Últimas

Sábado, 26 de Dezembro de 2009, 08h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

COMUNICAÇÃO

Época traça perfil de megafusões no Brasil nesta década

  A revista Época que chega às bancas do Estado neste domingo (27) faz um balanço sobre  grandes fusões de conglomerados comerciais que criaram “mega” empresas. “Quem era adulto no século XX vai precisar de algum tempo para se acostumar aos quitutes do grupo Perdigão-Sadia e aos produtos financeiros do Itaú-Unibanco”, diz trecho da reportagem. Segundo a revista, já acabou a ideia de que só multinacionais estrangeiras vinham comprar empresas aqui. Hoje, o Brasil é sede de multinacionais que compram lá fora. O motivo para tantas fusões, segundo o economista Gesner de Oliveira, está no fato de uma companhia maior pode disputar novos mercados e reduzir custos. Ele alerta, porém, que com a chegada das megacorporações, o Brasil precisará de regulação e fiscalização mais atuantes.

  A Época também desfaz os sete mitos sobre emagrecer com exercícios físicos.Segundo especialistas para emagrecer é necessário que as atividades físicas sejam feitas com frequência, que a duração do exercício e a intensidade dele sejam a adequada. “Você caminha no parque papeando com a amiga e acha que vai emagrecer? Ledo engano. Mas, ainda assim, é melhor do que ficar em casa, parada e, pior, comendo”, diz trecho da reportagem. Os sete mitos, segundo a época, são: que subir escadas faz perder gordura localizada; que abdominal emagrece; que malhar em jejum emagrece; que suar significa emagrecer; que musculação não emagrece; que caminhar emagrece e que é melhor não fazer nada do que ser atleta de fim de semana. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...