Últimas

Sábado, 17 de Março de 2007, 07h:32 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

RONDONÓPOLIS

Ex-secretária se diz frustrada com jogo político

 

     A ex-secretária de Estado de Educação, Ana Carla Muniz (PPS), se mostra decepcionada com o que chama de jogo político, descarta disputa à Prefeitura de Rondonópolis no próximo ano e vai se dedicar aos negócios da família e aos estudos. Para ela, enquanto não houver financiamento público de campanha, os partidos não conseguirão preencher a cota de 30% das vagas reservadas às candidaturas femininas.

    Ana Carla comenta que teve uma experiência decepcionante em 2002, quando concorreu à deputada estadual e teve 19.151 votos. Ficou na primeira suplência e, posteriormente, acabou assumindo a vaga na Assembléia por alguns meses. Ela observa que ficou grata pelos votos recebidos, mas traz consigo até hoje mágoas das 'rasteiras' que recebeu durante a campanha eleitoral. "Descobri que há muita rasteira na vida pública. Estou agradecida pelos votos que tive, mas esse meio político é um mundo muito machista. Achei que houvesse mais sinceridade".

   Esposa do ex-prefeito de Rondonópolis e deputado estadual Percival Muniz, Ana Carla afirma que sempre teve atuação na área social e educacional e, até então, considerava que na militância política o jogo fosse mais sincero, igual e democrático. "Sempre fui de boa fé e achava que cada um fazendo sua parte, ou seja, trabalhando, apresentando propostas e pedindo voto numa campanha eleitoral, as coisas fluiriam bem. Ocorre que existe rasteira, inclusive diretamente de grupos políticos para com algumas candidaturas", reclamou a ex-secretária, que conduziu a pasta da Educação no governo Blairo Maggi de agosto de 2003 a dezembro do ano passado.

    Na avaliação de Ana Carla, a política é um mundo muito masculino. Adianta que não pretende mais concorrer a cargo eletivo. Hoje, ela se dedica aos negócios empresariais da família, principalmente às propriedades rurais, e planeja fazer mestrado em gestão educacional.

   Sobre o PPS, conduzido pelo marido Percival, Ana Carla afirma que 'há quadros bons', mesmo após a desfiliação em massa do grupo do governador Blairo Maggi, que migrou para o PR. Para ela, a tendência é o partido ou apoiar o PMDB ou lançar candidatura própria em Rondonópolis. "Não tenho pretensão de disputar a prefeitura, mas o PPS vai ter participação com candidaturas a prefeito e vereador".

   Destaca que, o partido conseguiu, com Percival e com o hoje prefeito Adilton Sachetti, conduzir o município por um longo período. Observa, porém, que o perfil da atual gestão não se encaixou na forma que o PPS governa e, por isso, acabou havendo ruptura. "Vou construir minha participação no PPS, mas o partido vai encontrar outro nome para ser candidato a prefeito", diz Ana Carla, citando, entre as possibilidades, o vereador Aristóteles Cadidé, o policial rodoviário federal José de Medeiros e, um tanto sem empolgação, o nome do marido Percival Muniz. Ela preferiu não comentar a administração Sachetti 'por uma questão ética'.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Calistro, dúvida à reeleição e Sumaia

sumaia leite 400 curtinha   Jânio Calistro, reeleito para o 2º mandato de vereador em 2016 e como o mais votado em Várzea Grande, com 3.658 votos pelo PSD, se mudou para o DEM dos Campos, mas ainda avalia se vai encarar o teste das urnas deste ano. Ele se mostra um tanto baqueado, após ficar preso por três meses. E...

Grupos convergem para Emanuelzinho

emanuelzinho 400   O jovem deputado federal Emanuelzinho (foto) está cada vez mais empolgado com a possibilidade de disputar a Prefeitura de Várzea Grande. Até se mudou da Capital para a cidade vizinha, onde montou apartamento no Edifício Maktub. Uma das revelações políticas do PTB, Emanuelzinho tem...

Câmara de ROO e pasta de Controle

orestes miraglia 400 curtinha   A Câmara de Rondonópolis deu de ombros para uma decisão do Tribunal de Justiça e, em primeira votação, aprovou mensagem do prefeito Zé do Pátio, criando a secretaria de Transparência Pública e Controle Interno (SETRACI) em...

Morre pai do secretário da Casa Civil

Mauro Carvalho pai   Faleceu, aos 97 anos, o pai do secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho. O empresário, que também emprestava o nome ao filho, Mauro Carvalho, foi vítima de um infarto nesta quinta (9). A informação foi confirmada pela deputada estadual Janaina Riva (MDB) que publicou nota de...

Deucimar vence Covid-19 após 20 dias

deucimar silva 400 curtinha   Após 13 dias numa unidade intensiva e mais sete se recuperando no leito de hospital, o empresário e ex-vereador pela Capital, Deucimar Silva (foto), recebeu alta médica nesta terça. Ele está curado da Covid-19. Ex-presidente da Câmara Municipal, Deucimar ficou emocionado, fez...

Estudo sobre 13º a vereadores de VG

jaqueline jacobsen curtinha 400   A conselheira-substituta Jaqueline Jacobsen (foto) estabeleceu prazo de 120 dias, em sessão de julgamento do TCE por videoconferência no último dia 2, para que o presidente da Câmara de Várzea Grande, Fábio Tardin, realize estudo prévio de impacto...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.