Últimas

Sexta-Feira, 18 de Dezembro de 2009, 11h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Em sessão, Maluf sugere que Exército combata dengue

   O deputado Guilherme Malouf (PSDB) propôs, em sessão ordinária, a presença do Exército nas ruas para que haja um combate efetivo contra a dengue no estado. Segundo ele, Mato Grosso já um dos campeões do problema e não é possível mais aceitar o número de mortes que cresce a cada dia sem que medidas mais extremas sejam tomadas. Uma dessas ações também pode ser um gabinete da dengue ligado diretamente ao governador Blairo Maggi (PR) para tomar medidas estratégicas contra a dengue.

   "O secretário Agostinho Moro (Saúde) me disse que terá reunião no Ministério da Saúde) mas entendo que esta Casa tem que acompanhar de perto o desenvolvimento dessas ações", alerta o parlamentar. Lembra ainda que Mato Grosso não tem estrutura para atender a tantos pacientes. O deputado Adalto de Freitas, líder do PMDB na Assembleia Legislativa completa a fala de Maluf dizendo que deve fazer o apelo da Assembleia chegar ao governador (Blairo Maggi – PR) e a todos os prefeitos. "Estou vendo as mortes se acumularem e nada de movimentação para sanar este mal”, lamenta Adalto.

   Para Maluf, uma medida básica, além do exército nas ruas, já que o combate a dengue é uma “guerra”, seria também o uso de aviões para localizar os grandes focos e uma maciça campanha na mídia. Aponta como sua maior preocupação com o município de Cáceres, a 244 km de Cuiabá, que já é o local com maior incidência da doença no estado.

   Pedro Satélite (PPS) concorda com Maluf e pondera que existe em Mato Grosso um estado de calamidade pública em relação a dengue e que o estado tem feito muito pouco e que AL coloque recurso maior no orçamento para ampliar e melhorar a Saúde, que serão de cerca de R$ 26 milhões, para melhorar um pouco o combate a esta doença. (Adriana Nascimento)

 

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Diego Marques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse povo do psdb é assim, não resolve nada e depois pede ajuda ao exército, igual com as obras do pac quando o alcaide foi la no exército mendigar. cade a prefeitura? ah esqueci que o prefeito ta de férias curtindo uma praia, e o povo aqui morrendo com a dengue! se pra tudo for precisar do exército por causa da incompetência da administração municipal, daqui uns dias as ruas estarão tomadas pelos milicos, como nos tempos da ditadura.

  • Sergio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Parabéns deputado é dever do municipio, estado, união e população todos contra a dengue, o exercito tem que nos ajudar sim.

    2010 deputado conte com agente aqui do cpa, feliz natal e bom ano novo.

  • Gustavo Kunert | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Curioso, tucano é chegado em um milico...

    So faz coisa errada e depois pede ajuda para as forças armadas...

    O curioso é que em vez de ficar com essas propostas idiotas o nobre deputado deveria FISCALIZAR a aplicação de dinheiro nas campanhas de combate a dengue; principalmente pelo Governo do Estado...

    Fala serio Deputado, vai cumprir a sua função...

  • evailde bomfim | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabéns aos deputados que se concientizaram com o tamanho do problema que a dengue vem fazendo no nosso estado, no meu ponto de vista só a campanha socio educativa não vai resolver ,a solução que vejo deputados é pecorrer o estado e principalmente a capital e notificar os donos dos terrenos baldios, esta iniciativa dos nobre deputados tem o meu apoio,pois vejo que este problema não seja somente da gestão municipal mas tambem estadual e sociedade, e juntos iremos mobilizar a sociedade as autoridades contra a dengue,pois existe muitas vitimas sofrendo por ai,sem condições ao menos de um tratamento,temos que esquecer oposição e junto lutar pelo bem do povo,pois é o povo que elegeu os senhores para governar este estado.


    percoram os bairros e verão as situações caoticas que os moradores vivem, com os terrenos baldios e casas abandonadas servindo de lixão em pleno bairro, pessoas que não tem conciencia do mau que estão fazendo para os moradores,as autoridades que que notificar os donos desses terrenos.

    vamos la todos contra a dengue, a dengue esta matando muita gente, os hospitais estão cheios, precisamos tomar providencia já urgenteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee.

  • Luis Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    hehehehe... Já tem exército na saúde, exército na infra-estrutura, exército na segurança pública, exército no combate a dengue.... Por que não entregamos o comando do município pro exército logo?!

  • dejango | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Usei esse espaço aqui essa semana e sugeri a participação do exército no combate a dengue e felismente alguém comunga da mesma opinião. Parabéns dep. não podemos brincar com essa doença e tudo que puder ser feito vamos fazer, a familia dos militares também corre riscos. Portanto, essa guerra é de todos e não cabe aqui pecuinhas políticas.
    Parabens...

  • TIMONEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E TEM RAZAO O GUILHERME MALUF,COM A ADMINISTRACAO QUE A NOSSA LENDARIA CAPITAL ESTA TENDO NOS ULTIMOS ANOS,ACHO NECESSARIO,ANUNCIA O ESTADO DE SITIO EM CUIABA,POR ENGUANTO,SE ESSE POVO DO PSDB,CONSEQUIR O PODER EM 2010,AI TERA QUE SER O ESTADO OU QUEM SABE O PAIS EM ESTADO DE SITIO,PORQUE ELES NAO TEM COMPETENCIA.     

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...