Últimas

Quinta-Feira, 13 de Novembro de 2008, 10h:32 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

SEGURANÇA PÚBLICA

França critica orçamento menor; Sérgio contesta

   O deputado Roberto França (sem partido) subiu à tribuna da Assembléia na sessão desta quinta (13) para criticar o orçamento da secretaria de Justiça e Segurança Pública, sob o delegado federal Diógenes Curado. Segundo França, o repasse estimado a outras pastas registra aumento de até 300%, enquanto para a Sejusp haveria diminuição de 5% com vistas ao exercício de 2009. Já o presidente da Casa, deputado Sérgio Ricardo (PR), contestou a informação. Segundo ele, houve aumento da dotação orçamentária. "Aumentou de R$ 672 milhões para R$ 826 milhões. O que se questiona é a distribuição desse repasse", diz o republicano.

   França rebateu. Assegurou que a sociedade está refém da violência. "Foi o tempo em que os cuiabanos podiam dormir de janela aberta". O parlamentar reclama que houve uma inversão de valores. "Hoje, as ruas são dos bandidos. A população tem que ficar presa dentro de casa", diz. A segurança pública é um dos setores mais criticados do governo. Maggi enfrentou recentemente a greve dos agentes prisionais e investigadores da Polícia Civil descontentes com o piso salarial.

   O primeiro-secretário da Assembléia e presidente eleito para o biênio 2009/2010, José Riva (PP), convidou Diógenes Curado para comparecer à Casa. Defende que o secretário trace uma "radiografia" da segurança pública no Estado. Já o deputado Luizinho Magalhães (PP), primeiro deputado a assumir como representante de Primavera do Leste, aproveitou o convite feito por Riva para pedir ao governador que "não haja somente com a cabeça e sim com o coração".

    "Esperamos que após essa radiografia da situação, Blairo Maggi abra seu coração e colabore com mais viaturas e um efetivo maior nas ruas", solicita o progressista. O petista Alexandre Cesar também criticou o caos enfrentado no Estado quanto à falta de segurança e lembrou o projeto, já aprovado pela Assembléia, que cria a secretaria adjunta de Defesa Social. "Essa secretaria é necessária para possibilitar  intervenção social onde houver maiores indicadores de violência", diz o parlamentar. (Flávia Borges)

Clique no play e confira a reclamação de França sobre a área da segurança, em sessão nesta quinta

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Luis da Silva Pedrosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Excelência!

    Atualmente vivemos no Estado da Politicagem, onde o servidor que realmente veste a camisa da Polícia é perseguido.

    Primeiro pelos Bandidos, que além de fazerem ameaças, agora estão mentindo junto as corregedorias alegando que foram torturados ou sofreram abuso de autoridade, onde um policial que ganha R$ 1.200,00 não trabalha para não ficar pagando advogado depois, deixando de colocar o que comer dentro de casa.

    Em segundo lugar pelos superiores (Delegados, Tenente e patentes acima) onde o policial por não pertencer a uma classe política ou não ter obdecer ordens ilegais, é perseguido, e pode até ser exonerado do cargo, ou vc acha que o servidor que ganha o seu salário todo início de mês vai se arricar em perder um cargo público que obteve através de concurso para defender a sociedade, correndo o risco de ser exonerado, onde a sociedade vira as costas para o policial. Não vou longe o CABO CONAN, lembrem-se ele foi condenado pela sociedade, foi perseguido por um traficante, correu risco de vida pela sociedade e acabou sendo condenado pelo tribunal do júri, reflitam...

    E em terceiro os Direitos Humanos, que ao invés de defender os direitos do trabalhador, este que, por sua vez trabalha de sol a sol, trazendo proventos para manter a sua familia, e é roubado, humilhado, tratado dentro de sua casa quando os ladrões entram, e invertem o verdadeiro papel do que é ser pessoa humana.

    Precisamos tomar medidas para fomentar a melhora e mudanças na atual lei penal e processual brasileiro, visando garantir um futuro melhor para nos filhos.

    Fica minha crítica para melhorar esse DESCASO pela Segurança Pública.

    E a dignidade humana do trabalhador? Me diga!

  • MARCOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    - A RESPEITO DE SEGURANÇA PUBLICA TORNO A ESCREVER, NÃO TEMOS LEIS PENAIS PARA DAR SUSTENTABILIDADE NENHUMA A ESSA PASTA, POIS COM TANTOS DIREITOS HUMANOS PARA OS DESUMANOS A MÃO ARMADA, NOSSAS LEIS SÃO DA DECADA DE 40, E ESSAS O.N.G´S, SÃO DESTA ÉPOCA ATUAL, POR ISSO SE UM POLICIAL EM SEU DEVER DE PRESERVAR A SOCIEDADE, ELE ACABA ARRUMANDO PARA A PROPRIA CABEÇA, VEJAM O QUE ACONTECEU EM SANTO ANDRÉ, A POLICIA DEIXOU DE AGIR PARA NÃO TOMAR PORRADA DE TODOS DA IMPRENSA E DOS DIREITOS HUMANOS; VIRAM O FINAL, NÃO CULPO O COMANDANTE E SIM CULPO ESSA CAMBADA DE PARLAMENTARES QUE NADA FAZEM A RESPEITO, POLICIA PRENDE E JUIZ SOLTA, QUE SEGURANÇA VOCES QUEREM? ATÉ O POLICIAL VIRA ACERTO DE BANDIDO E VOCES NADA FAZEM, E AGORA QUEREM O QUE? SEGURANÇA !!!! ORAS FAÇAM A COISA ANDAR E NÃO CRITICAR O QUE VOCES TEM O DEVER DE FAZER. ARRUMEM AS LEIS JÁ, E NÃO FIQUEM APARECENDO PARA DIZER QUE PAPAI NOEL NÃO VAI NA SUA CASA, TCHAU.

