Últimas

Sábado, 05 de Abril de 2008, 17h:52 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

RUMO ÀS URNAS

Familiocracia cresce; primo de Muniz é candidato


Thiago Muniz (PPS), Wilson Santos (PSDB) e Zé do Pátio (PMDB)

   Políticos que ocupam cargos eletivos querem mais. A estratégia é se perpetuarem no poder e, por isso, a cada eleição, lançam novos parentes e familiares nas disputas eleitorais. O deputado estadual e ex-prefeito de Rondonópolis, Percival Muniz (PPS), por exemplo, passou a motivar o primo Thiago Muniz a concorrer a vereador. Com 25 anos, Thiago se empolgou. Assumiu a presidência da Juventude do PPS de Rondonópolis e começou a fazer barulho. "Estou herdando um legado político. A família Muniz tem passado e presente de conquistas", disse Thiago, advogado.

   Ele já esboça um projeto. Se eleito, pretende sensibilizar o futuro prefeito de Rondonópolis a implantar cursinho pré-vestibular gratuito, nos moldes do Cuiabá-Vest, considerado a "menina dos olhos" do prefeito cuiabano Wilson Santos (PSDB). O socialista está tão empenhado em seu projeto de eleição a vereador que esteve em Cuiabá na última terça (1º de abril) para conhecer melhor a proposta. Esteve acompanhado do pré-candidato a prefeito, deputado Zé do Pátio (PMDB), que já "encampou" a idéia.

   Thiago convenceu Santos a ministrar uma palestra em Rondonópolis. Vai ser no próximo dia 14. Pretende reunir centenas de estudantes secundaristas para ouvir o prefeito fazer propaganda do Cuiabá-Vest.

    Familiares

    A familiocracia ganha espaço no Estado desde os anos 30. Primeiro com o ex-senador Filinto Muller. Depois vieram os Bezerra, os Oliveira, os Pivetta, os Riva, os Lhessarenko, os Campos, os Pinheiro, os Henry, os Nunes, os Vuolo, os Malheiros, os Maggi, os Fagundes, os Palma e os Pereira, entre outros.

   Nas eleições deste ano eles estarão de volta. Em Rondonópolis, o deputado Wellington Fagundes (PR) prepara o filho João Antonio para a disputa a vereador, apesar da família ainda está indecisa se posterga ou não o projeto para o pleito seguinte. A senadora Serys Marly (PT) terá a filha Larissa entre as candidatas a vereadora por Cuaibá, assim como o deputado federal Homero Pereira (PR) com o irmão Américo a prefeito em Alto Araguaia e o senador Jaime Campos com nada menos que 3 irmãos no páreo. ((Simone Alves)

Políticos com mandatos e parentes pré-candidatos

Senadora Serys Marly (PT)
Trabalha a pré-candidatura a filha Larissa Slhessarenko para vereadora por Cuiabá

Senador Jaime Campos (DEM)
Tem 3 irmãos: Júlio Campos (a prefeito de VG), Dito Paulo (prefeito de Jangada) e Márcia Campos (pré-candidata a vereadora por Cuiabá)

Deputado federal Homero Pereira (PR)
Incentiva o irmão Américo Pereira a concorrer a prefeito de Alto Araguaia

Governador Blairo Maggi (PR)
Tem o primo e prefeito César Maggi como candidato à reeleição em Sapezal

Deputado federal Pedro Henry (PP)
Aposta na reeleição do irmão-prefeito Ricardo Henry em Cáceres

Prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB)
O irmão Elias Santos é pré-candidato a prefeito de Chapada dos Guimarães

Ex-deputado e ecretário de Estado de Ciência e Tecnologia, Chico Daltro
O irmão Flávio Daltro (PP) será candidato a prefeito de Chapada dos Guimarães e o primo Oscemário Daltro (PR) disputará vaga de vereador pela Capital 

Deputado federal Carlos Bezerra (PMDB)
A prima Ana Maria Bezerra concorrerá a vereadora por Cuiabá pelo PP

Deputado estadual José Domingos (DEM)
É cabo eleitoral do irmão Neurilan Fraga, pré-candidato a prefeito de Nortelândia

Deputado federal Wellington Fagundes
Avalia se lança ou não o filho João Antonio Fagundes como candidato a vereador por Rondonópolis

Deputada federal Thelma de Oliveira
Prepara a pré-candidatura a vereador por Cuiabá do sobrinho Leonardo Oliveira

Deputado estadual Percival Muniz (PPS)
Terá o primo Thiago Muniz como candidato a vereador por Rondonópolis

Ex-deputada federal Celcita Pinheiro (DEM)
O sobrinho Jackson Pinheiro vai concorrer a vereador por Cuiabá, assim como o primo Lilo Pinheiro (PHS), também na Capital

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Luiz Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Zé do Pátio é diferente mesmo, não tem nenhum parente na política.

