Últimas

Segunda-Feira, 14 de Maio de 2007, 15h:28 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

CHAPADA DOS GUIMARÃES

Gilberto ataca pesquisa e chama Elias Santos de aventureiro

    O prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (PR), coloca em xeque os números da pesquisa Mark, em que aparece em desvantagem na corrida sucessória, e ataca Elias Santos (PDT), um de seus virtuais concorrentes. Chama o pedetista de "aventureiro" e de "paraquedista".

    "Faço medição constante para acompanhar o desempenho da administração e esses dados da pesquisa não têm cabimento. Sei que o meu governo não está uma mil maravilha, mas daí aparecer tão ruim assim não tem lógica", reagiu o prefeito, ao tomar conhecimento do resultado da amostragem, divulgado nesta segunda (14) aqui no RDNews.

   Gilberto de Mello disse que implementou uma série de ações sociais e lançamento e inauguração de várias obras. Observa que ajustou a máquina, com equilíbrio de receitas e despesas. "Estamos resolvendo problemas históricos no município, como a questão do saneamento. Vou asfaltar 100% de Chapada. Será que essas ações não representam nada?", comentou o prefeito republicano, indignado com o resultado das amostragens da Mark, segundo as quais não ele conseguiria vencer hoje nenhum dos virtuais concorrentes à prefeitura.

    Reação 

   Sobre as críticas de Elias Santos, que considera sua administração pífia, inchada e marcada pela falta de transparência, o prefeito Gilberto de Mello dispara: "O Elias nem mora aqui na Chapada. Não tem residência fixa. É um aventureiro, um paraquedista. Agora que diz que está mudando pra cá. O povo chapadense não é bobo e sabe do passado dele".

    Segundo Gilberto, Elias, irmão do prefeito cuiabano Wilson Santos, "já deu demonstração de incapacidade administrativa quando foi secretário de Turismo de Chapada". "Foi uma inércia", cutuca o prefeito para, em seguida, lembrar que, à época, o então secretário de Estado de Desenvolvimento do Turismo, Ricardo Henry, divulgou documento fazendo críticas à gestão de Elias.

   Gilberto de Mello vai mais longe. Assegura que, contra Elias, existe processo aberto por supostos atos de improbidade administrativa por este não prestar contas de convênios com o governo federal. Em tom provocativo, o prefeito do PR disse que Elias ficou conhecido na época em que foi secretário como "senhor notebook" por passar a maior parte do tempo conectado à internet.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto). Ele, por sua vez, e para não...

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...