  • Maria de Jesus Santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ao invés de demagogia barata, o Deputado França, que já foi prefeito da capital e é jornalista, deveria ter maior responsabilidade. Se quisesse, além de tentar pautar/fazer agenda para disputa, com o assunto segurança para 2010, deveria é se movimentar junto com seus pares estaduais e federais para tentar trazer mais recursos para as cidades com maiores problemas de segurança do estado. O povo não é mais besta França!!! Vá trabalhar no cargo que ocupa, pois de blá blá blá o eleitor está cheio. E se cuida, porque senão você não se elege mais!

  • SÉRGIO ALCÂNTARA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Respeitadas as devidas proporções, a SETEC foi a Secretaria que teve o maior aumento ( + 8 milhões)...

    POR QUE SERÁ HEIM?

    ALGUÉM SABE A RESPOSTA?

  • Lidia Francisca Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na realidade o Governo brinca com a segurança do estado e financia assim o crime no meio da sociedade, devido a sua omissão!

    Mato Grosso necessita de adquações urgente, como a:

    * Secretaria Estadual de Defesa Social
    * Secretaria Estadual de Administração Penitenciaria

    Pois só assim, o combate ao caos da insegurança, será eficaz, responsavel!

    Os Deputados Estaduals estão corretissimos e atentos com a falta de investimento por parte do Governo Maggi!

    Estão alertando sobre o caos, não estão sendo irresponsavel como os assessores do Governador de maquiar o caos na SEJUSP!

  • germano fortes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Muito bem Dep ROBERTO FRANÇA, e demais Dep mostrem a essa corja que não são otários, exija segurança já, pois existem as PASTAS específicas para isso, se não fazem é por pura imcompetencia e descaso, desleixo mesmo! para se fazer intervençao social, não precisa CRIAR novo cabide de empregos, onde está a setecs e a secret. de segurança pública de MT? o que fizeram nesses seis anos? Hora! criar mais uma pra que? O nosso povo está a todo instante morrendo. É urgente, é emergencia. Façam esse povo do Gov. agir, tirar a bunda da cadeira e trabalhar.

  • Paulo César da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A segurança está péssima. A cada diua torna-se maism dificil você ter a certeza que não será assaltado ou morto. A população pede socorro, pois o governo não está nem aí prá esse setor, pois o estado lhe garante segurança e prá sua familia.
    Parabéns Roberto França, lute pelos mais fracos. Tire essa máscara desse governo mentiroso e que spó governa prá si e pros ricos.

  • ANTONIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    DEPUTADOS QUAL FOI O RESULTADO DO PLEBISCITO DO DESARMAMENTO, E QUANTO FOI GASTO PELA SUA REALIZAÇÃO ? E VOCES O QUE ESTÃO FAZENDO PARA REFORMULAR AS NOSSAS LEIS ? E AGORA QUEREM RESULTADO DO GELO ? QUEM NÃO CUIDA DO GELO VIRA AGUA, NÃO É ? ENTÃO VÃO ENXUGAR GELO, QUE VOCES ATÉ AGORA NÃO FIZERAM NADA PARA MELHORAR A SITUAÇÃO, JÁ, JÁ VÃO CRIAR O DIA DO BANDIDO. VÃO TRABALHAR QUE É O QUE VOCES NÃO SABEM FAZER. HÁ 2010 NOS AGUARDEM.

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

DEM é "suprapartidário" em Cuiabá

wilson santos, 400 curtinha   Para uns, o DEM de Cuiabá se tornou "suprapartidário". Para outros, um partido de aluguel. Além de não ter cabeça de chapa para prefeito, o partido do governador Mauro e dos irmãos Júlio e Jayme Campos enfrenta uma situação inusitada de concorrentes...

Diretório do Podemos-VG dissolvido

mara podemos curtinha 400   A direção estadual do Podemos, sob o deputado José Medeiros, destituiu o diretório municipal de Várzea Grande e anulou o encaminhamento para apoio a Kalil Baracat a prefeito. Agora sob comando provisório da professora Wilcimara Carnelós, a Mara (foto), que está na...

Silvio provoca debandada no PTB-VG

silvio fidelis 400 curtinha   Silvio Fidélis (foto), afilhado político de Chico Galindo e que se tornou fiel escudeiro da prefeita várzea-grande Lucimar Campos, de cuja gestão é secretário de Educação, provocou debandada geral no PTB local. Inconformado com a decisão de Emanuelzinho de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.