Últimas

Quarta-Feira, 02 de Dezembro de 2009, 23h:52 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

RONDONÓPOLIS

Em evento, Pátio é recebido com vaias e nem faz discurso

  O prefeito de Rondonópolis Zé do Pátio passou por uma situação constrangedora nesta quarta à noite, durante solenidade seguida por show artístico nacional, que marcou a inauguração da ampliação da estrutura do Sesi/Senai, no Parque Universitário. Perante cerca de três mil pessoas, o apresentador anunciou que Pátio iria fazer pronunciamento. De um lado, estavam na pista uma multidão de trabalhadores da indústria e, na outra ponta e nos camarotes, autoridades políticas e empresariais. Começou, então, uma vaia tão forte que o prefeito não conseguiu discursar. O próprio Zé e os políticos presentes se mostraram surpresos com a reação do público. Foram trabalhadores como aqueles que lançaram sonora vaia que, no ano passado, ajudaram o peemedebista a derrotar o então prefeito Adilton Sachetti (PR), que tinha respaldo do governador Blairo Maggi e de quase toda classe política. Cabisbaixo, Pátio, que vê sua popularidade em declínio, saiu de fininho e foi embora. Nem esperou o início do show do conjunto Roupa Nova.

   O evento foi limitado aos trabalhadores da indústria. Estavam presentes quase todos os 12 vereadores, os deputados estaduais Percival Muniz (PPS) e Vilma Moreira (PSB), o federal Wellington Fagundes (PR), o suplente de deputado federal Eduardo Moura (PPS) e o presidente da Federação das Indústrias (Fiemt), Mauro Mendes, pré-candidato a governador pelo PSB. Antes de participar da solenidade, Mendes foi recebido numa reunião ampliada do PPS, que sinalizou para apoio a seu nome à sucessão estadual.

    "Carimbo"

    Zé do Pátio termina o primeiro ano com a folha salarial em dia e sem enfrentar acusação de corrupção capaz de manchar a sua trajetória de retidão, mas, por outro lado, convive com forte desgaste tanto junto ao empresariado quanto aos servidores. No geral, carrega o carimbo de "incompetente". Mesmo com a tecnologia a seu dispor, o prefeito é daqueles que adotam a sistemática de pagamento em cheque. Com isso, "segura" sobre a mesa e até carrega debaixo dos braços calhamaço de cheques para assiná-los em casa durante a madrugada. É centralizador ao extremo, prova de que não confia no secretariado.

   O peemedebista trava tanto a máquina que viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que passaram por manutenção ficaram retiradas na oficina por falta de pagamento, não por eventual falta de recursos, mas por causa da demora na assinatura do cheque com vistas a quitar o débito. Os maiores problemáticas estão nas áreas de infraestrutura e saúde pública. Médicos-anestecistas, por exemplo, entraram em greve. No desespero, Pátio decidiu fazer convênio até com a Prefeitura de Poxoréu para manter, no município vizinho, um hospital para atender pacientes oriundos de Rondonópolis. Está sendo bombardeado de críticas por essa atitude. A oposição afirma que a administração não conseguiu cumprir a promessa de executar obras, além daquelas que já estavam previstas pela gestão Sachetti.

Postar um novo comentário

Comentários (39)

  • A voz do Povo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Cida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quem trai o seu partido não merece apoio do povo. Se você tivesse traido seu partido por gente que presta logo pelo prefeitinho quem nem cuiabá não esta conseguindo administrar. Chupa essa manga, aqui se faz aqui se paga, conheceu papudo.

  • Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É aquele velho ditado aqui se planta, aqui se colhe, tomô papudo!!!!

  • Pantaneiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • janete feitosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Do po vieste ao po voltaras...viemos de poxoreo e a poxoreo estamos retornando.

  • TIMONEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O ZE CEBOLA FAZ O SEGUINTE LEVA O WILSON PINOQUIO AI EM RONDONOPOLIS PARA TENTAR LIMPA TUA BARRA,PORQUE AQUI EM CUIABA OS PUXA S DO WILSON FALA QUE ELE WILSON PINOQUIO ESTA COM A BOLA TODA AI EM RONDONOPOLIS,UM CONSELHO CUIDADO COM AS VAIAS DE NOVO EM!!!!!!! O ZE CEBOLA COM ESSE APOIO QUE VOCE ESTA DANDO AO WILSON PINOQUIO,VOU TE FAZER UM PEDIDO,FAZ UM FAVOR SE FICAR POR ULTIMO,FECHA O CAIXAO OK!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!  

  • jotinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este Messias de Cáprio fala besteira demais,
    voces de Primavera do Leste, pergunte pra ele se ele pode vir em Rondonópolis?

  • Carlos de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vaias orquestradas por adversários que não aceitam a derrota histórica do tostão contra o milhão, o Zé deu bobeira de ir em evento de adversário.

  • ELIANE G. RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VAIAR, hoje, não é falta de educação e sim, uma forma democrática de expressar nossa indignação, e é também uma arma bastante poderosa, tanto quanto nosso voto. Contra a bandidagem política, USE VAIA. O som que funde a fúria, o cansaço, o sarcasmo e a
    chacota não têm contraindicação e age
    sobre distintas abjeções. Sobressalta o presunçoso, silencia o falastrão, inibe o debochado constrange o arrogante, desfaz o sorriso canalha. Nada como a propagação da vaia para combater epidemias. Portanto...

    VAIA NELES !!

  • messias di caprio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o poliítico que se preocupar com vaias sazonais não deve enfrentar as urnas. o zé sabe que isso é natural, pois o obama e o lula tambem já foram vaiados. administrar a coisa pública é como enfrentar uma guerra em que cada ano representa uma batalha; podemos em dado momento não terminar uma destas batalhas bem mas no bojo disso, temos que ter a segurança que o que intereça é terminarmos os quatro anos bem e isso, podem ter certeza, que vai acontecer na administração deste guerreiro que será reeleito nos braços do povo.

Colíder com 2 candidatos desgastados

jaiminho 400 curtinha   Em Colíder, duas figuras bastante desgastadas politicamente estão na disputa pelo Executivo, sendo o prefeito Noboru Tomiyoshi, que fechou aliança com apenas três partidos (DEM, PSD e SD), e o ex-prefeito Jaime Marques (foto), que concorre pelo PSC numa coligação que agrega DEM e...

PP com 25 a vereador projeta 3 vagas

orivaldo da farmacia 400 curtinha   O PP, da base aliada do prefeito Emanuel, conta com 25 candidatos a vereador pela Capital. Deve conquistar entre duas e três vagas. Os principais concorrentes são os já vereadores Orivaldo da Farmácia (foto), Marcrean Santos e Luis Cláudio, além do ex-vereador...

MPE vê prefeita de Torixoréu inelegível

ines 400 curtinha torixoreu   Para o Ministério Público Eleitoral, a prefeita de Torixoréu, Inês Mesquita Moraes Coelho (foto), que se lançou à reeleição pelo DEM, está inelegível. Numa ação de impugnação de registro de candidatura, o promotor...

Candidato amarga derrota na Justiça

adilson gon�alves 400 curtinha   O candidato a prefeito de Barra do Garças, delegado Adilson Gonçalves (foto), tentou, sem êxito na Justiça, censurar o Rdnews na publicação de matérias sobre o pleito eleitoral no município. Numa ação impetrada junto à...

Com certidão pra disputar 1ª suplência

dito lucas 400 curtinha   Filiado ao Podemos, Dito Lucas (foto), que entrou de última hora como primeiro-suplente da chapa ao Senado encabeçada por José Medeiros, assegura que vai apresentar novamente sua certidão junto à Justiça Eleitoral, de modo a provar que sua candidatura é legítima....

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...