Últimas

Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2009, 12h:09 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

CÂMARA DE CUIABÁ

Fabrício assume vaga e quer votar processo de Lutero


Fabrício toma posse; Deucimar frisa que progressistas votarão em bloco pela cassação de Lutero
Foto: Josinei Moreira

   Marcus Fabrício (PP) assumiu, oficialmente, o cargo de vereador nesta quarta (21) assegurando que vai permanecer na vaga pelos 121 dias em que o titular Leve Levi vai permanecer afastado e garantindo que votará com o partido pela perda do mandato do ex-presidente da Câmara Lutero Ponce (PMDB). Fabrício descartou qualquer possibilidade de “abrir vez” ao segundo-suplente, o empresário José Maria Barbosa, o Juca do Guaraná. O anúncio frustrou o empresário que sonhava em ser vereador e já tinha até separado o terno para a posse - veja aqui. Em verdade, o progressista recebeu uma determinação partidária para ficar na vaga. “Vou legislar pelos quatro meses e, no próximo ano, se tiver a oportunidade de assumir alguma secretaria em Cuiabá, e Levi quiser se licenciar, Juca poderá assumir a vaga”, disse, durante a sua posse na presidência da Câmara.

  Ele sonha em ser contemplado com uma pasta em janeiro de 2010, época em que o prefeito Wilson Santos (PSDB), deve fazer “ajustes” em seu staff para agradar aliados. A expectativa é de que o PP fique com a secretaria de Educação, já que Carlos Carlão deixaria o cargo para cuidar de sua pré-candidatura a deputado estadual.

  Em seu primeiro discurso, Fabrício reforçou que não se licenciará do cargo para “fugir” da votação do relatório final da Comissão Processante, que investiga Lutero. Havia especulações neste sentido devido ao fato do progressista ter exercido o cargo de 2º secretário durante a gestão de Ponce. “Vou requisitar cópias da auditoria, vou analisar tudo e, com certeza, estaremos presentes na votação”, assegura. O seu discurso foi reforçado pelo presidente da Câmara, Deucimar Silva. “Não existe essa possibilidade. Ele vai ficar e vai votar com o partido. O PP vai votar pela perda do mandato de Lutero”, completa.

  Além de falar sobre as conjecturas políticas, Deucimar e Fabrício aproveitaram a cerimônia de posse para desfazer a imagem de que ainda existem rusgas em virtude da disputa pela cadeira no Legislativo, que ficou com Deucimar devido ao fato dele ser mais velho. Ambos tiveram 3.524 votos em 2008 –veja aqui. “Nós empatamos, mas Deus me deu a chance de ser vereador por ser o mais velho. Sou amigo dele e essas disputas não existem mais”, frisou Deucimar. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Gustavo Borges Junqueira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Aqui em Jaciara tem duas lástimas dessa. E o pior é que as duas estão no poder. Prefeito do PR e Vice do PSDB. Aqui não foi acordo político não. Foi financeiro. Pareçe também que estes não gostam mesmo da saúde. Por aqui tudo vai bem mal. Nem soro anti-ofídico tinha. Uma moradora picada por uma cobra jararáca por duas vezes foi dispensada para ir embora. a médica disse que não tinha problema. Quando esta paciente retornou em estado grave o outro médico plantonista ficou revoltado com o fato. Isto é a saúde do PR e PSDB.

  • Jacyara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Agora o PP municipal está de peso. Legal.

  • JULIO CESAR | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Rejeição a Abílio sobe e cai a de EP

abilio junior 400 curtinha   Nos últimos 15 dias, o candidato a prefeito da Capital, Abílio Júnior (foto), do Podemos, viu a rejeição aumentar 12 pontos percentuais, quase um por dia, saindo de 19% para 31%, de acordo com a nova rodada da pesquisa Ibope, divulgada nesta sexta pela TV Centro América....

Fávaro deixa governador em saia-justa

carlos favaro 400 curtinha   O senador interino do PSD, Carlos Fávaro (foto), que busca a reeleição, deixou o governador Mauro Mendes (DEM) em uma saia-justa em Barra do Garças. Mendes, que já declarou apoio no horário eleitoral ao candidato à sucessão municipal Wellington Marcos, do mesmo...

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...