Últimas

Terça-Feira, 15 de Dezembro de 2009, 12h:38 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

SAÚDE PÚBLICA

Enfermeiros têm aumento de 20% e tiram greve da pauta

   Os 3,5 mil trabalhadores da área de enfermagem da Prefeitura de Cuiabá decidiram encerrar o indicativo de greve, que já durava 32 dias. Eles tomaram essa decisão nem tanto pelo aumento salarial de 20% alcançado nas negociações com o prefeito Wilson Santos, mas pela falta de tempo para a Câmara Municipal aprovar o reajuste. Acontece que o Legislativo entra em recesso na próxima terça (22). Se a categoria "endurecesse" as negociações, corria risco de ficar dois anos sem aumento de salário, já que 2010 será ano eleitoral.

   Com o aumento, enfermeiro, que hoje ganha R$ 915, passa a receber R$ 1.340. Técnico de enfermagem vai de R$ 600 para R$ 740, enquanto auxiliar de enfermagem passa a receber um subsídio de R$ 530, o que representa R$ 65 a mais sobre os R$ 465 que ganha hoje. A categoria partiu para a briga por melhor salário, no embalo dos médicos que, mais radicais, entraram em greve e, após 75 dias, conseguiram aumento.

   O presidente do sindicato da categoria, Dejamir Soares, informa que as negociações com a prefeitura começaram há dois meses, mas a condução dos gestores foi bastante “emperrada”, talvez para esgotar mesmo o tempo. Assim, diz ele, os profissionais teriam de "engolir” a proposta apresentada, como, de fato, ocorreu. Na assembleia-geral desta segunda, 70% dos enfermeiros, auxiliares e técnicos concordaram com a proposta apresentada pelo Palácio Alencastro. Diante disso, o sindicalista anunciou o fim do indicato de greve, ou seja, não haverá paralisação das atividades até 2011.

   A categoria só aceitou mesmo a proposta com a inclusão, no acordo, de uma cláusula-barreira que fará com que o aumento de 100% seja novamente colocado em discussão daqui a um ano. Dessa forma, os profissionais esperam ter mais tempo de barganha, uma vez que o período eleitoral já terá passado. “Antes desse prazo não temos como agir já que qualquer aumento em 2010 pode ser colocado como crime eleitoral”, pondera o presidente. A categoria espera maior avanço nas negociações a partir do momento em que o vice e secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão Chico Galindo (PTB) assumir de fato o comando da Prefeitura da Capital, o que deve ocorrer em abril. “Galindo foi mais objetivo em sua proposta. Já o prefeito (Wilson), deixou a desejar, pois só falou, falou e não resolveu nada”, avaliou Dejamir Soares. (Adriana Nascimento)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gostaria de saber se todos funcionários da secre-
    tária de saúde, foram contemplados com o aume-
    to dados aos médicos!! Principalmente os que
    trabalham no Pronto-Socorro e Policlínicas. Tem
    que ser do porteiro aos médicos...

  • abgail da silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    isso ja era pra esperar do presidente do simpen,ele fez acordo com o prefeito,tanto que ganhou um cargo um PSF,com um gordo salario o irmao dele e acessor do prefeito,tudo armaçao,dejamir um mentiroso.

  • Enfermeira do Bem | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • ---------------- | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • MaRiovan | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pessoal, não tem só enfermeiro no pccs.........saúde não é so enfermagem!!
    é administrativo, psciologo, terapeuta e outros.
    Essas categorias foram incluidas??
    prá que pressa agora?? e se fizermos com pressa este pccs será pior que o outro...

  • celso ubirajara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E os dentistas? ficaram a ver navio mais uma vez, por que Wilson mentira ou Wilson traíra, mentiu como sempre..........e agora josé .......
    greve, greve, greve,greve,greve......e ainda vamos ter que aguentar esse tal de galindo, um aventureiro que caiu de paraqueda em cuiabá....assim caminha a humanidade.

  • edgar graciano marques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Foi uma roubada!!!!!!!!!não se discutiu o pccv com as lideranças que estavam representando na comisão, colocaram mais uma vez pela garganta a baixo, estava marcado uma reunião para o dia primeiro de Dezembro pra discutir os pontos negativos, mas alteraram a reunião pra o dia anterior e bateram o martelo sem os representantes legais, foi uma trapassa do Wilson Santos mais uma vez, falo em nome da associação dos trabalhadores no transporte municipal de cuiaba,a prefeitura hoje tem (3) quatro pccs e (1) um pccv, que e um absurdo, uma discriminação aos servidores municipais,os motoristas da saude alem de dirigir ainda e maqueiro e não recebe por desvio de função, tentei buscar uma solução, mas fiseram pouco caso, aprovaram pccv da noite pro dia,somos obrigado a engolir do mesmo jeito do pccs, aguenta servidor.....

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...