Últimas

Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 17h:31 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

Articulação

Governo analisa venda da MTGás para evitar fim do fornecimento

   O secretário estadual de Indústria e Comércio, Minas e Energia, Pedro Nadaf, admitiu nesta quarta (24) que o governo cogita comercializar a concessão da MTGás para resolver o imbróglio do gás natural, que deve ficar escasso em Mato Grosso a partir do próximo dia 28. Em verdade, esta seria a última opção, mas que não está distante. O órgão em Mato Grosso conseguiu por duas vezes prorrogar o contrato com a Empresa Produtora de Energia (EPE), que fornece o gás para postos de combustíveis e também para a planta da Sadia.

   Em Cuiabá, pelo menos três mil carros utilizam o gás como combustível. Cerca de 10% desta frota são de táxis. Para os carros, o secretário explicou que são necessários 25 mil metros cúbicos ao dia de gás e, para a empresa Sadia S/A, outros 25 mil ao dia. A termelétrica ameaça paralisar as atividades por falta de demanda do gás. Atualmente, o governo paga para o líquido ser transportado para o Estado.

   Diante do impasse, o governo fez contrato de prorrogação com a empresa até o fim do mês, mas levou a situação ao conhecimento do ministro de Minas e Energia, que deve intervir. O problema é manter a termelétrica funcionando. Mais uma alternativa também está sendo verificada. A Petrobrás já sinalizou interesse em assumir a responsabilidade do fornecimento no Estado. Informações dão conta de que a estatal estuda também a viabilidade de comprar a termelétrica Mário Covas, que está parada há três anos, e assim se tornar fornecedora do combustível.

   Ao lado do presidente da MTGás, Helny de Paula, primeiro-secretário da Assembléia, Sergio Ricardo,  e também de representantes boliviano, o secretário Nadaf apresentou um documento assinado pelo presidente da estatal Boliviana YPBF (Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos), Carlos Villela, oferecendo total apoio ao Estado em acionar inclusive o governo federal para resolver o imbróglio. O documento será entregue ao ministro Lobão. “Nós queremos continuar trabalhando com Mato Grosso e estamos vendo a possibilidade de ampliar o volume de gás para o estado”, disse o boliviano, numa tentativa de ratificar “boa vontade” com o governo do Estado.

   Por meio de Villela, o governo boliviano também almeja outros mercados em Mato Grosso - o da uréia, por exemplo. O governo do Estado se mostra aberto a isto, ao propor a construção de uma indústria de uréia. “A produção serviria para o insumo agrícola”, destacou Nadaf.

   Nada de corda bamba   

   Sem temer a perda do cargo, Helny de Paula acompanha as negociações e afirma que não teme perder deixar o comando da companhia. “O repasse da concessão é apenas uma das alternativas. Fechar o repasse de apenas 49% da MTGás para a Petrobrás seria o mais viável. E se, em último caso, a concessão total ocorrer, isto levará mais tempo e Mato Grosso não pode esperar por mais um ano para resolver esta questão", analisa.

   O MTTV - 2º Edição, da TV Centro América, também repercurtiu o assunto.

-----------------------------------------------------
Clique no play e confira a reportagem da TVCA

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • João Antonio dos Santos | Quinta-Feira, 04 de Março de 2010, 12h02
    0
    0

    Olha quero usar esse espaço para fazer um Pedido ao Dep. Sergio Ricardo com certeza Hoje o Dep. é Melhor nome pra ser Vice do Silval Barbosa, melhor nome até pra Governador, mais se o Senhor quiser minha opinião, sai a Reeleição mesmo. olha sou seu eleitor sou muito amigo do Vereador Sergio Ramos esse trabalha pra o Sr. Aqui. pode contar comigo. Obrigado

  • Rimerson Breda Will | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 23h21
    0
    0

    Esse estado tem se transformado em uma desgraça emergente. Se uma merda dessa fosse em dias de hoje com o Wilson Santos, seria caso de cadeia, mas com o Blairo e o seu financeiro, é somente uma matéria, e parece uma solução. Posso desistir da UNIC, faculdade que curso, pra definitivamente me transformar em algo mais, mas com vergonha da imprensa vendável e covarde apresentada. Deixo meu email para o blog em questão, e espero receber contato.

  • celso rapa | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 23h03
    0
    0

    Realmente, a menina dos olhos do Presidente a Petrobrás esta conseguindo minar o nosso estado a perder um dos maiores investimento do governo passado em nosso glorioso estado, até porque, o presidente junto a sua "menina dos olhos" não conseguem fazer prevalecer o nosso direito de comprar gás desse paíseco. Já era de se esperar pois, a Petrobrás quer apossar desse nosso patrimômonio, e o nosso governo vai dar de mão beijada a eles. É mole o que querem mais?...

  • jotinha | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 21h33
    0
    0

    Tudo isto é falta de competencia do governo de administrar a MTGás. Quem foi na do governo de fazer a conversão, deve dar a resposta na próxima eleição. Tudo teve um custo para os proprietários de veículos, e gás mesmo nada, nada, só blá, blá, blá.

  • Samir Sebastião da Costa Ribeiro | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2010, 20h38
    0
    0

    É uma vergonha um Estado forte, ter que vender o MTGás por falta de gente capaz de admnistrar e ser político com o fornecedor de gás, ou seja, Evo Moralles. Não faça isso!!! MTGás foi um conquista para todos nós. MTGás não pode ser vendido. Saudações Brizolista e Socialista.

90 novas UTIs só neste ano em MT

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto) disse que o governo estadual tem se empenhado ao máximo na luta pelo combate ao novo coronavírus. E enfatiza que somente neste início de ano, o Estado já habilitou 90 novos leitos de UTI para atender casos graves de Covid-19. Entre janeiro e março, foram abertos...

Apelo dramático da Santa Casa de ROO

bianca talita 400 santa casa roo   A superintendente da Santa Casa de Rondonópolis, Bianca Talita (foto), fez um apelo dramático nesta terça, num grupo de WhatsApp, esperando sensibilizar o prefeito Zé do Pátio a repassar com urgência os recursos que estão repressados no Fundo Municipal de...

Emendas para todos os 24 deputados

Max 400 curtinha   O presidente da Assembleia, Max Russi (foto), em visita ao Grupo Rdnews, quando concedeu entrevista ao portal e à tv web Rdtv, defendeu as emendas impositivas, que são indicadas pelos deputados e pagas pelo governo, via orçamento. Lembra que são instrumentos importantes para fazer com que obras e...

Deputado defende cultos com até 600

sebastiao rezende 400   Num momento em que a segunda onda de contaminação pelo novo coronavírus avança em MT, levando o governo a retomar medidas restritivas para evitar colapso, já que cerca de 90% das UTIs estão lotadas, o deputado Sebastião Rezende (foto), da Igreja Assembleia de Deus, teve a...

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto), que não tem a ver com o caso....

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...