Últimas

Sábado, 03 de Fevereiro de 2007, 03h:24 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Fagundes perde na Mesa e não recua do PR

    O deputado federal Wellington Fagundes, presidente regional do PR, se articulou ao máximo, mas não teve a mínima chance de compor a nova Mesa Diretora da Câmara. Na disputou interna pela indicação à Quarta-Secretaria da chapa vitoriosa encabeçada pelo petista Arlindo Chinaglia, Fagundes só teve dois votos: dele próprio e de Homero Pereira. A maioria da bancada do novo Partido da Répública escolheu Inocêncio Oliveira (PE), que acabou ficando com a 2ª Vice-presidência. A nova Mesa que conduzirá os trabalhos da Câmara para os próximos dois anos ficou assim constituída:

Presidente:
Arlindo Chinaglia (PT-SP)

1º vice-presidente:
Nárcio Rodrigues (PSDB-MG)

2º vice-presidente:
Inocêncio Oliveira (PR-PE)

1º secretário:
Osmar Serraglio (PMDB-PR)

2º secretário:
Ciro Nogueira (PP-PI)

3º secretário:
Waldemir Moka (PMDB-MS)

4º secretário:
José Carlos Machado (PFL-SE) 

    A Fagundes, só resta agora brigar para manter a presidência estadual do Partido da República. Homero pleiteia o cargo, sob incentivo da turma da botina. Esse grupo começa a ingressar no PR a partir de 2 de março, junto com o governador Blairo Maggi (ex-PPS). Há mais de seis anos Fagundes vinha conduzindo o PL, que se fundiu com o Prona para criação do PR, que até meados deste ano se tornará a maioria agremiação do Estado.

    De 10 prefeitos, subirá para cerca de 45. Além dos dois federais (Fagundes e Homero), o PR terá quatro deputados estaduais (João Malheiros, Sérgio Ricardo, Sebastião Rezende e Mauro Savi) e centenas de vereadores. Na estrutura do governo, quase todo o secretariado migrará também do PPS para o PR. Sob Fagundes ou Homero, a direção estadual terá missão árdua. Além de organizar a sigla em todo o Estado, precisa se envolver nas articulações políticas para definição de candidaturas às eleições municipais do próximo ano.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Poconé tem hoje vários "prefeitáveis"

euclides santos 400 curtinha   O ex-vereador e ex-prefeito de dois mandatos de Poconé, Euclides Santos (foto), que era do MDB e agora está no PSDB, vem se movimentando nos bastidores para concorrer novamente à sucessão municipal. Seria um dos nomes de oposição ao prefeito Tatá Amaral, que vai tentar...

Apostas do PTB para vereador em VG

silvio fidelis 400 curtinha   Detentor da segunda maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com cinco assentos, atrás somente do DEM da prefeita Lucimar, que conta com sete vereadores, o PTB aposta na hipótese de ao menos manter as cinco vagas. E todos os seus vereadores vão à reeleição, sendo...

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.