Últimas

Sexta-Feira, 11 de Maio de 2007, 15h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

SAÚDE PÚBLICA

Em nota, Maluf nega nepotismo e perseguição

   O secretário de Saúde de Cuiabá, Guilherme Maluf, divulgou nota, contetando nepotismo por prática de uma diretora nomeada por ele. Também negou haver perseguição a servidores. Segundo ele, o ambiente hoje na pasta é ‘de estrema tranqüilidade e harmonia‘. ‘Eu sou recebido com muita cordialidade e expectativas de mudanças pelos servidores‘, enfatizou o secretário.

    Ele explica, por meio de nota, que após a denúncia publicada aqui no RDNews de que uma diretora nomeada teria contratado parentes para trabalhar na SMS, fez um levantamento cujo resultado não comprovou a veracidade da acusação. Os parentes de Rosângela Maria de Assis, indicada à diretoria pelo presidente da Câmara Municipal, vereador Lutero Ponce, já estavam lotados antes na Saúde.

    "Desde que fui eleito vereador nunca contratei um parente como assessor e não permitirei que ninguém pratique nepotismo aqui na Secretaria de Saúde".

     Sobre a acusação de que Rosângela de Assis, diretora de Atenção Básica, teria contratado seis parentes, o secretário informa que três das pessoas citadas na denúncia anônima foram contratadas em gestões passadas, e outros dois foram contratados nesta gestão, mas não são parentes dela. Rosângela contratou apenas seu irmão Rogério Frederico de Assis por 30 dias, para que a ajudasse a reorganizar documentos e se inteirar na pasta. Frederico foi desligado da SMS no dia 03 de maio.

    "Não existe, por outro lado, nenhum tipo de perseguição aqui na Secretaria. Esse tipo de comportamento não faz parte da minha índole", afirma taxativamente, referindo-se aos comentários de que ele estaria perseguindo a auxiliar de enfermagem Vilma Francisca Gomes Pinheiro. Segundo o secretário a servidora foi devolvida ao órgão de origem que é a vigilância epidemiológica, onde ela trabalhava antes de ir para a diretoria de Atenção Secundária.

     "Como secretário tenho a liberdade de transferir servidores para o local onde ele melhor possa contribuir com a Secretaria de Saúde", completa Maluf, colocando-se a disposição da sociedade para quaisquer esclarecimentos, prevalecendo a sua proposta de administração transparente, honesta e exclusivamente comprometida com o cidadão.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...

DEM tem derrotados em 2020 pra AL

anelise silva 400   Alguns filiados do DEM do governador Mauro Mendes estão se movimentando por conta própria, visando as eleições de deputado estadual no próximo ano, alheios ao comodismo do presidente regional do partido, ex-deputado Fabinho Garcia. Em Cáceres, por exemplo, dois são cogitados para...

Vereadores vão devolver a VI de abril

agostinho carneiro 400   Presidida por Agostinho Carneiro (foto), a Câmara Municipal de Ribeirãozinho, um dos menores municípios do Estado, com cerca de 2,5 mil habitantes, decidiu suspender o pagamento da verba indenizatória deste mês de abril de todos os seus nove vereadores. Com isso, os R$ 9 mil que iriam para o...