Últimas

Quinta-Feira, 10 de Dezembro de 2009, 10h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

REIVINDICAÇÃO

Enfermeiros anunciam greve; Maurélio enfrenta 1º pepino


Dejamir Soares, presidente do sindicato dos profissionais de enfermagem, diz que prefeitura posterga contraposta; greve da categoria trará mais desgaste ainda à imagem do prefeito Wilson Santos (PSDB)

  Depois da greve dos médicos, que cruzaram os braços por 75 dias e transformaram a saúde pública de Cuiabá num caos, agora é a vez dos profissionais de enfermagem ensairem paralisação geral, já a partir de segunda (14). O presidente do sindicato estadual dos Profissionais de Enfermagem Dejamir Soares revelou que o indicativo de greve foi aprovado há 15 dias. Avisa que se até esta quinta (10) a prefeitura não apresentar nenhuma contraposta que venha a contemplar as reivindicações, a categoria vai paralisar as atividades. O médico Maurélio Ribeiro, indicado do DEM para assumir a pasta da Saúde na segunda (14) no lugar do secretário-problema Luiz Soares, corre risco de estrear no primeiro escalão já enfrentando greve.

   A Saúde da Capital conta com 5,5 mil servidores. Destes, 500 são médicos e algo em torno de 3 mil atuam como enfermeiros e auxiliares de enfermagem. Estão lotados no Hospital e Pronto-Socorro Municipal, nos Programas de Saúde da Família, nas policlínicas e dos postos de saúde. Uma greve geral dessa categoria deve trazer mais desgaste político ao prefeito Wilson Santos, que pretende renunciar ao mandato até 4 de abril para encarar candidatura de governador.

   Dejamir argumenta que tanto o prefeito quanto o vice Chico Galindo, secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, só ficam no discurso quanto à promessa de apresentar contraposta. A categoria reivindica o mesmo reajuste concedido aos médicos. Querem isonomia salarial e que o piso seja elevado em pelo menos 90%. Observa que a Prefeitura de Cuiabá pratica hoje a menor referência nacional. Enfermeiro que possui curso superior ganha R$ 915 mensais por uma jornada de 40 horas, enquanto prestador de serviço (não efetivo) recebe cerca de R$ 600. "Não queríamos radicalizar, mas a situação está ficando insustentável. Estamos flexibilizando ao máximo, mas o prefeito e o vice-prefeito ficam empurrando tudo com a barriga. Aguardamos por um posicionamento da prefeitura há mais de 15 dias".

   O sindicalista alerta que uma greve dos enfermeiros poderá trazer para os usuários do SUS  consequências iguais ou piores do que o caos que se registrou com a paralisação dos médicos. "Sem o profissional de enfermagem as unidades de saúde praticamente param. Infelizmente, como parece não haver boa-vontade para resolver essa situação, vamos entrar em greve", avisou. Ele observa que o Palácio Alencastro posterga tanto as negociações que se tornou difícil aprovar neste ano o novo Plano de Cargos e Salários da categoria junto à Câmara Municipal, que entra em recesso na próxima semana. O PCCs é outra reivindicação da categoria.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Ed. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • MARCO ANTONIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PARA ESSE PROBLEMA VEM AI LUCIEDER LUZ AJUDANDO A ENFERMAGEN. 2010

  • Dejair | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VAMOS LÁ TURMA. VAMOS NOS UNIR E DEFLAGRAR A GREVE. UNIDOS VENCEREMOS. VAMOS FAZER COMO OS MÉDICOS..

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É mais que justas essas reivindicações!!! Tem que
    ser do porteiro ao enfermeiro, sem exceções es-
    ses reajustes........

  • toco1000 | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Timana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • joao cunha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o presidente do sindicato deveria ter unido com os medicos ,agora isso ai e so conversa fiada pois ele e da mesma panela do Wilson santos ,sao amiguinhos,tudo safado,nao vai dar em nada e que dejamir vai sair candidato nas proximas eleiçoes ,isso e tudo pra enganar a categoria mas uma vez.

  • Jair | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esqueçe vão ficar em casa vcs ja viram esse prefeito honrar alguma compromisso...............

  • Ed. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...