Últimas

Sexta-Feira, 16 de Fevereiro de 2007, 10h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Farina exige explicação pública do governador

   "Quem tem de explicar é quem exonera", reagiu nesta sexta (16) pela manhã o médico Alencar Farina (PR), ao ser perguntado sobre as razões que levaram o governador Blairo Maggi a exonerá-lo sumariamente do cargo de secretário-adjunto de Saúde. Farina disse que não sai do segundo escalão chateado. Não esconde, porém, a frustrado por ter exercido o cargo por apenas 33 dias. "Fui para lá para desempenhar o meu trabalho que sei fazer bem. E o governo não quis esse trabalho, então ele tem que explicar isso para a sociedade", provocou Farina.

     Ele nega que tenha agido com conspiração, criado conflitos junto aos servidores da Saúde e tampouco trombado com o secretário Augustinho Moro. Diz ter mantido uma boa relação com Moro. "Não tenho nada contra ele. Tive um bom relacionamento, sempre disposto a ajudá-lo". Alencar Farina destaca que durante os 16 anos em que atuou na Unimed-Cuiabá, da qual foi presidente, nunca arrumou confusão com funcionários e defende projeto de humanização do quadro de pessoal.

    O cargo que era ocupado por Farina continuará sob indicação do deputado federal Wellington Fagundes. O parlamentar, conforme combinado com o governador, definirá na próxima semana uma lista tríplice para Maggi ter opção de escolha. O Diário Oficial que circula nesta sexta já traz a exoneração de Alencar Farina, que concorreu, sem êxito, à cadeira de deputado federal no ano passado.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Eleição ao Senado junto com municipal

carlos favaro 400 curtinha   A eleição suplementar para uma vaga ao Senado deve ocorrer em MT junto com o pleito municipal, em 15 de novembro. A definição oficial partirá do TSE até o final deste mês. Em princípio, a suplementar estava marcada para abril, mas, por causa da pandemia, foi...

Wellington tem 47 lotados no Senado

wellington 400 curtinha   Com dois meses e meio na cadeira de senador, Carlos Fávaro tem hoje 18 assessores lotados no gabinete, muito aquém do quadro dos colegas Jayme Campos e Wellington Fagundes. O chefe de gabinete de Fávaro é o advogado Irajá Rezende de Lacerda, filho do primeiro-suplente Zé Lacerda....

Cáceres, lockdown e frases de alerta

francis maris 400 curtinha   Em Cáceres, o prefeito Francis Maris (foto) decretou lockdown desde a última segunda, dia 29, como forma de forçar os moradores a permanecer em casa para conter o avanço da Covid-19. Mas as medidas restritivas não estão surtindo tanto efeito na prática. Muitos continuam...

4 prefeitos de MT com coronavírus

luiz binotti 400 curtinha   Pelo menos quatro prefeitos em Mato Grosso já foram diagnosticados com Covid-19. O caso mais recente envolve Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Ele aguarda resultado de exames, mas já se encontra em isolamento domiciliar. Com sintomas do novo coronavírus, Binotti decidiu ficar em casa. De um...

Forçando cuiabanos a ficar em casa

emanuel pinheiro 400 curtinha   Acuado por causa do avanço dos casos de Covid-19, o que tem provocado colapso na rede pública de saúde, principalmente em Cuiabá, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) decidiu adotar medidas mais restritivas para conter circulação e aglomerações de pessoas,...

Relação tensa e agora sem assessores

niuan ribeiro 400 curtinha   A relação política entre o prefeito Emanuel Pinheiro e o vice Niuan Ribeiro (foto), em Cuiabá, deve azedar ainda mais. Ambos estão rompidos politicamente desde o ano passado. Niuan, que atua no 6º andar do Palácio Alencastro de olho nas ações de Emanuel, que...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Até dezembro, o IFMT terá eleição para Reitoria. Quem você acha que será eleito dos candidatos abaixos?

Deiver Alessandro

Julio Santos

Nenhum deles

Não tenho ideia

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.