Últimas

Terça-Feira, 11 de Março de 2008, 08h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

ÁGUA BOA

Em desvantagem, petista é o principal adversário

 Se as eleições fossem hoje, o prefeito de Água Boa, Maurício Cardoso Tonhá (PR), o Maurição, bateria todos os adversários e seria reeleito com 65,6% dos votos. É o que aponta a pesquisa Mark feita nos últimos dias 26 e 27 de fevereiro em 12 bairros do município. A aceitação ao nome do prefeito se mantém há 10 meses, quando já liderava com quase 40% das intenções de voto - leia mais aqui. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. O republicano aparece à frente em 11 amostragens estimuladas.

   Em segundo lugar figura o ex-vereador Edilson Penthof (PT), bastante atrás de Maurição. Foi citado por 12,8% dos 227 entrevistados pela Mark. Já o vereador Sandro Lúcio Aleixo, o Papagaio (PSDB) é preferido por 7% do eleitorado, enquanto o empresário Beto Basso (PMDB) aparece como lanterna com 4,4%. Num outro cenário sem Beto Basso, Maurição permanece à frente com 66,5%. Nesse quadro tem a inclusão do nome do empresário Naévio Basso (PMDB), que foi lembrado por 3,1%.

   Na estimulada 03, em que aparecem como concorrentes Maurição, o ex-prefeito Luiz Elias Abdala (DEM), Edilson e Papagaio, o prefeito republicano sairia vitorioso com 62,1%. Maurição também aparece em vantagem num quadro sem o nome de Abdala e com participação do vereador Ari Zandoná (DEM). Detém 65,6% da preferência.

   Já numa outra simulação feita pela Mark, somente entre os dois maiores virtuais candidatos (Maurição e Edilson), o prefeito é tido como preferido por 69,6% em detrimento ao nome de Edilson (18,5%). Em seguida, o atual prefeito bateria o eventual adversário Beto Basso com uma frente ampla: 70,5% a 12,8%. O ex-prefeito de Água Boa, Celso Carvalho (PMDB) também perderia para Maurição, com uma desvantagem de 60 pontos percentuais (estimulada 07).

  Por sua vez, Naévio seria derrotado num suposto confronto com o prefeito. Perderia com 5,7% dos votos, enquanto o seu virtual concorrente teria 75,3%. Para 72,7% dos entrevistados pela Mark, o prefeito deveria ser reeleito, caso disputasse a prefeitura com Papagaio, que foi mencionado por 10,6% do eleitorado. Já numa disputa com Abdala, reduziria alguns pontos percentuais de Maurição, porém continuaria à frente. Seria reconduzido à cadeira com 66,1%, ao passo que Abdalla teria 20,3%.

    Num confronto só com Ari Zandoná e Maurição, o prefeito seria reeleito com 78%, enquanto Ari teria 4,8% dos votos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...

Estado paga os servidores nesta 6ª

mauro mendes 400 curtinha   Servidores do Estado recebem salário de fevereiro hoje, dentro do mês trabalho. É a sexta vez seguida que o governador Mauro Mendes consegue pagar a folha dos ativos, inativos e pensionistas antes da virada do mês, depois de promover reformas, redução da máquina e...

Sistema de saúde sob colapso em ROO

Em Rondonópolis, cidade-polo da região Sul, que abrange 17 municípios, não há mais leitos de UTI para socorrer pacientes em quadro grave de Covid-19. Todos os 30 do hospital Santa Casa estão ocupados, inclusive um leito de UTI reservado para atender outros casos, acabou destinado para paciente com o novo coronavírus. Há 10 leitos de UTI no Hospital Regional e todos também estão lotados. Várias pessoas em...

Deputado, Mesa da AL e incoerência

claudinei 400   Claudinei Lopes (foto), delegado de polícia que, na onda Bolsonaro, se elegeu deputado pelo PSL, em 2018, se mostra cada vez mais incoerente. É daqueles que gostam de levantar polêmicas e críticas, mas sem consistência. Ele se manifestou, por exemplo, contra a reeleição à Mesa...

Dilmar ensaia disputa para federal

dilmar dal bosco 400   Todos os deputados estaduais querem buscar a reeleição, com exceção de Dilmar Dal Bosco (foto), que está no terceiro mandato. Integrante da nova Mesa Diretora da Assembleia, como primeiro-vice-presidente, e líder do Governo Mauro, Dilmar não esconde o desejo de disputar cadeira...