Últimas

Quinta-Feira, 01 de Janeiro de 2009, 17h:16 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

BARRA DO GARÇAS

Farias se emociona, prega austeridade e cortes

Ronaldo Couto
De Barra do Garças
 


Prefeito Wanderlei Farias (PR) comemora, é cumprimentado pelo deputado Wellington Fagundes e concede entrevistas

  O prefeito de Barra do Garças, Wanderlei Farias(PR), se emocionou ao falar de sua família e destacou a emoção de retornar ao comando da prefeitura do mais importante município do Vale do Araguaia. Segundo ele, o seu maior desafio será sanear as contas da prefeitura e gerar empregos.

   “Nós teremos que tomar medidas austeras nesse início de administração e já iniciamos reduzindo de 18 para 7 secretarias e enxugaremos o quadro funcional da prefeitura”, destacou o republicano. Foi nesse tom que o prefeito discursou durante 30 minutos no plenário da Câmara Municipal, depois de tomar posse pela terceira vez no município.

   Casado pela segunda vez, o médico que se tornou agropecuarista, afirmou que enfrentou uma campanha pesada com provocações e até mesmo insultos, mas mesmo assim manteve sua postura. Wanderlei pediu apoio dos vereadores e da população e um trégua de pelo menos 6 meses para colocar a prefeitura nos trilhos. Ele também agradeceu o apoio do seu partido através do deputado federal Wellington Fagundes, que estava presente à cerimônia, e do governador Blairo Maggi. Segundo ele, ambos estão empenhados para abrir uma usina de cana-de-açúcar com altos investimentos em Barra do Garças.

   Farias também se emocionou ao lembrar do amigo Geraldo Quirino, que antes de falecer participou ativamente de sua campanha chegando até ser o seu vice, mas depois foi impugnado e substituído pelo pecuarista Irineu Pirani(DEM). Ao anunciar um governo de contenção de despesas, o prefeito do PR pediu calma aos amigos, dizendo que a prefeitura não terá como contratar ninguém no momento e que pretende trabalhar com o quadro do próprio município.

   Wanderlei Farias também fez menções ao ex-prefeito Zózimo Chaparral (PC do B). Disse que o comunista deixou dividas e destacou, por exemplo, o não-pagamento da previdência que pode deixar a prefeitura inadimplente. Sobre a saúde, o prefeito pediu a presença de uma equipe da secretaria estadual para fazer uma avaliação da real situação desta pasta para depois assumí-la e, segundo cálculos do novo prefeito, isso somente ocorrerá dentro de 6 meses.

Quem são os secretários do prefeito Farias
Nome                                  pasta
Chefia de Gabinete                        Yolanda Corrêa
Administração                                Jonir de Oliveira
Finanças                                         Lucely Souza Cruz
Obras                                             César Magrini
Ação Social                                    Laura Beatriz
Educação, Esporte e Cultura           Silvia Maria Cavalcanti
Indústria, Comércio, Turismo
e Meio Ambiente                          Cláudio Sales Picchi


Wanderlei Farias e a esposa Laura, que assume a Ação Social

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Filinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa Silvia é a do PT? Mas o PT não era do governo e da campnha do Chaparral ?

  • Flávio Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Coronel do Araguaia voltou para dilapidar o patrimônio de Barra do Garças, por mais 4 anos!!

    Mas o povo da Barra, gosta é da chibata!! Então, chibata neles!!

  • Miguel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Etá nóis... o povo de Barra gosta mesmo é de chibata!!! kkkkkkk
    essa gente não aprende???? realmente mais 4 anos de exploração e mentiras.
    Cada povo tem o governo que merece

  • fernando farias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    fagundes depois que vc mostrou o que vc é, não voto mais em vc...

  • José Carlos Araújo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Wanderley Farias pode estar colocando fim num regime que não deu certo em Barra do Garças.

    A maneira de administrar de Zózemo Chaparral - PC do B mostrou que realmente esse regime ditatorial, arcaíco, frágil, e temporário danificou as estruturas populares de uma das maiores cidades do estado. Que, foi constituída por políticos importantes como Quincas, Antônio Joaquim, Bosaipo, In Memoria Voldon Varjão, entre outros ícones da política de Mato Grosso.

    O tempo de Chaparral foi curto demais, apenas (4) anos, e que, sim, poderia ter aproveitado esses 1460 dias mais importantes de sua vida como gestor.

    Em fim, deixou para trás a teoria de que a pratica resulta em perfeição.

    Poderia afirma com a mais absoluta certeza, que, um raio não cai duas vezes no mesmo lugar, meu caro Chaparral - e que por sinal, é um ótimo professor de história. Fui seu aluno.



  • Filinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    essa não é a Silvia do PT que trabalha no gabunete do do Deputado Carlos abigail-pt...alguém pode responder?

  • beto gaviao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse wandeco é o maior traia do brasil.... chaparral meu voto será sempre prá vc....a barra vai sentir o peso de se votar em corrupto....cade o MPE a DRA laura vai ser secretária ... no governo do chapa vcs eram vigilantes q/ ver agora.... não adianta dizer q/ ela não terá salário....o MPE é prá fiscalizar....pois então............................................................... ............fiscalize MPE..

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

4 com as maiores chances ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   Todos os principais candidatos ao Senado, na suplementar de 15 de novembro, para eleger quem ocupará a cadeira da cassada Selma Arruda, estão trabalhando com tracking eleitoral, metodologia que consiste, basicamente, em realizar pesquisas de intenção de voto por telefone de forma...

Polarização entre Gustavo e os Maia

gustavo mello 400 curtinha   Em Alto Araguaia, três disputam a prefeitura, mas a briga eleitoral está mesmo polarizada entre o prefeito Gustavo Melo (foto), do PSB, e Martha Maia (PP), irmã do ex-prefeito por quatro vezes Maia Neto. Júnior da Farmácia (PSL) corre por fora, mas sem chance de êxito nas urnas....

MAIS LIDAS