Últimas

Domingo, 04 de Fevereiro de 2007, 06h:14 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Enelinda volta a fazer barulho na Câmara

     A sanfoneira Enelinda Scala (PT), que foi uma pedra no sapato do ex-prefeito Roberto França, está de volta à vida pública, agora para fazer barulho na gestão do tucano Wilson Santos. Com a surpreendente vitória do então vereador Valtenir Pereira (PSB) a deputado federal, Enelinda reassume a cadeira na Câmara Municipal de Cuiabá. A petista tomou posse na quinta, junto com outros três (Deucimar Silva, Erlan Pereira e Edivá Alves), beneficiados com a eleição dos agora deputados estaduais Guilherme Maluf, Walter Rabello e Chica Nunes.

    O foco de Enelinda é a saúde. Durante a gestão França ela tentou, sem êxito, criar uma CPI para apurar supostas irregularidades na área. Foi uma das poucas vozes opositoras no legislativo cuiabano. Agora, dois anos depois, o seu retorno, após a decepcionante votação para deputada federal (2.239 votos) no ano passado, reforça o bloco de oposição. Enelinda se junta ao colega petista Lúdio Cabral, que vem 'batendo duro' na atual administração, e aos parlamentares Domingos Sávio e Mário Lúcio (ambos PMDB) e Luiz Poção (sem partido). Devido às articulações políticas para o próximo ano, os três começam a se distanciar do prefeito.

     Mesmo com a dança das cadeiras, Santos mantém apoio da maioria na Câmara. Dos 19 parlamentares,  11 são tidos como governistas. Além da petista Enelinda, retornaram à Câmara como titulares e, de imediato, voltaram a ocupar o primeiro escalão do prefeito os vereadores Levi de Andrade (PSDB) e Júlio Pinheiro (PDT), respectivamente, secretários do Meio Ambiente e Habitação. Levi assumiu a cadeira de Rabello, mas quem está no cargo hoje é o pastor Erlan Pereira da Silva (PMDB). Júlio também ganhou condição de titular da vaga, mas, como está no Executivo, o espaço é ocupado por Eronides Dias da Luz, o Nona (PDT). Deucimar Silva (PFL) volta a legislar no lugar de Maluf, assim como Edivá Alves (PSDB), na cadeira de Chica.

   Com essas mudanças, a composição das bancadas na Câmara de Cuiabá ficou a seguinte: PPS, PMDB e PFL (3 vereadores cada), e PSDB e PT (2). Quatro legendas detêm uma vaga: PP, PSB, PDT e PTB. Dois parlamentares estão sem partido: Poção (ex-PMN e ex-PSDB) e Lutero Ponce (ex-PP).

Quem são os 19 vereadores cuiabanos:

Lutero Ponce (sem partido) – presidente

Luiz Poção (sem partido)

Lueci Ramos (PFL)

Luiz Marinho (PFL)

Deucimar Silva (PFL)

Edivá Alves (PSDB)

Permínio Pinto (PSDB)

Mário Lúcio (PMDB)

Domingos Sávio (PMDB)

Erlan Pereira (PMDB)

Lúdio Cabral (PT)

Enelinda Scala (PT)

Ivan Evangelista (PPS)

Francisco Vuolo (PPS)

Chico 2000 (PPS)

Eronides da Luz, o Nona (PDT)

Éden Capistrano (PSB)

Clovito Hugueney (PTB)

Marcus Fabrício (PP)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

EP vira garoto propaganda do HMC

emanuel hmc 400 curtinha   Emanuel Pinheiro (MDB) não se conteve e gravou um vídeo de um minuto e 35 segundos em que aparece em frente ao HMC. E, imitando a passagem de um repórter de TV, convida a população a conhecer o recém-inaugurado hospital. Enquanto fala, imagens mostram salas, equipamentos e a...

DEM "esconde" candidatos a vereador

beto 2 a 1 400 curtinha   O presidente do DEM em Cuiabá, Beto 2 a 1 (foto), secretário estadual de Governo, faz mistério sobre a chapa que está sendo montada para concorrer a vagas na Câmara de Cuiabá. Não esconde apenas o nome do vereador Marcelo Bussiki que, em março, deixa o PSB aproveitando...

Fávero e peso político em novo partido

silvio favero 400   A definição pelo presidente Jair Bolsonaro para que Silvio Fávero conduza a Comissão Provisória em MT da Aliança pelo Brasil, partido que só será criado oficialmente no próximo ano ou em 2021, representa peso político importante para o deputado de primeiro...

Prefeito estoura limite e TCE faz vetos

francis maris 400 curtinha   No sétimo e penúltimo ano de mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (foto) segue na mesma toada, de que a administração precisa continuar "enxugando" a máquina, embora já tenha conseguido o equilíbrio fiscal e que quem o suceder receberá uma gestão...

Vice muda de partido e vai a prefeito

leandro felix 400 curtinha   O vice-prefeito de Nova Mutum e primeiro-suplente de deputado estadual, Leandro Félix (foto), pretende deixar o DC. Deve se filiar no Podemos ou no PRB. Vai depender da orientação política dos irmãos Adriano (Podemos) e Otaviano Pivetta (PDT), respectivamente, prefeito de Mutum e...

Câmara só regulamenta salário de EP

misael partido 400 curtinha   Ao fixar o salário do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro em R$ 27 mil, a Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão (foto) não aumenta o subsídio de Emanuel de imediato, mas sim regulamenta o valor que já era pago desde dezembro de 2018. O imbróglio começou...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.