Últimas

Quarta-Feira, 27 de Junho de 2007, 16h:56 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

LEGISLATIVO

Em nota, AL explica extra para seus deputados

A Assembléia Legislativa emitiu nota nesta quarta ao RDNews sobre a matéria "Sob Silval, deputados receberam até 14º salário" - clique aqui e confira. Explicou também os questionamentos feitos pelos conselheiros do Tribunal de Contas sobre o balancente da gestão do então presidente Silval Barbosa (PMDB), hoje vice-governador, referente ao exercício de 2006.

    Segundo a Mesa Diretora, as despesas com locação de veículos são referentes a todos os eventos organizados pelo Legislativo, incluindo mais de 60 audiências públicas. Quanto ao pagamento de 14º salario para os deputados, a AL alega que trata-se de "ajuda de custo (...), com objetivo básico de buscar a simetria de direitos e o exercício dos mesmos entre os membros do Poder Legislativo Estadual e os representantes do Congresso Nacional". Sobre despesas com pesquisas de opinião, a presidência da Assembléia, hoje sob Sérgio Ricardo, argumenta que "são regulares e não se referem apenas a aferições de desempenho, mas também a pesquisas técnicas de trabalhos realizados por comissões e câmaras temáticas da Casa".

    Confira abaixo a íntegra da nota da Assembléia Legislativa.

     "Em função da matéria veiculada no RDNews sob o título “Sob Silval, deputados receberam até 14º salário”, na edição de 27/06, a Assembléia Legislativa vem a público fazer as seguintes observações:
1) Os aluguéis com locação de veículos são alusivos a todos os eventos organizados pelo Poder Legislativo em 2006, incluindo aí mais de 60 audiências públicas realizadas em praticamente todas as regiões do Estado. A comparação do valor à aquisição de veículos de uso dos parlamentares, portanto, não tem qualquer nexo;
2) A questão do pagamento de salários extras se refere, na realidade, ao pagamento de ajuda de custo, conforme Decreto Legislativo nº 01, de fevereiro de 2003, regulamentado pelo Decreto nº 12, de dezembro de 2006, cujo objetivo básico foi buscar a simetria de direitos e o exercício dos mesmos entre os membros do Poder Legislativo Estadual e os representantes do Congresso Nacional;
3) As pesquisas de opinião assinaladas são regulares e não se referem apenas a aferições de desempenho, mas também a pesquisas técnicas de trabalhos realizados por comissões e câmaras temáticas da Casa;
4) Por fim, porém, é preciso reconhecer a importância das considerações realizadas pelo Tribunal de Contas no sentido de se buscar - cada vez mais o aperfeiçoamento dos trabalhos de controle interno. E isso vem sendo constantemente implementado;
5) O Poder Legislativo aproveita a oportunidade, também, para lembrar os avanços conquistados pelo Poder Legislativo estadual nos últimos anos. Entre eles, uma nova e moderna sede; a capacitação continuada de servidores através da Escola do Legislativo, que oportuniza cursos superior e de pós-graduação aos servidores; conclusão do processo de abertura do sinal da TV Assembléia a todo o Estado, garantindo cada vez mais a transparência das ações da Casa; além da continuidade de trabalhos realizados através de audiências públicas e câmaras setoriais temáticas.”

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • ELIFAS JOSE RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MUITO BOA A "NOTA DE ESCLARECIMENTO"TUDO MUITO BEM "EXPLICADINHO" NOS MINIMOS DETALHES, MEUS NOBBRES DEPUTADOS SENADORES, VEREADORES,DEPUTADOS FEDERAIS PRESIDENTES DE CAMARAS MUNICIPAIS, GOVERNADORES TCEs,PRESIDENTES DE AUTARQUIAS E FUNDAÇÕES,COM UMA SIMPLES "NOTAS DE ESCLARECIMENTO" JÁ É UM ATESTADO DE IDONEIDADE: JÁ ESTOU LOUCO P/CHEGAR AS PROXIMAS ELEIÇÕES P/VOTAR EM VOCES

Corrida de Teis no noticiário nacional

waldir teis 400 curtinha   As imagens que mostram o conselheiro afastado do TCE Waldir Teis (foto) descendo em alta velocidade as escadas de um prédio para jogar no lixo vários cheques rasgados que somavam R$ 450 mil ganharam o noticiário nacional, com destaque neste domingo em veículos, como Folha de S. Paulo, G1 e IG....

Esforço de ex-senadora para eleger 2

rafael ranalli curtinha 400   Eleita no pleito de 2018 e cassada em definitivo em abril deste ano, a ex-senadora Selma Arruda, presidente do Podemos de Cuiabá, pode deixar o partido após o processo eleitoral deste ano. Segundo informações, a juíza aposentada se afastaria da política partidária para...

6 parlamentares já foram infectados

wilson santos 400 curtinha   Desde o início da pandemia, em março, seis dos 24 deputados estaduais já testaram positivo para Covid-19. O último foi Wilson Santos (foto). Ele disse que recebeu medicação e está em isolamento. Observa que a doença está no início e segue trabalhando...

Pedido para TSE definir data da eleição

sebastiao carlos 400 curtinha   Na última quarta (2), um dia após a Câmara aprovar a PEC que adia as eleições municipais para 15 de novembro, André de Albuquerque Teixeira, advogado de Sebastião Carlos, que concorreu ao Senado e um dos que denunciaram Selma Arruda por crimes eleitorais, já...

Uma das apostas do PP para vereador

alex rodrigues 400 curtinha   O PP já tem no rol de possíveis eleitos a vereador em Cuiabá o jovem Alex Rodrigues (foto), de 31 anos. Filho do empresário Valúcio Rodrigues e sobrinho do secretário de Obras Públicas da Capital, Wanderlúcio Rodrigues, Alex criou uma comunidade com mais de mil...

Prefeito, efeito pandemia e a reeleição

ze do patio 400 curtinha   Mesmo com o poderio da máquina, considerada preponderante para cooptar partidos e aliados por causa da oferta de cargos e do assistencialismo, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, terceira em população e segunda no ranking da economia estadual, terá muitos...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.