Últimas

Sábado, 02 de Agosto de 2008, 09h:12 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CÂMARA DE CUIABÁ

Filho de Jonas, Giorgio sai da disputa a vereador

Democrata alega a dor que ainda sente pela perda do pai, enquanto a mãe Celcita apóia Santos, contrariando o DEM

   O filho do ex-senador Jonas Pinheiro (já falecido), advogado Giorgio Pinheiro (DEM), resolveu "jogar a toalha". Após se inscrever na convenção e ter o nome oficializado junto à Justiça Eleitoral, ele decidiu que não vai disputar mais uma cadeira de vereador por Cuiabá. O presidente regional do partido, Oscar Ribeiro, diz que a desistência foi motivada pela dor que Giorgio ainda sente pela morte do pai. Ex-deputado federal por 3 mandatos e então senador por dois mandatos, Jonas faleceu em 19 de fevereiro deste ano.

   Giorgio, apesar de negar, teria atuado como assessor do pai no Senado. Assim que o suplente Gilberto Goellner (DEM) se efetivou no Congresso Nacional devido ao falecimento de Jonas, Giorgio acabou perdendo o cargo de assessor parlamentar. O assunto gerou polêmica.

  Como candidato, Giorgio Pinheiro estava numa situação delicada. A coligação do seu partido, o DEM, apóia Walter Rabello (PP) para prefeito da Capital, inclusive com a democrata Ana Rita de vice. Já a mãe de Giorgio, ex-deputada federal Celcita Pinheiro, que compõe o secretário da prefeitura municipal, se transformou em cabo eleitoral do prefeito Wilson Santos (PSDB). Desse modo, Giorgio ficou literalmente numa "saia-justa". Secratária de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, Celcita declarou que o DEM deveria compreendê-la por estar no palanque do prefeito, de quem se diz "funcionária". Nessa confusão familiar e partidária, Giorgio, que fica mais em Santo Antonio de Leverger do que em Cuiabá, resolveu "jogar a toalha" faltando 2 meses para as eleições.  (Flávia Borges)

Postar um novo comentário

Comentários (30)

  • Paulo Henrique | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não será candidato só por um motivo,NÃO TEM VOTO, giorgio(diminutivo) nunca foi levado a sério pelo Jonas, um menino problema sem preparo e para piorar ao invés de seguir a inteligência do Pai se juntou a limitada da Mãe(Celcita)para pensar a politica, veja como terminou Celcita nas politica...

  • João Pedroso | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os comentários são de que Giorgio e sua irmã estão pé da vida em função do aparecimento de mais um para dividir a fortuna, a salvação deles pode ser o fato da fortuna não estar em nome do Pai.
    Será que o MP e a Receita Federal sabem disso.

  • Fernado Silas da Rocha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Existe no Banco do Brasil Uma liberação de Hum milhão e meio para a Faz. do ex-senador sem projeto, o Banco Cental precisa ser acionado, o pessoal do BB estão tentando encontrar um fundo perdido para liquidar o debito. Se alquem tem alguma duvida é só procurar nos processos do inventário nas varas da familia, não sei se estão em segredo de justiça.

  • ERIC DUARTE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o filho de jonas pinheiro está eqivocado,o lugar dele é lá em santo antonio,nao é aqi em cuiaba,nunca mostrou sua cara,agora coloca ela só pra apanhar,vai lá aonde é o reduto do seu finado pai,lá sim vc será eleito,nem sua mae conseguiu votos fora dai,vc qe ninguem nunca ouviu falar vai conseguir.

    esquece.

  • geraldo antunes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    As pessoas que escrevem ai defendendo o Giorgio tem tanto constrangimento em defender uma causa perdida como essa que nem os nomes verdadeiros elas usam preferem se esconder atrás de um nomes figurados. que feio!!!!

  • celso bicudo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A pessoa qdo entra na pólitica fica exposta a todo tipo de expressão e verbalização é o caso do meu amigo , o site dá a notícia conforme a insenção ou não do jornalista e as opiniões são tendenciosas ou não , muitos que opinam é porque conhecem a pessoa e é amiga ou caso contrário não lhe apreciam. Muito dificil os comentários de pessoas alheias ao caso em questão, as vezes até mesmo apelidos saõ colocados para esconder os amigos ou os inimigos PROXIMOS, eis a questão.
    Neste caso, o seu afastamento foi correto , pois haverá oportunidades melhores no futuro para ele, necessário o preparo, o estudo , e planejamento para uma futura candidatura a Dep. Estadual , quiça com verdadeiro apoiamento do PEDRA , alias muito importante. Agora na chapa do Valter faltou um cuiabano com serviços prestados e conhecedor das familias tradicionais, tal como Filinto Correa da Costa , uniria o bom de voto nas classes mais humildes o Valter com o Filinto que tramita bem na cuiabania. Não conheço a vice do Valter, mais o Toninho Esposito seria a melhor escolha entre ambos, se esse foi o motivo do seu afastamento , acredito que avaliou bem.

    Obs: Agora alguns comentários estão ao meu ver carregados de ira pessoal ou de afinidades mil.........

  • sabrina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Alto lá, você, que disse, que o girgio ganha alguma elei ção aqui no município; para prá pensar, se tivesse alguma chance acha que não seria candidato? Nem prá presidente de bairro! Aqui temos que eleger pessoas honestas, trabalhado ras, que realmente tem intenção de fazer algo em prol da população e fazer a cidade crescer e gerar rendas! CHEGA de CANDIDATOS QUE SÓ SUGAM! Precisamos de atitude e não de promessas nunca realizadas.........

  • EDSON FIGUEIREDO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PARABENS CELSO BICUDO MEU AMIGO PARTICULAR VC MANDO BEM, É ISSO GAROTO. NELES 2010

  • João Nunes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Giogio começou a ter visão politica , pois com o laço de fidelidade do seu pai com os Campos e vice versa , a possibilidade dele vir a preparar-se com conhecimento das nossas necessidades poderá a ter condições reais de , candidatar-se a dep. estadual , com o apoiamento do Senador Jaime. As decisões lhe competem , agora como disse o Bicudo tem comentários maldosos sobre a vida particular da familia que não nos compete saber , mexerico com falava comadre NHARÁ.
    Lembremos que Giogio é filho de um dos expoentes politicos do estado , e possui uma gama de amigos e simpatizantes , mesmo contráriando alguns.

  • heleno | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    só sei que mais uma vez quem sai perdendo com briga de gente grande é o povo, lembrado só nas eleiçoes e carta fora do baralho...pagamos impostos, e os parlamentares em brasilia só sabem trabalhar para eles, leis que beneficiem honesto e o povo humilde não lebram de fazer...

Esforço e a contemplação no IFMT

adriano breunig 400   Quem está comemorando exaustivamente e feliz da vida com a vitória de Júlio Cesar para reitor do IFMT é o professor Adriano Breunig (foto), atual diretor de Políticas, Projetos e Avaliação Institucional. Adriano mergulhou na campanha de Júlio. Fez visitas, pediu voto, se...

2 da AL em chapas distintas à AMM

nininho 400   Dois deputados estaduais estão divididos em chapas de honra da eleição da AMM, que acontece no próximo dia 15. O curioso é que Ondanir Bortolini, o Nininho (foto), filiado ao PSD e hoje presidente de honra da entidade comandada pelo segundo mandato consecutivo por Neurilan Fraga (PL), caiu fora da...

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...