Últimas

Quinta-Feira, 26 de Julho de 2007, 15h:14 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

SAÚDE PÚBLICA

Empresário nega superfaturamento em venda

   O empresário José Mello, da Armazem Office - Maxmar Comércio, Importação, Exportação e Serviços Ltda, nega qualquer indício de superfaturamento na venda de um aparelho de TV, suporte, jogo de sofá, mesa e duas cadeiras giratórias para a secretaria de Saúde de Cuiabá, conforme a Nota Fiscal 005821. Mello explica que sua empresa é idônea e comercializa produtos não apenas em Cuiabá. Atende também o governo do Estado e uma série de prefeituras, como as de Tangará da Serra, Rondonópolis, Sorriso e Primavera do Leste.

     "O preço é real. Foi tudo feito dentro da máxima transparência possível. Fomos procurados e fizemos a venda", destaca o empresário, em referência à negociação inferior a R$ 5 mil feita junto ao Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá. Mello lamenta, inclusive, que fez o empenho e há oito meses não consegue receber da pasta da Saúde.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Donizete | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AGORA FICA NESSA EU INOCENTE EU NAO FIZ NADA ?????????????

  • juliana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e as vendas para a Assembléia?......

  • Nilton David Madeiros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Meu nome e Nilton David madeiros e ate o presente momento sou chefe so setor de compras do pronto socorro municipal de cuiaba e o que me estranha e o sr Melo ir ate a sede do rdnews e figurar como dono ja que na junta comercial o nome do proprietario e antonio jose messias da silva e ate sair esta noticia o mesmo dizia que o o sr. Melo e seu patrão , então desafio aqui o sr. Melo ja que sua empresa e idonea , desafio sim a secretaria municipal de saude , porque toda compra pra ser regular tem que existir 03 orçamentos e como a compra foi feita direta pelo pronto socorro de cuiaba , esses orçamentos teriam que passar pelo setor de compras o que não foi feito e qual empresa seria se prestaria a dar uma cobertura pra uma televisão que custa no mercado 499,00 ou no maximo 699,00 caso seja tela plana e foi vendida por 1.035,00 , então gostaria que o sr. Euclides Santos atual secretário de infraestrutura que na epoca foi quem comprou essas mercadorias como diretor de gestão , cargo este que não existe no organograma da instituição , ele apenas ligava nesta empresa e era encaminhadas as mercadorias pro pronto socorro , agora todo mundo e santo , seria bom que o ministerio publico e ate mesmo a camara de vereadores solicitasse todas notas de vendas desta empresa e que se fosse feito um comparativo e verificar se esta existindo ou nao preço maior que de mercado , depois não se sabe o porque a secretaria de saude se encontra com um deficit tão alto ,então sr. Melo e Sr. Euclides já que esta tudo certo que seja mostrado pra sociedade se realmente este processo de compras foi feito dentro da legalidade , acho que o povo cuiabano não merece o que esta acontecendo.

  • servidor | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É uma graça... o sr. Melo está em todas e vende de tudo... pra Assembléia ele vende de pepel até móveis, impressoras mesmo não sendo representante das empresas... vende TV pro Estado e municipio... o que falta ele vender?? O preço é o maior do mercado... mas deve ser os seus lindos olhos... ou ele tem todo mundo com o rabo preso.... a Assembléia q não se cuide... a prefeitura também... só não vê quem é cégo... mas é melhor ver isto do que ser cego... VAMOS ACORDAR MINHA GENTE!!! É DINHEIRO NOSSO...

  • Jennifer Lorena de Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse tal de José de Mello é amigo de infância do Prefeito Wilson, o que voce esperava.

  • Ataíde cursino | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Ricardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se fosse so isso que estivesse acontecendo na secretaria era facil , ali pra resolver so se tiver uma cpi , nao era esse o compromisso do vereador lutero instaurar uma cpi na saude ou sera que ele mudou de ideia , sera que ele se esquece que o ano que vem nao tem eleiçao.

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

Nomes do DEM para vereador de VG

pablo 400 curtinha   O DEM do casal Jayme-Lucimar, senador e prefeita, respectivamente, é dono da maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com sete dos 21 vereadores. Destes, cinco já estão trabalhando projeto de reeleição, sendo eles Gisa Barros, que era do PSB; Valdemir Bernadino, o Nana; Pedro...

Flerte com candidato de outro partido

selma arruda 400 curtinha   Apesar de estar filiada ao Podemos, a ex-senadora Selma Arruda, que teve o mandato cassado por crimes eleitorais e deixou a cadeira neste ano, continua flertando com o pedetista, empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, que não demonstra mais tanto ânimo para continuar com o projeto de disputa...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.