Últimas

Sexta-Feira, 01 de Junho de 2007, 08h:14 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Gilney diz que PT erra ao se aliar à gestão Maggi

Ex-deputado aponta 4 desafios para o partido, vê perda de potência no Estado devido à aliança com o Palácio Paiaguás e defende candidatura própria para 2008 e 2010 

    O ex-deputado estadual e federal Gilney Viana, tido como uma das poucas reservas morais do PT, disse que o partido errou ao firmar aliança com o governo Blairo Maggi (PR). Admite que pode até ter lógica, já que Maggi apóia o governo do presidente Lula, mas o acordo levou o PT a perder potência no Estado, com risco de prejudicar projetos de candidatura própria com vistas às eleições de 2008 e de 2010. "O fato do Lula ter buscando entendimento com o governo Maggi (pela reeleição em 2006) não significa que, necessariamente, teríamos que fazer igual". Considera que o governo Maggi é bem avaliado e, por conta disso, o PT não deva perder com a aliança do ponto de vista eleitoral, mas vê comprometimento com projetos independentes e uma oposição enfraquecida.

     Como o acordo Maggi-PT já está selado, inclusive com dois petistas no comando da Educação (Ságuas Moraes e Vera Araújo), Gilney observa que agora ficaria ruim para o partido decretar uma ruptura. Ele insistirá na tese de projeto próprio nos próximos pleitos, diz que o PT está sendo colocado à prova e elenca quatro desafios para uma legenda com diversidade ideológica, que nasceu dos movimentos populares e que hoje está quase perdendo o ideário socialista.
    Após os mandatos de deputado estadual e federal e de ocupar, por mais de quatro anos, o cargo de secretário-executivo de Desenvolvimento Sustentável do Ministério do Meio Ambiente, Gilney Viana está agora mais presente em Cuiabá. Reassumiu a cadeira de professor do departamento de Saúde Coletiva da UFMT. Retorna à sala-de-aula como professor do Internato Urbano - atende alunos em fase final de conclusão de curso, e passa a desenvolver projetos para, em breve, propor curso de graduação em saúde pública. Gilney pertence a corrente minoritária Utopia e Vida. Tem como uma das aliadas dentro do PT a vereadora por Cuiabá Enelinda Scala.
     O ex-deputado aponta quatro desafios transformadores para PT:
) O fato de ser governo e não ter hegemonia interna. Gilney considera isso um drama.
) O PT teve origem nos movimentos sociais e, ao chegar ao poder central, se afastou desses segmentos. Perdeu capacidade de integração.
) O surgimento do movimento político-social de massa, o Lulismo, que, muitas vezes, prescinde o PT para exercer o poder. Gilney avalia que há conflito, inclusive em parceria, ende o Lulismo e o PT. Mesmo que o partido tenha apanhado com as crises de 2005 e 2006, devido aos escândalos do mensalão e das sanguessugas, o partido foi bem sucedido eleitoralmente".
) O PT, na avaliação de Gilney Viana, sempre foi socialista e está perdendo essa identidade. Entende que é preciso reconquistar esse ideário socialista.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Aristóteles Potter | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vamos ver se agora o Gilney volta a ser um cara humilde de antes de assumir o cargo no ministério de meio ambiente. Muitos ambientalistas sentiram a mudança de comportamento do gilney que simplesmente virou as costas para a sua base de ação.

Rossato quer "minar" reeleição de Ari

dilceu rossato 400 curtinha   Em Sorriso, a capital nacional do agronegócio, a tendência é da disputa à sucessão no próximo ano ficar polarizada entre o prefeito Ari Lafin, do PSDB, e seu antecessor, Dilceu Rossato (foto), hoje filiado ao PSL. Embora se movimente nos bastidores, o deputado Xuxu Dal Molin...

Misael nem espera janela e sai do PSB

misael partido 400 curtinha   Misael Galvão (foto), presidente da Câmara de Cuiabá, nem esperou chegar a janela partidária de março para oficializar a saída do PSB, onde esteve filiado por três anos. Para não colocar o mandato em risco, o parlamentar consultou a Justiça Eleitoral e obteve...

TCE-MT aprova e elogia gestão Binotti

binotti 400 curtinha   O conselheiro interino do TCE, Isaías Lopes, rasgou elogios ao primeiro ano de mandato do prefeito e empresário Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Relator das contas do exercício de 2018 da prefeitura, com aprovação unânime pelo Pleno, Isaías destacou que os resultados...

Primavera fará 4 intervenções na BR

leonardo 400 curtinha   Com recursos próprios, a Prefeitura de Primavera do Leste fará quatro intervenções na BR-070, no perímetro urbano, com readaptação e construção de trevos para ajustar o trânsito a uma nova e moderna realidade do município com quase 100 mil...

Vice do DEM-Cuiabá elogia gestão EP

joao celestino 400 curtinha   O advogado João Celestino (foto), vice-presidente da comissão provisória do DEM de Cuiabá e ligado ao senador Jayme Campos, se mostra simpático à gestão Emanuel Pinheiro, do MDB. Aliás, na segunda, Celestino fez uma visita ao prefeito e elogiou a...

Prefeito Beto faz mistério sobre apoio

beto farias 400 curtinha   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (foto), que está no segundo mandato e com a popularidade em alta, não revela quem apoiará para a disputa à sucessão, nem para aqueles aliados mais próximos. Quando perguntado, o emedebista costuma dizer que não está...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.