Últimas

Segunda-Feira, 17 de Março de 2008, 08h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

CONFRONTO

Em nota, deputado se diz contrariado com Ibama

  O deputado Dilceu Dal Bosco (DEM) garante que não teve a intenção de ofender servidores do Ibama quando disparou críticas ao órgão federal, durante reunião na semana passada. Ele emitiu uma nota por causa da repercussão da matéria públicada no RDNews, intitulada "Deputado faz pedido e chama o Ibama de ladrão". "Assim como o segmento florestal do Estado, quero saber onde foram aplicados os recursos arrecadados pelo Ibama para fins de reposição ambiental", escreve o parlamentar democrata.

  O deputado ameniza conflitos com os servidores do órgão. "Em nenhum momento quis atacar qualquer servidor público do Ibama, pois não conheço o caráter e idoneidade de cada um". Ele se opõe ainda à Operação Arco de Fogo, realizada pela secretaria estadual de Meio Ambiente (Sema) em conjunto com a Polícia Federal e o próprio Ibama. "Minha indignação com a operação Arco de Fogo é por conta do uso exagerado de força aplicado pelo Ibama", explica. (Pollyana Araújo)

   Eis a nota de Dilceu Dal Bosco sobre a área ambiental:

1) Em nenhum momento quis atacar qualquer servidor público do Ibama, pois não conheço o caráter e idoneidade de cada um;
2) Não apóio o desmatamento ilegal no Estado, pelo contrário, como presidente da Comissão de Meio Ambiente, tenho investigado denúncias de desmatamentos ilegais. Apenas questiono o fato de as licenças liberadas no passado pelo Ibama terem sido questionadas sem nenhuma justificativa prévia;
3)  Assim como o segmento florestal do Estado, quero saber onde foram aplicados os recursos arrecadados pelo Ibama para fins de reposição ambiental;
4) Minha indignação com a operação Arco de Fogo, assim como de todos os cidadãos da região norte de Mato Grosso, é por conta do uso exagerado de força aplicado pelo Ibama. No meu entendimento, para fazer uma fiscalização de estoque madeireiro em pátio, não é necessária a presença policial, quanto mais de uma instituição tão respeitada e assoberbada como a Polícia Federal;
5) Quero, mais uma vez deixar claro que o próprio Ibama, em parceria com a Sema, poderia estar realizando esta operação, sem qualquer uso de força policial, seja militar, civil ou federal. Em Mato Grosso não há histórico de resistência a operações de fiscalização ambiental;
6)  Com o desencadeamento da operação Arco de Fogo o Ibama isolou a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, descumprindo o Pacto Federativo, já que a gestão ambiental em Mato Grosso é compartilhada entre os governos Federal e Estadual;
7) Segundo levantamento preliminar da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, que está visitando “in loco” as áreas apontadas pelo Inpe, existe um erro de aproximadamente 90% nos dados divulgados sobre os desmatamentos.
Dilceu Dal Bosco
Presidente da Comissão de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Recursos Minerais

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Manoel Coelho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTE DEPUTADO JÁ ESTA PASSANDO DOS LIMITES. A POLÍCIA FEDERAL E O MINISTÉRIO PÚBLICO DEVERIAM ESTAR INVESTIGANDO ELE E SEUS NEGÓCIOS.

  • andré ribeiro frança filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o assessor deste deputado não sai do gabinete do daldegan, lá na sema, analisando e selecionando projetos do interesse deles. É um caso típico de tráfico de influência, e qualquer operação amedronta esta turma com medo da verdade vir a tona e desmoronar o grande esquema que montaram.

  • GERSON LUIZ TURCATTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabens
    deputado sao de politicos igual a vosa exelençia qe vamos precisar no futuro homens com a coragem de sa ber e de falar bem colocada seu pedido (QUERRO SABER ONDE FORAM APLICADOSOS RECURSOS ARRECADADOS PELO IBAMA PARA FIM DE REPOSIÇAO ) sao mais de 20 anos qe o ibama vem arecadando este recurso e cade o dh sera qe gastaram tudo reflorestando o planalto? parabens depuitado comtinue assim se apertar os homens eles comtam a onde foram aplicados estes recurso



  • Rose | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O que este Deputado entende de Recursos hidricos e Meio Ambiente, para ser responsavel desta comissão, faz me rir....rsrsrsrsrsrrsrsrsrsrsrrrsrsrsrsrrsrsrrsrsrsrrrsrsrsrrsrsrsrsrsrsrsrsrsrrsrsrrrsrrsrrsrsrxdrsdrrsrrsrsrrsrsrrr

De MT para USP; governo comemora

gabriel usp ribeiraozinho 400   O governador Mauro Mendes comemorou o fato do estudante Gabriel Rodrigues Ribeiro (foto), de 18 anos, morador de Ribeirãozinho, município mato-grossense com menos de três mil habitantes, ter conseguido ingresso no curso de medicina da USP, considerada a melhor universidade do país. Aos 18...

ICMS e R$ 150 mi a mais a municípios

rogerio gallo 400 curtinha   O secretário Rogério Gallo (foto), da Fazenda, assegura que o governo estadual já enviou para os municípios, no primeiro trimestre deste ano, R$ 150 milhões somente em ICMS arrecadado a mais do que estava previso na lei orçamentária. O valor é 8 vezes...

Fúrio, última ação no MPE e morte

celio furio 400   Célio Joubert Fúrio (foto), que morreu nesta sexta, aos 56 anos, vítima da Covid-19, foi um incansável combatente de atos de improbidade administrativa em MT e na defesa do patrimônio público. Integrava aos quadros do Ministério Público Estadual havia 29 anos. Ele atuou...

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...