Últimas

Terça-Feira, 10 de Março de 2009, 15h:28 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

RUMO A 2010

Em reunião com PR, Abicalil veta Riva e o DEM


Presidente da AL, José Riva, enfrenta oposição de membros da Executiva do PT e PR, dirante reunião 

  Em reunião com a Executiva regional do PR nesta segunda (9) à tarde, o presidente estadual do PT, deputado federal Carlos Abicalil, deixou claro que é contra qualquer aliança que venha a ter o PP do deputado José Riva e o DEM do senador Jayme Campos na chapa majoritária. Diferente do que ele próprio declarou à imprensa após o encontro, com discurso em defesa do PT, PR e PMDB formar tríplice aliança e ampliar esse arco junto a outros partidos, Abicalil apresentou na reunião fechada uma posição dura contra a figura de Riva e vetou também o Democratas por entender que a conjuntura nacional os coloca em campos oposto ao PT.

Homero reforça as críticas de Abicalil e
diz que pré-candidatura majoritária de
Riva não passa de um balão de ensaio

Carlos Abicalil critica "jeito complicado de Riva fazer política"Homero Pereira diz que "Riva ao Senado é balão de ensaio"   Para não criar conflitos com Riva desde já, Abicalil, de forma estratégica, esperou os deputados estaduais Sérgio Ricardo e João Malheiros saírem da reunião para poder "bater" no presidente da Assembléia. Acontece que os dois parlamentares republicanos são aliados de "carteirinha" de Riva e o temor do petista seria de sua posição dura externada em encontro restrito viesse a se tornar público e chegar ao conhecimento do deputado do PP. Abicalil observou que seria complicado um eventual apoio do PT a Riva ao Senado, por exemplo, por entender que este tem um "jeito complicado de fazer política", numa alusão aos processos sobre os ombros de Riva por supostos atos de improbidade. Num determinado momento do discurso de Abicalil, o deputado federal Homero Pereira (PR) interviu para dizer que considera a pré-candidatura de Riva, seja a senador, seja a governador, um balão de ensaio. De acordo com Homero, o deputado tenta apenas se valorizar porque, no fundo, vai mesmo é concorrer à reeleição para continuar na presidência da AL. Tanto alguns membros republicanos quanto petistas trataram Riva com desdém.

   Abicalil disse que, nacionalmente, o PP é aliado do governo do presidente Lula, tanto que comanda o Ministério das Cidades com Márcio Fortes. Mas, no caso de Mato Grosso, observa que o PP só poderia vir a apoiar projetos majoritários do grupo e não para receber apoio, principalmente do PT. Com isso, ao menos numa posição pessoal, Abicalil descarta apoio ao nome de Riva para a senatória. Sobre o DEM, Carlos Abicalil avisou que a tendência nacional é do partido do senador Jayme consolidar a aliança com o PSDB. Nesse caso, não teria como em âmbito estadual, petistas e democratas estarem no mesmo palanque.

   O encontro promovido pelo PR faz parte da agenda acertada pela cúpula no encontro do mês passado no Sesc Pantanal. A Executiva republicana já esteve com o PMDB e agora se reuniu com petistas. Do PR estiveram presentes o presidente estadual da sigla, Moisés Sachetti, o secretário-geral Emanuel Pinheiro, os deputados estaduais Sérgio Ricardo e João Malheiros e o federal Homero. A tropa do PT estava composta por Abicalil, pelos deputados estaduais Alexandre Cesar e Ságuas Moraes, que conduz a pasta da Educação do Estado, Jairo Rocha, Vilson Nery, o presidente municipal Vilson Aguiar, Regina Borela e Silbene Santana.

   Em meio a vários discursos, com direito a café e a pão-de-queijo, nenhum líder insistiu quanto à definição imediata de nomes para candidaturas majoritárias. Foram lembrados como opções para o governo, dentro do arco de alianças, Sérgio Ricardo, Mauro Mendes e Adilton Sachetti (os três do PR), Abicalil (PT) e Silval Barbosa (PMDB). Petistas adiantaram que a senadora Serys Marly deve buscar a reeleição, assim como republicanos lembrar o nome de Blairo Maggi támbém para o Senado. (Romilson Dourado)

(Às 19h40) - Em nota, presidente do PT nega ter feito restrições

   Apesar de alguns líderes do próprio PT e do PR que participaram da reunião garantirem que Carlos Abicalil vetou apoio do bloco a eventual candidatura de José Riva (PP) a cargo majoritário e também sinalizou para dificuldades de composição com o DEM sobre o pleito de 2010, o presidente regional da legenda petista divulgou uma nota, desmentindo a matéria acima.

