Últimas

Quarta-Feira, 08 de Abril de 2009, 14h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

MINISTÉRIO PÚBLICO

Ferra elogia governador e quer estruturar Promotorias

Novo chefe do MPE passa a conduzir orçamento de R$ 28 mi e, no 1º discurso,  prega integração institucional e afirma que Maggi foi democrático ao nomear o mais votado

Marcelo Ferra, novo procurador-geral de Justiça de MT O promotor de Justiça Marcelo Ferra de Carvalho disse, em seu primeiro discurso como procurador-geral de Justiça do Estado, que vai priorizar a estruturação das Promotorias, valorizar a carreira dos membros do Ministério Público e seus servidores, buscar a integração institucional e o funcionamento gerencial da parte administrativa da PGJ. A solenidade de posse, nesta terça à noite, no Centro de Eventos do Pantanal, foi assistida por cerca de 600 pessoas. A Corregedoria-Geral do MPE fica agora sob o procurador Edmilson da Costa Pereira, que também tomou posse na mesma solenidade.

  Ferra elogiou a postura do governador Blairo Maggi, que, ao receber a lista tríplice, nomeou para a chefia do MPE o candidato mais votado. Na eleição interna, Ferra teve 105 votos. Seu mandato será de 2 anos, com direito a buscar a reeleição.  "A atitude do governador foi democrática e demonstrou todo respeito pelo trabalho da instituição”, diz Ferra, primeiro promotor a ocupar o posto. Até então, essa prerrogativa só estava assegurada a procurador.

   Ele é natural de São Paulo (SP). Tem 37 anos. Se formou em Direito pela UFMT, em 1993. Ingressou no MPE dois anos depois. Antes, foi promotor de Justiça em Mato Grosso do Sul. Até agora vinha respondendo pela 11ª Promotoria Criminal, especializada em entorpecente. Com a missão de garantir a ordem jurídica como porta-voz da sociedade, o MPE possui hoje em seus quatros 26 procuradores e 139 promotores.

  Ferra substitui o procurador Paulo Prado, que comandou o MPE/MT por quatro anos. Em discurso, Prado disse que sem vontade política do governo não seria possível construir, por exemplo, a Casa da Cidadania, que teve a primeira etapa inaugurada esta semana. O prédio vai centralizar todas as Promotorias de Justiça da Capital, ao lado do Fórum, no complexo do CPA, com o propósito de facilitar o acesso da população à Justiça. O MPE está construindo também sede de promotorias em outras 19 cidades. O orçamento do MPE avança a cada ano. Sob Prado, subiu de R$ 6 milhões para R$ 28 milhões. Paulo Prado apresentou um vídeo institucional com as ações desenvolvidas em seu mandato.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Antonio Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Faço votos,para que o Min.Público,volte a ser Min.Público de fato,sério,honesto,coerente com a justiça e com a verdade dos fatos,mas confesso que só acredito vendo,pois infelizmente ñ se faz Min.Público como antigamente,dizem que hj tá muito mais pra Min.Privado dos ricos e poderosos do que para Min. Público mesmo,mas quero crer e vou torcer pela melhora.

  • Ulisses | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens ao jovem Promotor Marcelo Ferra. Precisamos cada vez mais de jovens à frente desta Instituição. Tenho certeza que a sua gestão será proficua. Felicidades.

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...

DEM, bate-cabeça e plano B frustrado

fabinho garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal e empresário Fábio Garcia (foto) acabou deixando o DEM órfão de candidatura a prefeito da Capital. Numa conversa com o governador Mauro, seu padrinho político, Fabinho o assegurou que iria sim disputar o Palácio Alencastro, mesmo pedindo trégua por...