Últimas

Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2007, 16h:08 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

JUDICIÁRIO

Ex-deputado é preso pela PF por 5 crimes

   O ex-deputado estadual Franscisco Leite da Silva (PMDB), que tentou, sem êxito, cadeira na Assembléia Legislativa no ano passado, foi preso nesta quinta (8) pela Polícia Federal. É acusado de cometer crimes de estelionato, extorsão, usurpação de função pública, formação de quadrilha e uso indevido de distintivo. Da Silva está recolhido numa delegacia em Cáceres junto com outras cinco pessoas. O ex-vereador cacerense se passava por delegado e vinha autuando comerciantes por suposta intringência à Lei 9.610 que trata de direitos autorais. Entre as vítimas do golpe do ex-parlamentar estão donos de emissoras de comunicação, como rádio e TV, da região Oeste.

   Da Silva chegou a utilizar um brasão da República em seu veículo com forma de se identificar como delegado. acabou preso em flagrante. Ele já enfrenta uma série de processos na Justiça. Polêmico, Da Silva ganhou 'fama', a partir de 2002, como apresentador do programa 'A Voz do Povo', da TV Descalvados (afiliada do SBT), propriedade do deputado federal Pedro Henry, com quem rompeu politicamente. Pelo PSB, Da Silva se elegeu vereador e, em 2002, ficou na segunda suplência de deputado estadual, quando teve 11.804 votos.

    Por meio de rodízio, assumiu cadeira de deputado estadual em 2004. Entrou em divergências com o então titular da cadeira Eliene Lima, que havia se licenciado, e ficou no cargo por apenas uma semana. Nas eleições de 2004, Da Silva, já pelo PMDB, disputou a Prefeitura de Cáceres. Foi derrotado. No ano passado, concorreu a deputado estadual. Teve apenas 3.784 votos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Governo "desmama" senador do Dnit

wellington fagundes 400   O Governo Bolsonaro conseguiu, enfim, "desmamar" Wellington Fagundes (foto) do Dnit. Há décadas, entra e sai governo e o ex-deputado federal por seis mandatos (24 anos) e no cargo de senador desde 2015 vinha indicando apadrinhados no cargo de superintendente regional do Dnit em MT. O último foi Orlando...

Ex-deputado demitido de assessoria

luiz soares 400   O ex-deputado Luiz Soares (foto), hoje com 63 anos, foi exonerado do cargo de assessor parlamentar do contemporâneo Wilson Santos. Ganhava quase R$ 10 mil brutos. Estava lotado no gabinete do deputado tucano havia quase dois anos. Soares é pensionista do extinto Fundo de Assistência Parlamentar, ganhando...

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

Dobradinha no Podemos pela reeleição

claudinei 400 curtinha   Eleito deputado na onda Bolsonaro, o delegado de Polícia Claudinei de Souza Lopes (foto) resolveu deixar o PSL e vai se abrigar no Podemos. Sonha com a reeleição. Sua estratégia é trabalhar o que se chama de dobradinha eleitoral com o deputado federal José Medeiros, especialmente em...

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.