   Eis, abaixo, a íntegra da Nota de Esclarecimento assinada pelo deputado Abicalil
   "Em razão da matéria publicada pelo site RDnews nesta terça-feira (10/03/09), com o título, “Em reunião com o PR, Abicalil veta Riva e o DEM”, o presidente do diretório estadual do PT, deputado federal Carlos Abicalil vem a público esclarecer os seguintes fatos:
   1 – A reunião das executivas estaduais do PR e PT discutiu o aprofundamento da aliança programática no Estado, entre as duas siglas que compõe a base de apoio dos governos federal e estadual;
   2 – Ao se discutir o processo sucessório de 2010, em nenhum momento foi tratada qualquer candidatura nominal;
   3 – Nenhuma das declarações à Imprensa, após a reunião são diferentes do que se tratou durante o encontro;
   4 – O PT procurará o PP para discutir o processo eleitoral de 2010, pois o partido faz parte do arco de alianças do presidente Lula;
   5 – Não poderia, portanto, haver qualquer manifestação de restrição ou veto conforme afirma a matéria;
   6 – Quanto ao DEM, a afirmação feita é de que considera natural que seja procurado pelo PR, pois compõe a base de apoio ao governo do estado, diferentemente de sua oposição ao governo federal – fatos de conhecimento público.
   7 – Quaisquer outras afirmações resultam de fantasias ou má fé do veículo e de suas fontes;
   8 – Em síntese tudo o que foi tratado na reunião está descrito na nota conjunta divulgada. Com esses esclarecimentos solicito ao site a reparação dos fatos."
   Deputado Carlos Abicalil
   Presidente do PT-MT

Postar um novo comentário

Comentários (22)

  • sebastiao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Abicalil foi picado pela mosca azul do poder? Perdeu a noção... Quem ele acha que é para impor veto a liderança do Riva...Porque não constroi seu proprio caminho.

  • Jacyara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    GENTE, tenho que concordar com Homero, realmente para mim Riva será candidato sim, a deputado estadual e consolidara mais ainda seu poder.
    Riva lançara Roberto Dorner ao Senado.
    E meu idolo Ságuas Moraes vai precisar de otaviano Pivetta, correndo por fora como mentor, para conseguir coeficiente eleitoral.
    PT e PR - estão divididos e deverão se aliar a agremiação exposenciais na verticalização federal.

  • michael | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • João | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não se trata de ser vetado ou não, mas sim a veracidade da matéria. A fonte, citada na reportagem, é tão duvidosa quanto a nota emitida pelo parlamentar. Onde queremos chegar. Não sejamos hipócritas... sabemos que a imprensa é partidária e deve ser vista como uma empresa. Não precisa ser especialista para notar que os ânimos agora esquetarão e que o disse e me disse será constante. Espero que sejamos serenos ao ler os noticiários.

  • Severino | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho que a vinda do Zé Dirceu mexeu com os neurônio da turma do PT...Se o Blairo e Riva forem candidatos, já foi meu amigo, fechou porteira!! e não haverá vaga para o PT, DEM...

    O Abicalil penas que ninguém tem nada contra ele?

  • Antonio Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUEM É ABICALIL PRA VETAR RIVA ?

    QUEM É ABICALIL PRA VETAR JAIME ?

    O QUE ESS ALOPRADO TEM DE ESPECIAL ?

  • CLEBER OURIVES DE FIGUEIREDO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    NÃO É HORA DE VETAR NINGUÉM. É HORA DE SOMAR, AGREGAR VALORES E CONQUISTAR O PÚBLICO ELEITOR. ACHO QUE O ARCO DE ALIANÇA DO PR DEVA AUMENTAR. SOMENTE TRÊS PARTIDOS É MUITO POUCO PARA COMEÇAR...

  • celio oczinski | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e o riva ta forti mesmo, esse abicacalil passagem aerea, e esse homero nem si elege mais, pode pega esses dois e peita o riva no voto pra ve a lavada q toma, 2010 dara a resposta para homero e abicalil... politica e companherismo e riva tem de sobra. aposto com quem quiser para deputado o riva faiz mais voto q os dois juntos...

  • Político | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Oh, Blairo, meu filho, Vcs estão no caminho certo... para perder as eleições!

    Tem coisa em política que a gente não fala! Uma delas é a besteira que o Abicalil e o Homero falaram...

    Se a candidatura do Riva é balão de ensaio prá que crici´ticá-la? Se ele vem de arrasto depois, só para apoiar, prá que hostilizá-lo?

    Só amador faz um monte de besteiras dessas!!!

  • Renato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...