Últimas

Quarta-Feira, 29 de Julho de 2009, 16h:07 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

PALÁCIO PAIAGUÁS

Governador ignora Yuri durante casamento comunitário

   A relação entre o governador Blairo Maggi (PR) e o secretário de Estado de Desenvolvimento do Turismo, Yuri Bastos Jorge, parece estar realmente estremecida. Após dar uma verdadeira “bronca” em Yuri, que usou um avião para chegar a uma reunião enquanto todos, inclusive Maggi, foram de carro, o secretário foi literalmente “ignorado” pelo governador durante o casamento comunitário, realizado no sábado (25), no ginásio Aecim Tocantins. 

   O episódio poderia até ter passado despercebido, se não fosse o “sorriso amarelo” que Yuri deu diante da atitude de Maggi, que a o avistá-lo concedendo entrevista a uma emissora de Cuiabá, virou as costas, fingiu que não o viu e, assim que teve certeza que Yuri não estava mais por ali, foi até a repórter para falar sobre o evento. O secretário, que vivia “pendurado” no pescoço de Maggi, saiu de fininho e sequer tentou conversar com o chefe do Paiaguás. A cena é no mínimo intrigante, porque aparentemente Maggi tem se afastado cada vez mais de Yuri. O motivo para a mudança radical estaria no fato do secretário estar "pisando na bola".

   O afastamento começou no início do mês, durante uma reunião restrita ao staff no Porto Jofre, na região de Poconé.  Enquanto todos foram ao local de veículos, inclusive enfrentando cerca de 50 km de estrada de chão da turística e empoeirada Transpantaneira, Yuri foi de avião. Maggi ficou tão irritado com a atitude que o repreendeu pela atitude – saiba mais aqui.

   Dois dias depois, em 7 de julho, o governador jogou outro “balde de água fria” na cabeça de Yuri. Maggi adiantou, na ocasião, que ainda não definiu nenhum nome para compor os 6 cargos da diretoria, mas descartou a possibilidade de Yuri presidir a Agência da Copa. O problema é que o secretário tinha certeza de que ocuparia o cargo devido ao fato de ser o presidente do Comitê Pró-Copa – veja mais aqui. Yuri sonhava em ficar à frente da Agência não só pelo prestígio, mas também pelo salário que acompanha a vaga no valor de R$ 12 mil. A tendência é que o próprio governador presida a Agência da Copa já que não pretende se candidatar a nenhum cargo eletivo em 2010. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (27)

  • roberto curvo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é por ai, Yuri estava se achando bambam, ele e Blairo são farinha do mesmo saco um querendo ser melho que outro, humildade é tudo, eeeeeeé o governador não precisa ser humildes, sendo ele Rei ,um sudito a menos não vai fazer falta, mais Jaime Campos o diga, sozinho e apurado, é isso da deixar os companheiros na estrada.

  • Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ralf Leite do Governo é o máximo!!

    Esse cara já fez tanta beseira que se não fosse o Pagot ele já teria sido demitido por incompetência a muito tempo, aliás nem teria virado secretário.

    E o Blairo tá onde com a cabeça que não bota o sujeitinho na rua logo.

    Esse filhinho de papai nunca fez nada de produtivo, só arrumou confusão e denegriu a imagem de todo o Turismo do Estado.

    Rua já!!!!

  • rose | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não basta ignorar. Tem que tirá-lo da secretaria.

  • jose carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tudo fofoca, Blairo não é marica, acima de tudo ele tenho certeza que ele jamais humilaria seus colaboradorers. tem aí um bando de jornalista fofoqueiro,aliás acho que este tipo de matéria nem deveria ser publicada.

  • carimbó | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    hehehe...quem planta colhe sr. yuri,

  • benjamin hapicca | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vc esqueceu de computar o rolo do teleférico.
    Numa das reuniões dos secretários (uns meses atrás) o Daldegan lembrou ao Yuri que ele tinha que dar entrada na papelada lá na Sema pra ver a parte ambiental e ele disse q já ia mandar.
    Tão esperando até hoje.
    Resultado: processo na justiça e constrangimento pro governador.
    Ah, ainda tem a devolução de alguns milhões por conta da incompetencia em executar o projovem.
    Quer mais motivo pra ficar puto da vida com o cara?
    O Yuri é só marketing. Só casca.

  • Ademir Bustamante | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mas o principal vcs não escreveram na reportagem, que é o que queimou de vez o filme do secretário: a denúncia do esquema entre o Yuri e o advogado dono do terreno onde o Yuri quer construir o teleférico, que causou a briga com o MP.Se fosse um governo sério, o Yuri teria sido demitido assim que esse escândalo veio à tona. O Blairo tá só se queimando mantendo o Yuri como secretário.

  • Jeferson de Arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este secretáriozinho deveria ser submetido a um exame psiquiátrico, pois tem mania de grandeza, um ego que não cabe dentro de si e é ganancioso demais para exercer uma função pública.
    Fora Yuri, vc está afundando o Governo Blairo Maggi.

  • Lilianne Schneider | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É Sr. Yuri e corja, não há mal que dure para sempre, nem bem que nunca se acabe, sua casa já vem caindo há tempos por suas próprias mãos. Os seus rolos e trambiques ja estão vindo a tona, outros ainda virão... O governador já sabe quem é você, portanto, logo, logo será dado um grande Xeque-Mate, e nós matogrossenses sairemos vitoriosos. Lembre-se: Quem planta, colhe. Existem pessoas mais inteligentes que você, talvés sua prepotência o faz acreditar que não, mas existe. E para finalizar, quem com ferro ferra, com ferro será ferido.

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já que o nosso Governador anda tão indignado com o seu Secretário pela presepadas que vem cometendo e chamuscando o brilho da administração, por que não demiti-lo de uma vez ? Não seria mais sensato, mais prudente, mais razoável e mais justo do que ficar fingindo que não vê o Secretário, expondo-o a uma humilhação pública sem precedentes ? E olha que não sou nenhum pouquinho fã desse Yuri... basta.

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

DEM é "suprapartidário" em Cuiabá

wilson santos, 400 curtinha   Para uns, o DEM de Cuiabá se tornou "suprapartidário". Para outros, um partido de aluguel. Além de não ter cabeça de chapa para prefeito, o partido do governador Mauro e dos irmãos Júlio e Jayme Campos enfrenta uma situação inusitada de concorrentes...

Diretório do Podemos-VG dissolvido

mara podemos curtinha 400   A direção estadual do Podemos, sob o deputado José Medeiros, destituiu o diretório municipal de Várzea Grande e anulou o encaminhamento para apoio a Kalil Baracat a prefeito. Agora sob comando provisório da professora Wilcimara Carnelós, a Mara (foto), que está na...

Silvio provoca debandada no PTB-VG

silvio fidelis 400 curtinha   Silvio Fidélis (foto), afilhado político de Chico Galindo e que se tornou fiel escudeiro da prefeita várzea-grande Lucimar Campos, de cuja gestão é secretário de Educação, provocou debandada geral no PTB local. Inconformado com a decisão de Emanuelzinho de...

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.