  • Flávio Azevedo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Existe uma grande diferença daquelas famílias que lançam candidatos apenas pela sede de poder, e aquelas novas lideranças que chegam para contribuir e fazer a diferença. Nesse segundo caso, independete do sobrenome que carregam, estariam na vida pública pois tem vocação. O Thiago se encaixa perfeitamente nesse contexto. É um lider jovem, carismatico, idealista, combativo e com muita vontade de trabalhar pela população.

    Tenho certeza que ele poderá contribuir muito, nesse primeiro momento, com a cidade de Rondonópolis, e, mais a frente, com o Estado e o País.

    É isso aí Thiago, força e vá em frente, tenho certeza que alcançará seus objetivos, e poderá fazer a diferença, elevando o nível da classe política, que atualmente está muito desgastada.

    Abraço.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Aos poucos a monarquia vêm ganhando novos contornos. Esse é o sistema monarquico do sec XXI

  • Sociologo Mauro Cesar Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só nao esqueçam de combinar com o POVO, que é quem vai escolher, e pode acreditar, este ano as coisas vão ser diferentes, será um aperitivo pra 2010, quando muita gente vai gastar dinheiro e não será eleito(a), o povo esta cansado de demagogia barata, a politica vai ser levada a sério!!!

  • Rosane | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse menino tem futuro, é carismatico, simpatico e de familia boa.
    Tem uma boa formaçao, inteligente e bons projetos!! Se for candidato é uma otima opçao para rondonopolis
    Torço por ele!

  • Fernandes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Thiago é um cara que sempre se interessou pelo lado politico, e agora esta ai , candidato a vereador , que sem duvida nenhuma é uma pessoa com cabeça formada pra poder atuar por nós! isso ai rapaiz , tamo ai pro que der e vier... abraços primo hehe

  • Cesar Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    O cara é apenas primo e vai concorrer ao cargo de vereador. No caso caberá ao povo de Rondonópolis decidir se ele merece ou não ser eleito. Agora, seria interessante que este site fizesse uma matéria sobre os familiares do casal Blairo e Terezinha que ocupam cargo no Estado.

    A lista deve ser grande, pois nos bastidores do poder tem muita gente chamando a governo Blairo de Blairocracia. É gente empregada aqui, em Rondonópolis e Sapezal.

  • Gustavo Ihamber | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ta ai... Thiago é o melhor nome da juventude... pois, está bem acessorado pelos seus primos Percival e Ana Carla... e tbm pois frequenta varias palestras e congressos onde debatem as melhorias e a desigualdade social.... assim adquirindo conhecimento pra debater com qualquer politico e com argumentos para as mudanças necessarias... ele tbm é uma pessoa integra, segura e ideologica.... sabe o que quer e é muito determinado... e o mais importante na politica, ele nao joga em dois TIMES... Parabés Thiago pela sua Coragem e pela sua Busca por IGUALDADE SOCIAL...

  • Félix Marques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Romilson:

    Muitos dos que se propo~em a se candidatar não estão em busca de votos e nem a aptresentar propostas à sociedade. Esses, a maioria, como Julio em Varzea Grande, Cáceres e outros, realmente, vencem nas politica fazendo manobras imorais, como é o caso que vai acontecer com o pre-candidato Maksués Leite do PP e Túlio Fontes do DEM, pois, a cúpula já negociou a retirada dos dois pré-candidatos para possibilitar ao DEM em VG e ao PP em Cáceres ganharem a eleição de forma bizrra. Os pré-candidatos são marionetes nas mãos dos caciques. Pode ? Em Vg estão manobrando para haver somente duas candidaturas : uma do DEM e outra do PC do B e em Cáceres, apenas a do PP. Precisa investigar quanto vão gastar nessa manobra e quanto os prés vão ganhar. Félix.

  • Valdir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Deus salve Mato Grosso.
    Pessoas que nada fizeram por esse estado quer perpetuar no poder.

    Não aguento mais pagar impostos. Não aguento mais ver o meu dinheiro bancando o luxo dessa turma, seus carrões, suas fazendas, seus apartamentos.

    Ontem o Clóvis Roberto da TV Gazeta disse uma frase corretíssima: MT não tem Justiça. Muitos desses nomes que estão aí, deveriam constar de outra lista (não vou dizer senão o Romilso não publica).

    Compra de votos, máfia das ambulâncias, corrupção, venda da CEMAT cujo dinheiro ninguém sabe onde foi parar, rombo na prefeitura de Rondonópolis, deputada eleita com dinheiro do banco Itaú... será que esses que de alguma forma tiveram seus nomes envolvidos numa frase destas, são pessoas que devemos ter como representantes públicos ???

    Acho que assim MT vai continuar sem lei, pois se até agora foram esses nomes que mandaram no poder em MT e querem continuar mandando, só Deus... só Deus.

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...