Últimas

Sexta-Feira, 01 de Junho de 2007, 08h:14 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Gilney diz que PT erra ao se aliar à gestão Maggi

Ex-deputado aponta 4 desafios para o partido, vê perda de potência no Estado devido à aliança com o Palácio Paiaguás e defende candidatura própria para 2008 e 2010 

    O ex-deputado estadual e federal Gilney Viana, tido como uma das poucas reservas morais do PT, disse que o partido errou ao firmar aliança com o governo Blairo Maggi (PR). Admite que pode até ter lógica, já que Maggi apóia o governo do presidente Lula, mas o acordo levou o PT a perder potência no Estado, com risco de prejudicar projetos de candidatura própria com vistas às eleições de 2008 e de 2010. "O fato do Lula ter buscando entendimento com o governo Maggi (pela reeleição em 2006) não significa que, necessariamente, teríamos que fazer igual". Considera que o governo Maggi é bem avaliado e, por conta disso, o PT não deva perder com a aliança do ponto de vista eleitoral, mas vê comprometimento com projetos independentes e uma oposição enfraquecida.

     Como o acordo Maggi-PT já está selado, inclusive com dois petistas no comando da Educação (Ságuas Moraes e Vera Araújo), Gilney observa que agora ficaria ruim para o partido decretar uma ruptura. Ele insistirá na tese de projeto próprio nos próximos pleitos, diz que o PT está sendo colocado à prova e elenca quatro desafios para uma legenda com diversidade ideológica, que nasceu dos movimentos populares e que hoje está quase perdendo o ideário socialista.
    Após os mandatos de deputado estadual e federal e de ocupar, por mais de quatro anos, o cargo de secretário-executivo de Desenvolvimento Sustentável do Ministério do Meio Ambiente, Gilney Viana está agora mais presente em Cuiabá. Reassumiu a cadeira de professor do departamento de Saúde Coletiva da UFMT. Retorna à sala-de-aula como professor do Internato Urbano - atende alunos em fase final de conclusão de curso, e passa a desenvolver projetos para, em breve, propor curso de graduação em saúde pública. Gilney pertence a corrente minoritária Utopia e Vida. Tem como uma das aliadas dentro do PT a vereadora por Cuiabá Enelinda Scala.
     O ex-deputado aponta quatro desafios transformadores para PT:
) O fato de ser governo e não ter hegemonia interna. Gilney considera isso um drama.
) O PT teve origem nos movimentos sociais e, ao chegar ao poder central, se afastou desses segmentos. Perdeu capacidade de integração.
) O surgimento do movimento político-social de massa, o Lulismo, que, muitas vezes, prescinde o PT para exercer o poder. Gilney avalia que há conflito, inclusive em parceria, ende o Lulismo e o PT. Mesmo que o partido tenha apanhado com as crises de 2005 e 2006, devido aos escândalos do mensalão e das sanguessugas, o partido foi bem sucedido eleitoralmente".
) O PT, na avaliação de Gilney Viana, sempre foi socialista e está perdendo essa identidade. Entende que é preciso reconquistar esse ideário socialista.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Aristóteles Potter | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vamos ver se agora o Gilney volta a ser um cara humilde de antes de assumir o cargo no ministério de meio ambiente. Muitos ambientalistas sentiram a mudança de comportamento do gilney que simplesmente virou as costas para a sua base de ação.

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...