Ana Maria Petrusquini | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E ai TRE qdo sairá a cassação do Lutero e do Éden? o povo tá ansioso por justiça. Ou vcs irão ficar desmoralizados?

Rejeição a Abílio sobe e cai a de EP

abilio junior 400 curtinha   Nos últimos 15 dias, o candidato a prefeito da Capital, Abílio Júnior (foto), do Podemos, viu a rejeição aumentar 12 pontos percentuais, quase um por dia, saindo de 19% para 31%, de acordo com a nova rodada da pesquisa Ibope, divulgada nesta sexta pela TV Centro América....

Fávaro deixa governador em saia-justa

carlos favaro 400 curtinha   O senador interino do PSD, Carlos Fávaro (foto), que busca a reeleição, deixou o governador Mauro Mendes (DEM) em uma saia-justa em Barra do Garças. Mendes, que já declarou apoio no horário eleitoral ao candidato à sucessão municipal Wellington Marcos, do mesmo...

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...