Últimas

Domingo, 23 de Setembro de 2007, 10h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

Artigo

Eu choro pelo PSDB

      É muito duro ver o que esta acontecendo com o partido que ajudei a fundar. Lembro-me que certa vez escrevi um manifesto: “PARI GATO NO PSDB”, naquele momento já chamava atenção do partido: “ou se constrói um partido, ou, seremos um eterno cartório de filiações partidárias”.

     Eu choro pelo PSDB. Nunca vou deixar de ser um Social-Democrata. Assim como não vou deixar de ser torcedor do Flamengo, e do meu eterno Mixto Esporte Clube.

     Eu choro pelo PSDB. É difícil, para qualquer ser político, aceitar o que aconteceu recentemente em votação na Executiva do Partido. Será que os ex–companheiros esqueceram o manifesto de fundação do partido? “LONGE DAS BENESSES OFICIAIS E DO PULSAR DAS RUAS NASCE O NOVO PARTIDO”.

    Eu choro pelo PSDB. Resta aqui uma pergunta a atual direção: O que interessa é o poder pelo poder? Ou tudo aquilo que Franco Montoro, Mario Covas e Luis Soares pregavam como, principalmente, lutar por uma sociedade mais justa e igualitária, foi parar na lata do lixo?

    Eu choro pelo PSDB. Não tenho procuração para defender o Ex-presidente           do Partido, Antero Paes de Barros, mas será que os ex–companheiros esqueceram que o Anterinho em muitos momentos de sua vida foi para o sacrifício em nome e pelo ideal de se construir um PARTIDO?

    Eu choro pelo PSDB. Será que os ex–companheiros esqueceram-se das eleições de 1988, onde o Antero tinha a eleição para Deputado Estadual garantida e na última hora foi para o sacrifício e teve que abrir mão de seu projeto pessoal, em nome de seu PARTIDO?

    Eu choro pelo PSDB. Lamento ter que escrever e lembrar-me dos semblantes de quem eu considerava Homens Sérios e Íntegros; sabendo agora do que são capazes de fazer com seus companheiros.
Eu choro pelo PSDB. No limite da disputa o Antero sempre demonstrou ser um homem de PARTIDO.

    Eu choro pelo PSDB. Não era para ser assim, nem o PT apunhala ou tenta matar os seus líderes. Só esses canibais a serviço do Alencastro não percebem o jogo que estão fazendo em função de projetos pessoais, de quem está, tão somente, preocupado com as eleições de 2008 e 2010.

     Eu choro pelo PSDB. Nada melhor do que o tempo, para apontar os erros e resgatar os seus líderes, que se atreveram em enfrentar esses abutres do Partido.
Eu choro pelo PSDB. Espero que o companheiro Dante de Oliveira, de onde estiver não esteja envergonhado da posição de sua Executiva.

     Eu choro pelo PSDB. Parece-me que hoje o PSDB desistiu de ser vanguarda e deixou esta função para a sociedade, mesmo que tenha ajudado, e muito, a construí-la. No tribunal do voto o tempo dirá como expurgar os canibais do partido.

Dejair Soares é publicitário e ex-militante do PSDB

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...

Secretários filiados e sem pretensões

Beto 2x1 400 curtinha   Presidente do DEM em Cuiabá, o secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, o Beto 2 x 1 (foto), disse, em visita ao Rdnews, quando concedeu entrevista à tvweb RDTV, que alguns colegas secretários estão filiados ao partido, mas isso não significa que eles...