Últimas

Sexta-Feira, 26 de Setembro de 2008, 18h:56 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

SAÚDE PÚBLICA

Empresa suspende alimentação nos hospitais

Fornecedora reclama que não recebe da Prefeitura de Cuiabá há 3 meses e protocola na Justiça ruptura de contrato; servidores da Saúde, pacientes e acompanhantes não terão alimentos a partir de 2ª

   A empresa Oliveira & Lemos decidiu suspender o contrato com a Prefeitura de Cuiabá sobre prestação de serviços de produção e distribuição contínua de alimentos nos hospitais. Reclama que há mais de três meses não consegue receber pagamento pelo fornecimento de alimentos aos pacientes, acompanhantes, servidores e empregados do Hospital e Pronto-Socorro Municipal e outras unidades da rede pública.

   Com essa decisão, o prefeito Wilson Santos (PSDB), mesmo afastado do cargo para se dedicar à campanha à reeleição, se vê numa saía-justa, assim como o seu secretário de Saúde, Luiz Soares. Acontece que a partir de segunda (29), deve ser suspenso o fornecimento de alimentos no HPSMC e em toda a rede de saúde, incluindo ainda policlínicas, Centro de Zoonoses e clínicas.

   Os advogados da Oliveira & Lemos, Victor Humberto Maizman e João Henrique Ferreira, ingressaram nesta sexta à tarde na Vara da Fazenda Pública de Cuiabá com um pedido de notificação judicial à prefeitura. Busca suspender o contrato e, ao mesmo tempo, resguardar os direitos. Pelo contrato, que venceu em março do ano passado e foi prorrogado com anuência da prefeitura, a empresa recebe R$ 170 mil mensais.

   Junto com o pedido de notificação, a empresa apresentou notas fiscais e avisou que a prefeitura, através da secretaria municipal de Saúde, "está deixando de efetivar o pagamento contratado há mais de 3 meses, resultando, assim, na quebra do Princípio Econômico Financeiro do Contrato, situação essa que acarreta na forçosa necessidade de paralisar o fornecimento (...)".

   Em outro parágrafo, a Oliveira & Lemos argumenta que em 14 de agosto deste ano, a prefeitura, nos autos do mandado de segurança 338/2008 em trâmite na 2ª Vara Especializada da Fazenda Pública de Cuiabá, juntou cópia de nota de empenho e apontou que tinha disponível R$ 7 milhões. Em seguida, conclui: "(...) há recursos suficientes para o pagamento da empresa contratada ora notificante o que resulta em manifesto ato de improbidade administrativa por parte do chefe do Poder Executivo Municipal".

  Por fim, a fornecedora de alimentos nas unidades de saúde solicita que a Justiça notifique a prefeita em exercício Jacy Proença (PSDB) para, num prazo de 72 horas, considere suspenso o contrato. Isso deve trazer sérias consequências. Na prática, servidores da saúde, pacientes e acompanhantes não terão alimentação provavelmente a partir de segunda (29). O assunto vai virar munição para os candidatos opositores ao prefeito Santos.

Postar um novo comentário

Comentários (22)

  • Maria Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É SENHORA CRISTINA FREITAS, SABEMOS QUE VC E DAS DA PREFEITURA E TEM POR OBRIGAÇÃO DE DEFENDER WS, MAIS A PENSAR QUE ENGANA O POVO AI JÁ É DEMAIS. TÁ NA CARA....
    TA NA CARA...
    TA NA CARA...
    O POVO TÁ VENDO
    NÃO PRECISA MAIS A SENHORA ATACAR NINGUEM.
    TÁ NA CARA.
    VAI TRABALHAR E O MELHOR QUE A SENHORA FAZ.

  • Nei | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quais dos adversários de Wilson Santos mentiram quando criticaram a saúde do município? Pelo jeito todos. Wilson Santos não foi uma mal prefeito. O seu grande defeito é tentar mascarar a verdade sobre sua gestão. Criticar é um direito de todos. É muita pretenção de alguém achar que os problemas da saúde serão resolvidos em apenas uma gestão. Wilson seria um bom gestor se fosse mais sincero com as pessoas. Não há a necessidade de mentir para alcançar seus objetivos. Ele tem muitos serviços prestados para Cuiabá, mas continua usando as velhas taticas de políticos tradicionais. O povo está aos poucos abrindo o olho para essas táticas. Não devemos ser resistentes as mudanças.

  • RONILDO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ÓH PAI,DEUS IFÁLIVEL DESTE UNIVERSO,CRIADOR DO CÉU E DA TERRA,CUIDAI DE MIM E DAS PESSOAS QUE AMO PARA QUE NÃO FIQUEM DOENTES E NÃO TENHAM QUE MORRER DE FOME NOS HOSPITAIS DE CUIABÁ,OBRIGADO SENHOR!
    AMÉM!!AMÉM!!!!!!!!

  • Maria Antonia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E ai sr Prefeito vai pagar? Quem deve tem que pagar.

  • CARLOS RCOBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TEM PREFEITO NESSA CIDADE ????

  • marcelo pires | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e ae sr wilson santos descaca esse abacaxi e chupa esse limão nao sou rato mais ja abondonei o navio tem muito podre ai..

  • Antonio Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não sou eleitor de Cuiaba,apesar de ser Cuiaba nato, mas hummmmmm isso ai esta cheirando algo estranho, nas retas finais da campanha....sei nao...

  • Mariney | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Será que isso é mentira, Senhor Prefeito?
    Sua máscara está caindo. O pior que ainda tem coragem de invadir nossos lares dizendo que é da paz, que preocupa com os mais humildes. Tenha paciência, aliás, a nossa paciência tem limites.
    Vai contar história prá boi dormir.

  • Cristina Freitas | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nossa. Blairo Maggi e seu pupilinho Mauro Mendes jogam muito baixo. Na tentativa de ganhar a prefeitura de Cuiabá estes dois têm feito de tudo (não sei porque Blairo quer tanto a prefeitura já que em todo seu governo nunca deu a mínima para a cidade): compraram toda a imprensa, mentem discaradamente no horário eleitoral, armarama a prisão do secretário Luiz Soares e, agora, sem o menor sentimento de compaixão, sem nenhum escrúpulo, armam para que a empresa deixe de fornecer as refeições ao Pronto Socorro. É assim que Mauro Mendes ama Cuiabá? É assim que Mauro Mendes pretende administrar a cidade? Sem compaixão pelo seu povo. Quem perde com mais este problema no Pronto Socorro não é o prefeito/candidato Wilson Santos, mas sim as centenas de pessoas internadas naquela unidade. Que, além de já estarem em situação difícil e delicada, ainda poderão ficar sem ter o que comer.

    É com este descaso e mesquinhez, Mauro Mendes que você pretende tratar o povo de Cuiabá, caso tenhamos a infelicidade de você ser eleito??

    Mauro e seu padrinho Maggi mostram mais uma vez o que setem por gente. Nada. Gente não dá lucro. Gente não é soja e metal.

  • José Carlos Araujo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Romilson,
    inicialmente, parabéns por mais um furo de reportagem!
    Agora, caros cuiabanos, e, por ai caminha a administração da saúde de nosso povo... pelo avenida do descaso, na calçada da irresponsabilidade... e muita, mas muita, praça da incompetência!
    Isso não pode continuar! A mentira não pode vencer novamente! E se vc, leitor, precisar do pronto socorro.....já pensou

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...