Últimas

Segunda-Feira, 11 de Junho de 2007, 08h:59 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Governo Maggi ignora promessas de campanha

   Blairo Maggi (PR) é um dos poucos gestores que, mesmo não tendo cumprido várias promessas em palanque desde a campanha para o primeiro mandato, em 2002, mantém a popularidade em alta e leva vantagem em alguns setores quando comparado a gestões anteriores. Um das razões deve ser o fato de não enfrentar oposição, que entrou em processo fraticidade após duas derrotas seguidas, todas com o ex-senador Antero de Barros (PSDB) e de cooptar o então barulhento PT.

    Isentar de ICMS todos os produtos que compõem a cesta básica foi uma das promessas bastante difundidas pelo "rei da soja". Só contemplou, porém, quatro itens. Garantiu também que, se eleito governador, reduziria a alíquota de ICMS sobre energia elétrica e telefonia. Hoje, com cinco anos no cargo, Maggi nem toca mais no assunto, após refazer as contas.

    Também havia se comprometido a repassar 50% dos recursos do Fundo Estado de Transporte e Habitação (Fethab) para os municípios. De novo, recuou. A reforma administrativa chegou a avançar, mas na teoria. Um estudo foi concluído, prevendo extinção de algumas pastas e fusões de outras, além do fim de alguns órgãos da máquina estatal. Nada saiu do papel. A tal reforma sistêmica, minireforma para enxugar a máquina, enfrenta embate jurídico.

     Por outro lado, o governo Maggi avançou em projetos estruturantes. Conseguiu cumprir além da promessa de viabilizar a construção de 20 mil casas populares. Consolidou pavimentação asfáltica, também além dos 3 mil km prometidos, com ajuda dos consórcios rodoviários. Parece ter sido o bastante para conseguir aval junto à maioria da população.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • João Batista | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Até hoje não vi nem presidente de sindicato de classe em segundo mandato trabalhar da mesma forma. Por isso reeleição para mim é fria.

  • Aladir Leite Albuquerque | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Governo pode até está com sua popularidade em alta, mas se tratando de servidores publicos não é bem assim,praticamente em todas as secretarias à exesso de cargos comicionados.
    Na SETECS por ex. o Governo gasta acima R$ 333.000,00 mês somente com os famosos D.A.S isto por ano reprenta mais de (três milhões, e setescentos Mil Reais) tenho este levantamento em mãos.
    Meu nome é Aladir Leite Albuquerque, sou Diretor do (SINDES) Sindicato dos Profissionais do Desenvolvimento Economico Social, e tenho 30 anos de serviços prestados ao meu querido Estado de Mato Grosso.

  • Aristóteles Potter | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Realmente o Governador está devendo em relação ao realinhamento salarial de várias categorias profissionais. Agora, quanto oo critério de não cumprir promessas, o prefeito wilson santos é imbatível.

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.